23 de março de 2017

rertirada de artesãos da pr da alfandega esta manha

 

TOU NOS FINALMENTE DO LIVRO DOZOZIMO.

ALGUMAS PARCAS OBSERVAÇÕES.

1.

ERA UM BEBADO.

2.

PEGAVA CARRO DAS MONTADORAS PRA USAR DE GRAÇA

3.

MAS ERA MUITO TRABALHADOR.

4.

ME SURPREENDEU A VIDA ' OCULTA' QUE ELE TINHA. NÃO ERAM AMANTES. ERAM PUTAS MESMO. QUE IAM DESCONTAR O CHEQUE DO BCO NACIONAL NA AG. DO JB E DAÍ DESCOBIRAM O MOCO DELE. QUE SUMIA.

5

FIKEI CURIOSO DE LEVAR UM PAPO COM O TIMOTEO QUE AO QUE ME DISSE NÃO QUERIA DAR DEPOIMENTO AO AUTOR DO LIVRO. FOI CONVENCIDO, OU FORÇADO, NÃO SEI POR UM ' AMIGO DA GLOBO' DO TIMOTEO. QUEM SERÁ ESTE PODEROSO AMIGO DO TIMOTEO.

6.

ZOZIMO FOI GANHANDO 15 MIL DOLARES MENSAIS NO GLOBO. PRA SAIR DO JB. AUGUSTO NUNES QDO VEIO PRA ZH EM 92 VEIO GANHANDO ISTO.

7

CANDIDO NORBERTO TIRAVA SARRO DO LAURO SCHIRMER E DO FELHBERG QUE ECONOMIZAVAM ATÉ PALITO DE FOSFORO E DEPOIS OS JUDEUS DA AV. IPIRANGA PAGAVAM BALAIOS PROS PAULISTAS QUE CHAMAVAM OS DAKI DE ' ALDEÕES'.

8

OU COMO DIZ O DITADO. QUIEM MUCHO SE AGACHA, EL CULO LE APARECE.(oc)

 

BOM EMPREGO

O GRANDE EMPREGO DA MARIANA KALIL É SER CASADA COM O FILHO DO SPEROTTO. OU TU ACHAS, LAURINHO, QUE REPORTER FREQUENTA A PRAIA DE STO IGNÁCIO??INDA MAIS DA rbs A FAMOSA REDE BAIXO SALÁRIOS????

CONTA OUTRA MEU. ELA DEIXA A ZH PQ A RIGOR NUNCA PRECISOU TRABALHAR.

ISTO NÃO TIRA O TALENTO DA TURCA.

 

de Itapoã

estive na marione hj em itapua. ela não tava. só o ze trabalhando e uma faxeneira. vim me embora andei até de charrete me deram uma carona. a egua voava pra baxo axei que ia cair eu e o dono da xarete. kkkk

claro que eu ia axar um local dos lokos. e axei um sitio meio MALUCO. DEVE TER ROLADO MUITA FUMACE ALI EM NOITES DE LUA. KKKK OS MAGROS SEMPRE SE MTEM NESTES LOKAIS.

 

AÇÃO SOLIDÁRIA REVITALIZA ÁREA NO 4º DISTRITO

Dentro das comemorações da Semana de Porto Alegre, será realizada nesta quinta-feira (23) uma ação solidária visando a revitalização da área localizada ao lado da Unidade Básica de Saúde da Vila Farrapos. A iniciativa resulta de parceria entre a AEHN – Associação das Empresas dos Bairros Humaitá e Navegantes, IPA – Centro Universitário Metodista e a Prefeitura da Capital.
No espaço, situado na Rua Graciano Camozzato, nº 185, no bairro Farrapos, vem ocorrendo o descarte indevido de lixo, perturbando os moradores e as atividades da Unidade Básica de Saúde através da liberação de odores e contaminação da área por meio de pragas e insetos gerados pelo acúmulo dos resíduos.
A ação consistirá na limpeza do lixo e revitalização do local através da criação de um pomar urbano somado à instalação de um espaço de convivência (parklet). O projeto buscará envolver a comunidade estimulando sua participação efetiva na retomada do espaço público para uso coletivo evitando o descarte irregular e propiciando a produção de alimentos.
ATENÇÃO IMPRENSA: O EVENTO SERÁ REALIZADO NESTA QUINTA-FEIRA (23) DAS 14H ÀS 17H AO LADO DA UNIDADE BÁSICA DE SAÚDE DA VILA FARRAPOS – RUA GRACIANO CAMOZZATO, Nº 185 – BAIRRO FARRAPOS. MAIORES INFORMAÇÕES PODEM SER OBTIDAS COM LUCIANA TELES, DA AEHN – FONE 99108.2209.

 

Obrigada

RARO COMO MOSCA BRANCA, AS X A GENTE ENCONTRA UM COLEGUINHA EDUCADO.OLIDES

De: imprensa@
Data: 22/03/2017 18h19min47s UTC

Olides, boa tarde

Muito obrigada pela divulgação da palestra sobre agroglifos.

Abraço

Rita Escobar

jornalista

 

Arroio Grande será beneficiado com a perfuração de poços artesianos

Na manhã desta quarta-feira (22), foi firmado com a prefeitura municipal de Arroio Grande o acordo operacional para perfuração de dois poços artesianos em comunidades do interior do município.

O Programa de Perfuração de Poços Artesianos é desenvolvido em parceria com a Companhia Riograndense de Saneamento (CORSAN), beneficiando as comunidades do interior do Estado que não possuem fornecimento de água.

A demanda encaminhada pela prefeitura prevê a perfuração de dois poços artesianos no interior do município, um nas imediações da Escola Municipal 11 de Setembro e outro na localidade do Chasqueiro, no Assentamento Novo Arroio Grande, beneficiando diretamente 150 famílias.

Participaram da assinatura do convênio o secretário Estadual de Obras, Saneamento e Habitação, Gerson Burmann, o prefeito de Arroio Grande, Luis Henrique Pereira da Silva, o secretário municipal da Administração, Adilson da Rosa Andrade, o assessor parlamentar, Orlando Burmann, o diretor de saneamento da SOP, Fernando Urnau D’Avila e o diretor geral, Valmor Krysczun.


22 de março de 2017

EXCLUSIVO

BARBUDO DO MJDH DESCOBRE REU NAS PRAIAS DO NORDESTE

FOI NO FEICE QUE O BARBUDO DO MJDH, JAIR KRISTSCHE DESCOBRIU UM REU EM TRES PAISES, ARGENTINA, URUGUAI E

ITALIA. ELE TAVA LÁ LEPIDO E FACEIRO NAS PRAIAS.

HJ O REU MORA EM LIVRAMENTO E QUER O FIGADO DO BARBUDO COM VINAGRETE. POR ISTO OS BANDIDOES DO ERP E DOS MONTONEROS TÃO AKI DE NOV O PRA DAR GUARDA AO BARBUDO.

 

FRIBOY

VI AGORA NO NACIONAL DA CARAZINHO UM CARA COMPRANDO CARNE. TUDO O QUE ELE QUERIA É QUE ELA NÃO FOSSE FRIBOY.

 

mala suerta

UM MEDICO CARDIOLOGISTA, QUE ATENDE NO MÃE DE DEUS, SO PEGOU VAGABUNDO DE GENRO. ALIAS UMA TESE MINHA É QUE OS MOÇOS NÃO QUEREM MAIS PEGAR NO BASQUETE COMO NO MEU TEMPO. TODOS SE ENCOSTAM OU NUMA VIUVA, NUMA SOGRA,NUM SOGRO E POR AI AFORA. A VAGABUNDAGEM CAMPEIA. AS MUIE É QUE TÃO SUSTENTANDO A TTURMA. MAS É PQ QUEREM NÉ.

POIS ESTE CARDIOLOGISTA TEM DOIS VAGOS COMO GENROS. UJM MUITO CARO POR SINAL. MORA EM LONDRES.

AGORA FINALMENTE SEU FILHO CASOU BEM. A NORA DO MEU AMIGO MEDICO GANHA MAIS DO QUE ELE COMO PROFESSORA NA ATIVA. AGORA QUEM SE ENCOSTOU É O FILHO DO MEU AMIGO. O QUE COMPROVA MINHQA TESE. OS GURIS TÃO SE ENCOSTANDO NAS MUIES. E O LAURINHO QUE NÃO ME VEIA COM A FILOSOFIA BARATA DELE.

recado pro laurinho

POSTA TUAS ' FILOSOFIAS ' - MEIO BARATAS PRO MEU GOSTO NO TEU FEICE. AKI APENAS ME INTERESSA INFORMAÇÃO.OLIDES CANTON

 

INDESEJADA

APESAR DE TANTOS ANOS NO JORNALISMO, A ESCRITORA TANIA JAMARDO FAILACE É INDESEJADA NO SIND DA CATIGORIA. É CONSIDERADA UM PÉ NO SACO.

QDO CHEGA NO PEDAÇO, OS DIRETORES FOGEM DELA. E HÁ UMA ORDEM EXPLICITA PRA NÃO DEIXA-LA ENTRAR NA SALA DA PRESIDENCIA, ONDE SIMPLESMENTE NÃO É ATURADA.

É QUE ELA FICA ENCHENDO O SACO COM TUDO.

NUMA RECENTE MANIFESTAÇÃO DO SIND NA REDENÇÃO, O PRESIDENTE SIMAS NEM TINHA TERMINADO DE FALAR E ELA JÁ TAVA APORRINHANDO.

NA ANTIGA CALDAS JR. O MALDOSO DO FLÁRIO ALCARAZ DIZIA QUE ELA MIJAVA EM PÉ NO BANHEIRO DOS HOMI.

 

AMUADOS

TAVAM TODOS AMUADOS NO BAR DO ANTONIO0 NESTA SEG PELO PAU QUE DEI NELE NAQUELE DIA.

EU NÃO TENHO AMIGOS. REPORTER NÃO TEM AMIGOS. NO MAXIMO FREQUENTO OS LOCAIS.

E NÃO VENHAM SI QUEIXAR. PELO MENOS ELES NEM SE QUEIXARAM. MAS QU EÉ ESTRANHO UM CARASER CONCESSIONÁRIO DA URGS HÁ 50 ANOS NO MINIMO É.NÃO TOU ACUSANDO NG NEM NADA. MAS É NO MINIMO ESTRANHO.

 

Da mídia

sou fã da turca....(OC)AQUELE LIVRO DELA TURISTA PEREGRINA ME FEZ RIR MUITO(oc)

Enviada: 2017/03/21 08:19:56

M. Kalil deixa a ZH no fim do mês. Caderno mulheril da ZH passará por modificações profundas, para fazê-lo de acordo com o interesse das leitoras. Aliás, todos estão percebendo que ñ dá mais para fazer jornalismo ao gosto dos jornalistas. A concorrência das mídias sociais está muito grande. Por isso estão se obrigando à humildade, a se preocuparem em primeiro lugar com o leitor e seus interesses.

 

do Comunique-se

Lava Jato: blogueiro é alvo de condução coercitiva

O blogueiro Eduardo Guimarães foi levado na manhã desta terça-feira, 21, para prestar depoimento no processo da Lava Jato. O profissional que é editor do Blog da Cidadania foi conduzido coercitivamente até a Superintendência da Polícia Federal (PF) a pedido do juiz Sérgio Moro.

Em reportagem do UOL, a assessoria da PF de São Paulo explica que o mandato foi expedido pela Justiça do Paraná a pedido da polícia federal paranaense e cumprida pelo órgão em São Paulo. Guimarães prestou depoimento acompanhado de um advogado e foi liberado em seguida.

Em post veiculado no Facebook, a equipe do blogueiro falou sobre a medida. “É lamentável viver em um país em que a liberdade de imprensa está sendo pisoteada. E em que pessoas comprometidas com a informação e com a democracia sejam submetidas a todo tipo de constrangimento, por via da lei. A Constituição Federal garante aos jornalistas liberdade de expressão e proteção de suas fontes. Não podemos permitir mais esse arbítrio”, diz o texto.

De acordo com a página Jornalistas Livres, a polícia chegou ao apartamento de Guimarães às 5h e levou o blogueiro, celulares da família e o computador pessoal do comunicador. Ele afirmou que não entendeu o motivo de ter sido levado de maneira coercitiva, já que nunca se recusou a depor. O editor acredita que a PF queria informações sobre quem repassara a ele, em maio do ano passado, a informação de que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva seria levado a depor, também coercitivamente, pela Polícia Federal em São Paulo na 24ª fase da Operação Lava Jato.

“Na verdade, eles já sabem quem me passou a informação de que Lula seria levado coercitivamente e teria seus sigilos quebrados. Recebi as informações de uma fonte e eles queriam saber se eu tenho alguma ligação com a pessoa que vazou, mas não conheço essa pessoa. Disse que divulguei porque é meu trabalho jornalístico – meu trabalho é divulgar”, explicou Guimarães.

O UOL questionou a PF de São Paulo sobre a razão da condução coercitiva, mas não obteve detalhes. Nesta tarde, o blogueiro criou transmissão ao vivo para comentar o assunto.

A página Jornalistas Livres vai promover nesta noite, 21, um ato de repúdio à prisão coercitiva de Guimarães. O encontro está marcado para as 19h no Sindicato dos Engenheiros, ao lado da Câmara Municipal, em São Paulo. O evento conta com transmissão ao vivo pela Fundação Perseu Abramo.

 

Reforma política: qual, quando e como



Nenhuma reforma política motivada por interesse momentâneo, específico ou circunstancial pode prosperar. Se esse for o sentido dos últimos movimentos ocorridos em Brasília, é certo que os formadores de opinião, a imprensa e a população se erguerão contrariamente. Não há dúvida de que o atual modelo está esgotado, isso é praticamente um consenso na sociedade brasileira. Todavia, as alterações não podem ocorrer para privilegiar o status quo de quem exerce mandato, tampouco para impor a vontade dos comandos partidários ou inibir a possibilidade de renovação. Uma proposta com esse viés, no lugar de resolver ou amenizar a crise, entornaria ainda mais o caldo da política brasileira, gerando descrédito e revolta de maneira generalizada junto à população.

O voto em listas partidárias, ainda mais exclusivo, não tem qualquer coerência com a cultura brasileira e o atual estágio de evolução – ou involução – das legendas. O eleitor não pode ser submetido a votar em algo sem significância para ele. E, atualmente, para a grande maioria das pessoas, não há qualquer sigla partidária que mereça, por si, um voto de confiança. Seria, portanto, uma espécie de institucionalização da desconfiança. O cidadão ficaria obrigado a legitimar um sistema do qual discorda.

Precisamos caminhar para o voto distrital, podendo começar no modelo misto e migrar para o puro. Nesse caso, as regiões seriam divididas em distritos, onde haveria eleições para os representantes específicos daqueles municípios agrupados. O maior ganho dessa opção é aproximar o eleitor do eleito, pois, diferente do que ocorre hoje, o escolhido é acompanhado e fiscalizado mais de perto. As pessoas o conhecem. Ora, um país de dimensões continentais como o nosso não pode produzir votos em seres quase intocáveis pelo homem comum. É preciso criar justamente uma relação de corresponsabilidade entre quem votou e quem foi votado.

Os partidos podem recuperar gradativamente sua legitimidade nesse outro sistema, mas isso precisa começar por uma cláusula de barreira que garanta participação de siglas que realmente tenham relevância eleitoral. Não há espaço para 40 agremiações no espectro ideológico e tampouco no imaginário popular. Muitas vezes, os fatos mostram aluguel de legendas, compra de apoios em troca de espaços de televisão, coligações fisiológicas e tomada de poder por verdadeiros proprietários e suas dinastias familiares. É ainda mais inadmissível que essas organizações tenham acesso fácil ao fundo partidário, isto é, ao dinheiro público. Ou seja, tudo vira um negócio – espúrio, porque se abastece das franquias democráticas para delinquir.

A fórmula de financiamento das campanhas também terá de passar por uma revisão. Se o modo anterior era inadequado, o atual – apenas por pessoas físicas – também é irreal. Mas, sem dúvida, o financiamento empresarial deve ser evitado, ou então regulado ao máximo possível. Os últimos escândalos de corrupção mostram que é necessário normatizar uma punição forte para o chamado "caixa dois" e controlar com mais rigor as relações entre as partes envolvidas nas doações eleitorais, mesmo que oficiais. Convém fortalecer e motivar a participação e a contribuição individual, o que pode ocorrer de maneira mista com o fundo partidário.

Independente do mérito dessas e de outras propostas, vejo grandes dificuldades de aprovação de mudanças substanciais nas regras político-eleitorais pelos atuais membros do Congresso Nacional. Isso vale tanto para esta quanto para a próxima legislatura, bem como para as que já passaram e não conseguiram fazer os ajustes. É difícil exigir que legislem contra seus interesses. É por isso que defendo a convocação de Constituinte Revisora Exclusiva, única forma de criar um colegiado capaz de enfrentar as reformas sem ser destinatário delas.

Esse grupo poderia ser escolhido em paralelo à próxima eleição, formado apenas por pessoas que não concorrem aos cargos ordinários. Teria prazo para começar e terminar, com pautas específicas predefinidas. O modelo motivaria a participação de intelectuais e líderes independentes. Seria a única forma de encarar o nó histórico da reforma política, bem como outros como a reforma tributária e o pacto federativo. Não basta, portanto, pensar em mudar a política; é preciso construir, também, formas para que essa mudança ocorra.

Germano Rigotto é ex-governador do Rio Grande Sul, presidente do Instituto Reformar de Estudos Políticos e Tributários e membro do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social da Presidência da República.

 

Secretaria de Obras busca parceria com o Exército para a recuperação de estradas vicinais

O Governo do Estado vem enfrentando uma grave crise financeira, preocupação constante que requer dos gestores públicos iniciativas e ações que visem a contribuir para o desenvolvimento do estado.

A Secretaria Estadual de Obras, Saneamento e Habitação está buscando assegurar novas parcerias para a recuperação de estradas vicinais em regiões estratégicas para a economia e para o escoamento da produção agrícola.

A partir dessa visão o diretor de Desenvolvimento Urbano da SOP, Edson Solon, o chefe de gabinete, Edson Beltrão Santos e o assessor da Casa Civil, Gabriel Weinmann, reuniram-se com o comandante do 4º Grupamento de Engenharia do Exército, Cel. Eng, Rogério Siqueira e com o assessor de Obras de Cooperação do 4º GPTE, Cel. Ênio Roberto Bênia.

“Em períodos de crise devemos desenvolver ações e buscar parcerias que possam contribuir diretamente para a melhor qualidade de vida da população gaúcha, principalmente para aquelas famílias que residem no interior dos nossos municípios e para o escoamento da nossa produção agrícola. Estamos buscando junto ao exército uma parceria que permita o desenvolvimento de ações em trechos pontuais das rodovias vicinais, uma cooperação que deverá beneficiar dezenas de municípios gaúchos”, destaca o diretor de desenvolvimento urbano.

Durante o encontro também foi debatido a realização de treinamento e qualificação de profissionais para a execução dos serviços e operação das máquinas. O Exército Brasileiro tem sido um importante parceiro do Governo do Estado, em ações e iniciativas que contribuem diretamente para o bem estar da população.

 

Novo Diretório Estadual será eleito no próximo sábado

O Diretório do PMDB-RS realizará a sua Convenção Estadual no próximo sábado, 25 de março, das 8h30 às 13h, no Auditório da AIAMU (Rua dos Andradas, 1234, 8ª andar, Bloco B, Edifício Santa Cruz), em Porto Alegre. No encontro será eleito o novo Diretório Estadual que estará à frente da direção partidária pelo biênio 2017-2018. Durante a manhã haverá programação especial, com a participação de lideranças estaduais e o lançamento do Livro "O meu partido é o Rio Grande", do peemedebista Paulo Bureseska.

SERVIÇO

Data
25 de março de 2017

Horário
Das 8h30 às 13h

Local/Endereço
Auditório da Associação dos Agentes Fiscais da Receita Municipal de Porto Alegre (AIAMU)
Rua dos Andradas, 1234, 8ª andar, Bloco B, Edifício Santa Cruz, em Porto Alegre, (um andar abaixo da sede estadual).

Quem vota?
- Membros do Diretório Estadual
- Deputados Estaduais, Federais e Senador
- Delegados Municipais
* É permitido o voto cumulativo
* Suplentes votam a partir das 11h30

O que a Convenção elege?
- Diretório Estadual (71 membros titulares e 23 suplentes)
- Conselho de Ética e Disciplina Partidária (7 membros titulares e 7 suplentes)
- Delegados à Convenção Nacional (35 titulares e 35 suplentes)
* Integrantes da Comissão de Ética e Disciplina Partidária não podem integrar o Diretório ou qualquer outro órgão dirigentes.

Escolha da Executiva e Conselho Fiscal
- Após a Convenção Estadual e empossado o novo Diretório Estadual é realizada a eleição da Comissão Executiva Estadual (13 titulares 4 suplentes) e do Conselho Fiscal ( 5 titulares e 5 suplentes).
- A escolha dos dois órgãos pode ocorrer na data da Convenção Estadual ou até cinco dias após.

 

Desmistificando a reforma da previdência

Ainda existem dúvidas sobre a Proposta de Emenda Constitucional 287/2016, que trata da reforma da previdência social, sua necessidade e seus impactos nas contas públicas. A matéria está sendo debatida numa Comissão Especial da Câmara dos Deputados e deve virar Lei ainda no primeiro semestre de 2017. O deputado Darcísio Perondi (PMDB-RS), vice-líder do Governo na Casa e homem de confiança do presidente Michel Temer na Comissão Especial, nesta entrevista, tira dúvidas e rebate o que ele classifica de “mitos e mentiras” divulgadas pela oposição sobre a proposta. Segundo Perondi, o grande desafio do Governo é a informação. “Se conseguirmos desmistificar e desconstruir as alegações da oposição e informar a verdade sobre a necessidade e a urgência da reforma, aos deputados e senado res que votam, e também à população, não tenho dúvidas que teremos o apoio necessário para aprova-la”.

Por que é necessário fazer ajustes na Previdência?

De cada 100 brasileiros, 12 já passaram dos 60 anos. Em pouco mais de 40 anos, os idosos serão quase metade da população, ou seja, mais gente vai depender da aposentadoria. Se hoje a conta já não fecha, imagina lá na frente. As contribuições previdenciárias, descontadas todo o mês do salário do trabalhador, já não são suficientes para bancar as aposentadorias. O Regime Geral de Previdência Social (RGPS) é de repartição simples: quem está na ativa sustenta o benefício de quem já está fora do mercado, inativo (aposentadorias, pensões, auxílios), por meio de um pacto de gerações. As projeções populacionais mostram que, em 2060, teremos menos pessoas em idade ativa do que hoje. Ao mesmo tempo, o número de idosos irá crescer 262,7% nesse me smo período. O art. 40 da Constituição e a Lei nº 9.717/1998 exigem que seja mantido o equilíbrio financeiro e atuarial dos Regimes Próprios de Previdência Social (RPPS). Daí a importância de que seja feita a reforma, pois as regras atuais de concessão de benefícios não estão permitindo que esses regimes alcancem esse equilíbrio. A população idosa vai saltar de 22 milhões de pessoas com 60 anos ou mais para cerca de 73,5 milhões em 2060. Em termos de proporção da população, no mesmo período, a participação dos idosos na população total vai saltar do patamar de 10% para cerca de 33,7% em 2060, conforme a projeção demográfica do IBGE divulgada em 2013. Naquele ano, uma em cada dez pessoas era idosa. Em 2060, uma em cada três será idosa. Além disso, a taxa de fecundidade caiu entre 1980 e 2015. No passado, as nossas avós e bisavós faziam mais filhos, em torno de 8 a 10. Hoje, são apenas 1,7 filhos nascidos vivos por mulher, implicando menor crescimento da população no futuro. Para que haja equilíbrio, são necessários 2,1 filhos por família. A Previdência Social, por consequência, contará com número menor de contribuintes e aumento na quantidade de beneficiários, o que irá pressionar de modo considerável sua despesa e necessidade de financiamento.

A oposição diz que o cidadão terá que trabalhar até morrer. Isso é verdade?

A reforma estabelece aposentadoria aos 65 anos de idade e 25 anos de contribuição. Será criada uma regra de transição (homens com mais de 50 anos e mulheres com mais de 45 anos). Esta afirmação da oposição é um grave equívoco, pois está sendo usada como referência a expectativa de vida do cidadão ao nascer, que é influenciada, para baixo, pela mortalidade infantil e pela morte de jovens por causas violentas, como acidentes de trânsito e homicídios. É por isso que em Estados pobres a expectativa de vida ao nascer é tão baixa. Para a Previdência, o que importa é a expectativa de vida não no nascimento, mas na idade da aposentadoria. Este conceito previdenciário é chamado de “expectativa de sobrevida”. Aos 65 anos, a expectativa de sobrevida do brasileiro & eacute; de mais 18 anos, totalizando 83 anos e meio. A boa notícia é que esta expectativa vem aumentando e varia pouco pelo país (é de cerca de 84 anos no Sul e 82 e meio no Nordeste). Se de fato os aposentados morressem em média com 66 anos, seria um absurdo a reforma da Previdência. Importante ficar claro que, no Brasil, as crianças morrem mais ao nascer, depois aos 30 dias, depois um ano e depois aos cinco anos. Além disso, a expectativa de vida também cai por conta da violência na juventude. Dizer que o cidadão vai trabalhar até morrer, é desconhecimento. Nós usamos dados do IBGE.

Mas por que o cidadão terá que trabalhar 49 anos para receber aposentadoria integral? Isso não é injusto?

À primeira vista, a frase acima parece verdadeira. De fato, com a reforma, o cálculo dos benefícios seria de 51% da média, mais 1% por ano de contribuição, totalizando 49 anos para chegar em 100%. Por que então isso é um mito? O Brasil é pobre. Apesar de nosso desenho previdenciário ser profundamente desequilibrado, 2/3 dos benefícios são de um salário mínimo, que passou por uma expressiva valorização real, acima da inflação, desde os anos 90, e especialmente nos governos do PT. Ocorre que no Brasil, ao contrário de outros países, o salário mínimo também é a “aposentadoria mínima”, independentemente do valor contribuído. A reforma não alterou isso (vinculação ao salário mínimo). Com esta vinculação, bo a parte dos trabalhadores receberá a sua média integral, 100%, apenas com o tempo mínimo de contribuição ou, muitas vezes, muito mais do que os próprios 100%. Como o salário mínimo cresceu acima da inflação, o passado do salário de contribuição deste trabalhador está abaixo do salário mínimo atual. Um trabalhador que tenha recebido apenas o salário mínimo desde 1995, teria em 2017 uma média salarial atualizada pela inflação de R$ 666, bem abaixo da “aposentadoria mínima” de R$ 936 – o atual valor do salário mínimo. Hoje, pelo Regime Geral da Previdência, ninguém se aposenta na integralidade. Tanto é que o Fator Previdenciário toma da mulher 35% quando ela se aposenta, e do homem, 30%. Estamos acabando com o Fator. No Regime Geral não tem integralidade, no Bra sil e em nenhuma parte do mundo.

E o restante dos trabalhadores, que ganha acima de 1 salário mínimo? Trabalharão 49 anos para ter o benefício integral?

Também não. A proposta do governo mantém o cálculo da média salarial que existe hoje, que não é exatamente uma média. Neste cálculo, são excluídos os 20% piores salários da vida do trabalhador. Por isso, uma aposentadoria com 100% de sua média salarial pode ser obtida muito antes de 49 anos de contribuição (por exemplo, com 30 anos de contribuição). O tempo exato depende da trajetória dos salários deste trabalhador. Só realmente teriam que trabalhar 49 anos para conseguir 100% do salário médio aqueles que ganhavam mais que o salário mínimo e receberam sempre mais ou menos o mesmo salário ao longo de toda vida, sem promoções, aumentos ou mudanças para empregos que paguem melhor. Nestes casos, não faz diferença para o cálculo excluir o s 20% piores salários (justamente porque eles são parecidos com os 80% restantes). Assim, caso o Congresso opte por manter a fórmula de cálculo proposta pelo governo, pouquíssimos trabalhadores teriam que trabalhar tanto para conseguir uma aposentadoria integral. Na verdade, ainda que o trabalhador se aposente aos 65 anos com cerca de 90% de seu rendimento médio, a proporção entre o valor da aposentadoria/salário médio (taxa de reposição) será compatível com a de outros países, ricos ou emergentes.

A oposição também diz que o trabalhador mais pobre será o mais prejudicado com a reforma. Isso é verdade?

É muito justa a preocupação com o trabalhador pobre. No entanto, precisa ficar claro que ele já se aposenta com uma idade mínima. O Brasil é imensamente desigual, como é desigual o acesso à aposentadoria. Existe uma aposentadoria mais voltada para a classe média e alta, onde não existe idade mínima, e outras voltadas para o trabalhador pobre, com idade mínima. A reforma da Previdência cria uma idade mínima para a aposentadoria por tempo de contribuição, aquele benefício que o homem recebe com 35 anos de contribuição, e a mulher com 30. Este benefício quase não é pago aos pobres, justamente porque conseguir décadas de emprego com carteira assinada é muito difícil para eles. Por isso, a aposentadoria por tempo de contribuição é a aposentadoria dos mais esco larizados e das regiões mais ricas do Brasil. Homens são seus principais beneficiários. O trabalhador pobre, penalizado pelo desemprego e pela informalidade, pode até trabalhar 35 anos, mas geralmente sem carteira assinada por todo o período. Ele recorre a outros benefícios em que já existe idade mínima, mas que exigem menor tempo de contribuição (15 anos). É o caso da aposentadoria por idade urbana (65 anos para homens, 60 para mulheres) e rural (60 para homem, 55 para mulheres). Muitos trabalhadores se “aposentam” também pelo Benefício de Prestação Continuada (BPC), um benefício assistencial, que acaba sendo usado para quem não conseguiu 15 anos de contribuição, e só é pago aos 65 anos (homem ou mulher). Mulheres são as principais beneficiárias.

Afinal, existe ou não déficit da previdência?

Existe déficit e muito grande. Em 2016, a Previdência Social registrou um déficit de R$ 151,9 bilhões, crescimento de 59,7% em relação a 2015. A previdência urbana fechou 2016 com déficit de R$ 46,8 bilhões. A rural, de R$ 105 bilhões, resultado de uma arrecadação de apenas R$ 8 bilhões e despesa com pagamento de benefícios de R$ 113 bilhões para oito milhões de aposentados. Não se pode esquecer o buraco na previdência dos Estados (setor público), de R$ 87 bilhões, e de R$ 77 bilhões no setor federal (3 milhões de servidores militares e civis). O orçamento da Seguridade Social, que inclui além da Previdência, Saúde e Assistência Social, é deficitário em cerca de R$ 255 bilhões. Para chegar ao “superávit” alegado pela oposi&cce dil;ão e pela Associação Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal (Anfip), é necessário incorporar como receita a DRU (Desvinculação de Receitas da União), um mecanismo criado para que a União não compartilhasse com Estados e Municípios um dinheiro que financia outras despesas do Governo Federal (mas não a dívida). Entretanto, ainda que consideremos estes recursos como sendo de fato da Seguridade, a conta ainda é deficitária em cerca de R$ 165 bilhões.

Se até com a DRU a conta da Seguridade é deficitária, como a Anfip chega em um superávit?

É porque a Anfip e a oposição trazem para a conta as receitas e despesas da Seguridade Social e exclui o Plano de Seguridade Social do Servidor, ou seja, as aposentadorias e pensões do funcionalismo. Como este regime é extremamente deficitário, retirar suas receitas não afeta muito o lado da arrecadação, mas retirar suas despesas afeta muito o lado da despesa. Passa a haver então, para o ano de 2015, um pequeno superávit, de R$ 10 bilhões. Ou seja, mesmo com a DRU, a Seguridade é deficitária e só passa a ter superávit se os servidores públicos forem retirados da conta. É essencial compreender que o problema da Previdência é principalmente devido pelo profundo e veloz processo de envelhecimento da população, ou seja, pelo crescimento da despesa, e não por problemas de lançamento cont ábil. Por conta deste crescimento da despesa, e da queda conjuntural da arrecadação decorrente dos efeitos da recessão sobre o mercado de trabalho, até a conta da Anfip passou a ser deficitária em 2016. Não por acaso, este dado atualizado não tem sido apresentado no debate. Vale lembrar que a DRU não tira dinheiro da cota patronal e nem do empregado.

Quem já é aposentado terá alguma alteração no benefício?

Não. Quem já está aposentado ou já adquiriu todos os requisitos e prazos para se aposentar, não será afetado pela reforma. A regra serve para todos, trabalhadores e servidores públicos.

Há muita resistência na fixação de idade mínima de 65 anos para aposentadoria. Pode haver alguma flexibilização?

Não deve haver mudança no texto em relação à idade mínima de 65 anos de idade e 25 anos de contribuição. A maioria dos países já está acima dos 65 anos de idade para homens e mulheres. Muitos países, inclusive, já estão pensando em aumentar. No Brasil, 55% dos cidadãos já se aposentam com 65 anos. A média de idade de aposentadoria é de 64 anos nas Regiões Norte e Centro-Oeste, 63 anos no Nordeste, 61 anos no Sudeste e 58 anos no Sul. Portanto, números muito próximos da idade de 65 anos defendida na reforma. Estamos acabando com aposentadorias precoces em todos os níveis.

E por que as mulheres também têm que se aposentar com 65 anos?

67% dos países do mundo já adotam regras de aposentadoria iguais para homens e mulheres. A combinação de idade menor e/ou menos tempo de contribuição com uma expectativa de sobrevida maior implica em pagamento do benefício por maior tempo para as mulheres do que para os homens, normalmente sem a contribuição correspondente. A justificativa de manutenção deste tratamento diferenciado para as mulheres em função das desigualdades de gênero no mercado de trabalho e da chamada “dupla jornada” precisa ser reavaliada. Afinal, as desigualdades de gênero têm sido reduzidas de forma significativa no país; tais disparidades precisam ser enfrentadas por políticas que atuem diretamente sobre as causas da desigualdade e não de forma compensatória no âmbito da previdência social; e homens tê m maior jornada no mercado de trabalho e não há tratamento diferenciado de aposentadoria em função de jornada de trabalho. É importante também que os homens ajudem mais em casa.

A reforma criará um regime de previdência único para todos os trabalhadores?

Não. Continuarão coexistindo o Regime Geral de Previdência Social (INSS) e os Regimes Próprios dos servidores públicos efetivos da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios. Entretanto, eles passarão a ter convergência de regras de acesso aos benefícios, fortalecendo o princípio da igualdade e justiça social entre os trabalhadores. Servidores públicos, celetistas, professores e policiais, se submeterão às mesmas regras para requerimento de benefícios.

E as autoridades, estarão sujeitas a estas regras únicas?

Todos, deverão participar e dar sua contribuição nesse processo de salvação da previdência e do País. Esta reforma vai atingir todos e combater os privilégios crônicos e nojentos. Por exemplo, vai pegar um promotor ou um juiz que pode se aposentar acima de R$ 33 mil mensais. Vai pegar o auditor fiscal, o senador, o deputado, ministro do Supremo Tribunal Federal, o Presidente da República. Todos vão contribuir com esta reforma. Os pobres não vão perder, apenas terão que trabalhar um pouco mais. Servidor público (federal, estadual ou municipal), a partir de 2003 e os novos, entrarão nas novas regras. Por exemplo, o deputado ou o juiz passa a aposentar-se no teto do Regime Geral da Previdência, que é de R$ 5.155. Se ele quiser receber mais, terá que fazer capitalização.

O segurado especial, como índio, agricultor e pescador, que exercem sua atividade em regime de economia familiar, vão poder se aposentar com idade reduzida?

Não. A idade mínima para a aposentadoria desses segurados será a mesma, de 65 anos, estabelecida para os segurados urbanos. Haverá regra de transição também para o segurado especial. Nós tivemos uma conquista maravilhosa na área de previdência rural e de saúde rural. Substituímos o Fundo Rural pelo Sistema Único de Saúde. Mesmo questionado, ainda é o melhor plano de saúde pública do Mundo. Na reforma da Constituição, em 1988, liderada pelo PMDB, implantamos os 55 anos para mulheres e 60 anos para homens a título de aposentadoria rural. Em seguida, o presidente Itamar Franco regulamentou o benefício rural no valor de um salário mínimo. Nesses mais de 30 anos, não há dúvida de que as condições de trabalho na lavoura melhoraram. Não se pode comparar o que nossas mães, tias e avós faziam na lavoura naquela época com os tempos de hoje. Estamos usando menos veneno, por conta da biotecnologia, temos sementes transgênicas e muita tecnologia no campo. Entendo, que o trabalho rural exige tempo, mas o operário dos grandes centros também levanta às seis horas e só retorna para casa depois das 21, 22 horas. Mesmo que não houvesse fralde na aposentadoria rural e sonegação, não tem como cobrir o buraco de mais de R$ 100 bilhões na previdência rural. As mulheres também estão vivendo mais no campo. Nossas tias, há 40 anos, morriam mais cedo. Esse problema precisa ser enfrentado. Vai faltar dinheiro. O Governo vai assegurar esse pagamento. O trabalhador rural vai contribuir com R$ 50 por mês, mas vai garantir uma aposentadoria de quase R$ 2 mil.

E professores?

Também os professores, que antes poderiam se aposentar com tempo reduzido ao contabilizar o tempo em sala de aula, seguirão as mesmas regras estabelecidas para os demais trabalhadores. A única exceção é para os trabalhadores com deficiência. Reconheço que a atividade do professor, bem como a do mineiro, a do operário, são duras. Mas o buraco fiscal é grande e todos estão vivendo mais. Não tem como uma professora se aposentar com 50 anos. As regras de transição serão respeitadas e os professores terão cinco anos a menos que os demais trabalhadores. Com a longevidade e o gasto da previdência pública, é fundamental a modificação das regras. Do contrário o professor não vai receber.

E as regras de transição. O texto do Governo fala em 50 anos para homens e 45 para mulheres. Existe alguma possibilidade de flexibilização?

A regra atual para aposentadoria segue a Fórmula 85/95 e o Fator Previdenciário. Por essa fórmula, uma mulher só pode se aposentar quando a idade dela mais o tempo de contribuição for igual a 85 e, no caso dos homens, 95. Na proposta que o Governo encaminhou ao Congresso, estão sendo fixadas regras de transição, a partir de 50 anos para homens e 45 anos para mulheres. Quem se enquadrar nessas faixas etárias, terá de “pagar um pedágio”. Deverá trabalhar o equivalente à metade do tempo de contribuição que falta para ter direito à aposentadoria. Por exemplo: uma mulher tem 47 anos e completará o período de contribuição aos 51 anos. Com a regra de transição, ela terá que trabalhar quatro anos, mais a metade, portanto, seis anos para se aposentar. No caso de um homem de 52 a nos, que completará o prazo para aposentadoria aos 58 anos: ele terá que trabalhar seis anos, mais a metade, três anos. Terá, portanto, nove anos para se aposentar.

A reforma muda o regime de aposentadoria e pensões de militares?

Os militares ficaram de fora da proposta porque não são regidos pelas diretrizes comuns da Previdência, uma vez que não se "aposentam", mas entram para a reserva, e podem, em tese, ser chamados para as atividades a qualquer momento. O benefício não é considerado uma aposentadoria, mas uma continuidade do pagamento do salário já que eles continuariam disponíveis para servir às Forças Armadas em situações de conflito. A Constituição Federal remete a reforma da previdência dos militares para um Projeto de Lei Ordinária, que deve ser encaminhado nos próximos noventa dias ao Congresso. Os militares também terão que participar desta reforma.

Como fica a pensão por morte?

Mudanças são fundamentais. O Brasil gasta hoje 2,7% do PIB com pensão por morte. As regras brasileiras são as mais benevolentes do mundo. Na proposta da reforma da Previdência, a pensão por morte será de 50% do valor do benefício, com adicional de 10% por dependente. No caso de um dependente, por exemplo, o valor seria igual a 60% da aposentadoria. No caso de cinco dependentes, como a viúva mais quatro filhos, esse valor chegaria a 100%. Haverá irreversibilidade das cotas entre os dependentes e vedação de acumulação com outra aposentadoria ou pensão. Ou seja, quando o filho atinge a maioridade, essa cota de 10% não é revertida para a viúva. Outra alteração que estamos falando é a vedação da acumulação da aposentadoria. A regra se altera para que a pessoa escolha entre aposent adoria ou a pensão. A pensão por morte será desvinculada do salário mínimo e as mudanças valem tanto para o regime do setor privado quanto para o público. Importante que fique claro: no caso das pensões por morte, também permanecem os direitos adquiridos. São oito milhões de pensionistas, que custam R$ 200 bilhões por ano. É assustador! Vou dar o exemplo de um casal de promotores. No caso da morte de um deles, o marido por exemplo, a viúva vai receber o salário dela, que altíssimo, e mais a pensão do marido, que é no mínimo o teto, de quase R$ 34 mil mensais. É legal, mas é injusto e impossível de ser sustentado pelo Estado. Por isso é que eu sofro mais pressão das corporações públicas graúdas e egoístas, que pensam mais no seu bolso do que no País. Eu e o Presidente M ichel Temer estamos pensando na Nação.

O senhor tem algo a acrescentar?

Essas reformas, da previdência e trabalhista, estão sendo comandadas por um homem preparado, íntegro, conhecedor, corajoso e ousado. Michel Temer não pensa em reeleição. Ele pensa no presente e no futuro dos aposentados atuais e dos próximos, nas crianças e nos jovens. Com as duas reformas, o presidente vai entregar o Brasil com inflação, juros e dívida bruta bem menores, e tendo armas desde já para enfrentar a maior tragédia que vive o Brasil nos últimos anos, a tragédia dos 13 milhões de desempregados e das empresas fechando. As campanhas que a CUT está fazendo contra mim, só me estimulam a trabalhar para a Nação e para todos os brasileiros.

21 de março de 2017

bugio de itapua

 

SINDICATO DOS JORN NÃO TEM UM LOCAL PRA SOCIOS BOIAR...

SIM,ALGUNS VÃO LÁ DE MARMITA PRA PODER COMER EM PAZ. HJ CHEGOU UMA SENHORA, QUE TINHA IDO NA ARFOC E LÁ TB TAVA FECHADO. COM A MARMITA ELA FOI PROCURAR UMA PRAÇA DE ALIMENTAÇÃO PRA COMER. TÁ FEIA A COISA. ...DIZEM QUE O CRISTIANO NUNES É CONTRA ESTE NEGOCIO DE ASSOCIADO FREQUENTAR O SINDICATO ELE SO QUER QUE PAGUEM A MENSALIDADE E DEU PRA BOLA.

 

TVE

sim mas o que se queria não era diminuir custos de mão de obra. então quer dizer que os funcionários vão continuar. esta é a pergunta..(OC)pq no velorio da licia peres tinha uma reporter da tve.fazendo materia.(OC)

Enviada: 2017/03/20 21:04:06

A TVE ñ vai sair do ar. O que está sendo liquidado é a Fundação. A TVE vai continuar num outro esquema de produção q ainda estão alinhavando. Bem capaz que vão abrir mão de um canal de tv e de uma frequência de rádio. hahahah!

 

Cara dum fucinho doutro

De: "Renato Kern"
Enviada: 2017/03/20 09:58:29

Cara de um, focinho do outro

O técnico colorado é a cara do Pinduca (Henry, no original) dos quadrinho antigos

 

do Terra

De topless, Leticia Datena estampa a nova capa da 'Playboy'

Próxima edição com a filha do jornalista José Luiz Datena estará nas bancas a partir do dia 26

A Playboy divulgou nesta segunda-feira (20) a capa da próxima edição, que estampa a beleza e toda sensualidade de Leticia Datena apenas de calcinha. Além disso, revista deu uma pequena amostra do ensaio ao publicar uma foto pra lá de ousada com a filha do jornalista José Luiz Datena usando apenas uma lingerie transparente.

"O Outono está chegando e vem trazendo a espetacular Leticia Datena em um ensaio saboroso como um bom vinho", disse a publicação ao postar no Instagram a primeira imagem do ensaio da apresentadora, que foi feita em uma vinícola no Sul do Brasil.

Aos 30 anos, recém completados, Leticia se diz mais confiante do que aos 18, quando recebeu o primeiro convite para posar nua. "Que bom que não fiz antes, porque aos 30 estou em minha melhor forma”, divertiu-se a modelo. A gata também já estampou as páginas da revista em 2014, na seção 'Mulheres Que Amamos'. A edição de abril chega às bancas no próximo dia 26.

 

do Comunique-se

mas que titulo mais cretino a pf foi arrumar. mais logico impossível. carne fraca!!!!!!!!!!!!!!!(OC)

Carne Fraca: JBS e BRF investem em anúncios com comunicados oficiais


(Imagem: Nelson Duarte/Secretaria Municipal de Saúde-RJ)

As empresas JBS e BRF estão vivendo dias turbulentos desde a deflagração da operação Carne Fraca, desencadeada pela Polícia Federal. Na sexta-feira, 17, foi revelado que havia esquema de pagamento de propinas a fiscais agropecuários do Ministério da Agricultura para que frigoríficos pudessem vender produtos adulterados com produtos químicos e carnes vencidas. Com os reflexos das acusações, as duas empresas emitiram comunicados oficiais em vídeo, durante o intervalo do ‘Fantástico’ para justificar as informações divulgadas pela investigação.

Os conteúdos dos comunicados foram divulgados, ainda, em espaços publicitários além do programa dominical da Rede Globo. As duas empresas investiram em link patrocinado no Google, impulsionaram posts no Facebook e compraram espaços em intervalos comerciais de emissoras de rádio.

Em seu comunicado à imprensa, a BRF – dona da Sadia e Perdigão – falou sobre a interdição em uma de suas fábricas, localizada na cidade de Mineiros (GO). A marca afirma que a produtora destina produtos a exportações e mercado interno, seguindo diferentes normas estipuladas por países como Canadá, União Europeia, Rússia e Japão. Foi informado que o local foi interditado pelo Ministério da Agricultura, até que a BRF possa prestar as informações que atestem a segurança e a qualidade dos produtos produzidos.

No texto divulgado à imprensa, a BRF falou sobre assuntos como a presença de Salmonella em seus produtos (bactéria comum em produtos alimentícios de origem animal ou vegetal), as acusações de corrupção e a prisão do gerente de relações institucionais e governamentais da marca, Roney Nogueira dos Santos. Além disso, a companhia negou o uso de papelão em sua produção e a comercialização de carne podre.

“A BRF vem a público manifestar seu apoio à fiscalização do setor e ao direito de informação da sociedade com base em fatos, sem generalizações que podem prejudicar a reputação de empresas idôneas e gerar alarme desnecessário na população”, finaliza o comunicado a empresa a respeito da Operação Carne Fraca.

Responsável pelas marcas Friboi e Seara, a JBS começou seu informativo afirmando que qualidade é sua maior prioridade como “maior empresa de proteína no mundo”. A marca possui 234 produtoras e emprega 230 mil pessoas; destas, duas mil são dedicadas exclusivamente a garantir o padrão dos produtos da companhia.

De acordo com o comunicado, nos últimos dois anos, as unidades da JBS receberam 340 auditorias de qualidade. “A JBS é a maior interessada no fortalecimento da inspeção sanitária no Brasil. Um sistema rigoroso de controle de qualidade dá ao setor credibilidade perante o consumidor e reforça as oportunidades de exportação. No despacho da Justiça Federal que deflagrou a operação, não há qualquer menção a irregularidades sanitárias ou à qualidade dos produtos da JBS e de suas marcas”, diz a empresa.

A marca destacou, ainda, que nenhuma de suas produtoras foi interditada pelas autoridades, que nenhum dirigente ou executivo da empresa foi alvo de medidas judiciais na operação e que apenas um funcionário da empresa na unidade de Lapa, no Paraná, foi citado na investigação Carne Fraca.

“A companhia está à disposição das autoridades competentes, clientes e consumidores para qualquer esclarecimento que se faça necessário. Por fim, a JBS reforça seu comprometimento com a segurança alimentar e com a qualidade de seus produtos e destaca seu compromisso histórico com o aprimoramento das práticas sanitárias no Brasil”, finaliza a JBS.
Popularidade alvejada

A operação Carne Fraca impactou as ações das duas companhias, que chegaram a despencar. De acordo com o G1, alguns países importadores anunciaram restrições temporárias à entrada de carne brasileira.

Segundo o site, a União Europeia, pediu que o Brasil suspenda a exportação de empresas envolvidas na investigação; na China, carnes brasileiras estão retidas nos portos; A Coréia do Sul baniu frangos da BRF, porém a empresa diz que não foi notificada; enquanto, no Chile, foram suspensas temporariamente as importações de carne bovina.

Ao divulgarem seus comunicados nas redes sociais, as empresas receberam comentários de internautas criticando e apoiando as companhias. “Confiança é difícil de conquistar e muito fácil de perder… O brasileiro é otário mesmo, os políticos enganam e roubam e agora comem carne podre com produtos cancerígenos com a negligência do ministério da agricultura!”, disse um dos usuários do Facebook na página da JBS.

Na fan page da controladora da Friboi, ex e atuais empregados da companhia partiram em defesa da empresa, afirmando que a produtora sempre zelou pela qualidade de seus produtos. “Estou no grupo há mais de 5 anos e nunca vi nada de irregular, pelo contrário somos treinados pra ter qualidade em todo instante”, disse uma trabalhadora da marca.

A BRF recebeu a seguinte crítica de um consumidor em sua página: “Quem foi a mente brilhante que idealizou este vídeo e achou que, me tratando (eu e milhões de clientes) como ‘querido’, seria boa ideia? E essa voz do locutor, filme de terror? Na verdade tudo isso é um terror que estamos passando mesmo. E essa conversa de colaboradores se manifestando nas redes sociais consumindo os produtos? Não dá para acreditar que estou presenciando tanto amadorismo num vídeo institucional de um grupo multinacional. Desastre”.

Alguns ex-colaboradores da produtora também se manifestaram via redes sociais em defesa da marca. “Fui funcionário BRF por cinco anos mas infelizmente devido a crise nacional fui desligado. No entanto, sempre presenciei o profissionalismo dos auditores de qualidade no setor de Logística – Distribuição em todo o processo no transbordo e nas entregas no varejo e atacado. A BRF conta com profissionais de alto nível e o seu comprometimento com os produtos são fora de série. Não sou mais funcionário da BRF mas acredito que eles vão informar a sociedade brasileira e internacional sobre o ocorrido”, disse um dos seguidores da empresa no Facebook.

 

do Miron Neto

Vereadores fiscalizam obras, canil e secretaria

Os vereadores gramadenses fiscalizaram, quarta-feira (15), as obras do Ginásio Poliesportivo da Vila Olímpica, na Várzea Grande, do Anel Viário, na Linha 28, do Canil Municipal e na Secretaria da Saúde, onde verificaram as questões do borrachudo, medicamentos, exames e consultas.
No ginásio verificaram que a obra encontra-se parada apesar de o contrato ter sido prorrogado por mais doze meses em junho de 2016. Nesse sentido os vereadores irão solicitar posicionamento a Secretaria de Governança. No Anel Viário constaram a conclusão do primeiro trecho do segundo quadrante. Eles vão solicitar ao Executivo apenas a colocação de tachões para dividir a ciclo-faixa da faixa de trânsito de veículos, além da limpeza das canaletas por onde correm as águas em dias de chuvas. No Canil Municipal da Linha 28, verificaram a estrutura precisa ser melhorada quanto ao número de servidores, benfeitorias na parte externa, bem como ampliação da capacidade do local que esta esgotada. Na Secretaria de Saúde constataram que faltam 40 medicamentos dos 240 do estoque básico.

Funcionária ganhou imóvel em Gramado: Carne Fraca

A Polícia Federal cumpriu, sexta-feira (17), sem sucesso, mandados de condução coercitiva e de prisão em Gramado, como parte da operação Carne Fraca. Uma das situações relatadas no despacho com as ordens judiciais do Paraná diz respeito a uma funcionária do serviço de inspeção do Paraná, que teria recebido um apartamento em Gramado, em troca de favorecimento ao grupo BRF. Seria Maria do Rocio Nascimento, chefe do Departamento de Inspeção de Produtos de Origem Animal (Dipoa) do Paraná.
A operação, considerada a maior já deflagrada pela Polícia Federal, com a participação de mais de 1 mil agentes, apura o envolvimento de fiscais do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) em um esquema de liberação de licenças e fiscalização irregular de frigoríficos.

 

Iprev alerta para tentativa de golpe contra pensionistas

O Instituto de Previdência do Estado de Santa Catarina (Iprev) alerta os pensionistas sobre tentativa de golpe detectada nos últimos dias. Alguns pensionistas entraram em contato com o Iprev relatando que foram informados por meio de ligação telefônica sobre uma quantia em dinheiro que estava disponível para resgate.

O interlocutor se diz servidor do Iprev e, em alguns casos, utiliza até o nome de um servidor da autarquia. De acordo com os depoimentos, o golpista informa sobre um valor que o pensionista supostamente teria a receber. Porém, explica que o repasse só será feito mediante depósito de um valor referente à dedução de impostos. O servidor do Iprev cujo nome foi utilizado nas tentativas de golpe já registrou boletim de ocorrência e, embora não tenha sido apurada lesão econômica a nenhum pensionista, considera a situação de alto risco.

Diante do quadro alarmante, o Iprev informa que não solicita qualquer valor na prestação de seus serviços, bem como não oferece empréstimos e seguros. É importante que os pensionistas fiquem em alerta. No caso de dúvidas sobre algum contato recebido, a orientação é confirmar junto a uma das agências do Iprev a veracidade das informações.

Qualquer dado que possa auxiliar na identificação dos golpistas pode ser comunicado à Ouvidoria Geral do Governo do Estado pelo telefone 0800-6448500. Não é necessário se identificar. O Iprev também está à disposição dos pensionistas no telefone (48) 3229-2600 e no endereço iprev@iprev.sc.gov.br.

 

do Boteco do Ilgo

Centroavante aipim, o plano B de Renato

O Grêmio ‘cometeu’ um primeiro tempo desolador. No segundo, recuperou-se. Mas ainda assim saiu de campo devendo, porque criou muito tempo ofensivamente, e praticamente não deu trabalho ao goleiro do VEC.

Apesar de tudo isso, não merecia vaia na saída de campo. Como disse um torcedor após o empate por 1 a 1, tudo isso não passou de um treino para a Libertadores, e torcedor que é torcedor mesmo não vaia treino.

O melhor do jogo foi uma frase do Renato, na coletiva. Foi mais ou menos assim: pelo menos nós agora temos um plano B. Referia-se a entrada desde o começo do centroavante, o Barrios, um aipim mais refinado. Mas ainda assim um aipim.

A Associação dos Aipinistas Unidos, que tem no ex-dirigente Cacalo seu mais fiel e radical integrante, trabalhou forte para o Grêmio contratar o tal ‘camisa 9 que decide os jogos com gol de cabeça’. Vieram dois: Jael e Lucas Barrios. O dirigente que se orgulha de ter empilhado centroavantes comemorou. Nada contra, cada um com suas preferências no futebol. O problema é que Cacalo aparentemente é muito ouvido no Grêmio, e acaba influenciando de alguma forma nas contratações.

Bem, pelo menos o Renato me tranquilizou. Ficou muito claro, ao menos pra mim, que aipim pra ele só frito. No mais, fica como opção de jogo, uma alternativa para variar o esquema.

O plano A, portanto, é o esquema que deu certo no começo de Roger e com o próprio Renato, que, na mesma entrevista, disse que quer ver o time jogando da maneira que jogou no final do ano, conquistando a Copa do Brasil (sim, é sempre bom lembrar que há três meses o Grêmio interrompeu uma seca de 15 anos).

Então, é óbvio que o esquema preferido de Renato – para desespero da tal Associação, que está programando uma reunião de emergência para os próximos dias – é mesmo sem um atacante fixo na área, esperando bolas pelo alto.

Dois aspectos a destacar: o gol de atacante fixo na área foi marcado por Luan, um meia que se movimenta por todo o ataque, recebendo a bola, do Ramiro, justamente no lugar onde são plantados os aipins. Fica provado, de novo, que não é preciso ter um camisa 9 de carteirinha, basta ter jogadores de qualidade, que se movimentem e se revezem na frente, infernizando a marcação.

O segundo aspecto eu observei e o Renato destacou na entrevista: com Barrios em campo o time gremista forçou demais a bola pelo alto, inclusive com os velhos e superados chuveirinhos. O pessoal meio que se sentiu obrigado a alçar bolas. Renato criticou isso e corrigiu o problema no segundo tempo.

Até porque acabou sacando Barrios para dar mais mobilidade ao ataque.

Então, não esquentem: aipim com Renato é plano B.


20 de março de 2017

da Arena



tava bom o jogo. vi do lado do luis antonio corazza que agora tem uma produtora ao lado do marcão da guaiba.



Grêmio 1 x 1 Veranópolis, 19/03/2017,  renda: R$ 412.662,00, público : 13.239 (11.271 pagantes)






MORREU LICIA PERES



NO CEU ELA VAI ENCONTRAR SEU GRANDE AMIGO MARCOS KLASSMANN E SEU MARIDO O GLENIO.



ME DISSE HJ O FLORIANO BORTOLUZI QUE ELA TRABALHOU NA TVE POSTA LÁ PELA SUA AMIGA DILMA ROUSSEFF.


DILMA NO VELÓRIO DA LICIA PERES, NA 6 PASSADA.



NO VELÓRIO DO PDT,DIGO DA LICIA PERES, PADRE DIZ QUE JESUS CRISTO FOI O PRIMEIRO ' SOCIALISTA' DA HISTORIA.



O PADRE QUE OFICIOU O VELÓRIO DA MILITANTE DO PDT LICIA PERES ADVERTIU AO BOM NUMERO DE PEDETISTAS NO RECINTO DO TEATRO GLENIO PERES  - FINADO MARIDO DE QUEM ESTAVA SENDO VELADO - DE QUE O PRIMEIRO SOCIALISTA DA HISTÓRIA FOI JESUS CRISTO.



- NÃO FORAM VCS DO PDT NÃO . FOI JESUS CRISTO.NG CONTESTOU O PADRE, NEM O VIEIRA DA CUNHA, O MAIS EXAGERADO SOCIALISTA DO PDT.
E O PADRE AINDA DEU FORÇA AS MULHERES:
- QUANDO CRISTO ESTAVA PRESO, SO DUAS MULHERES FICARAM DO LADO DELE. SUA MAE E SUA AMIGA MARIA MADALENA( BOCAS MALDOSAS DIZEM QUE MADALENA ERA MAIS DO QUE AMIGA DE CRISTO, MAS ISTO É OUTRO BABADO)
E PROSSEGUIU O PADRE.
- PEDRO FOI O PRIMEIRO A DIZER. NÃO CONHEÇO ESTE HOMEM. TODOS O NEGARAM.



PRESENTE AO EVENTO, A EX PRESIDENTA DILMA ROUSSEFF -QDO ADENTROU O RECINTO, COM OCULOS ESCULOS, MAI SMAGRA, FEZ-SE UM SILENCIO E UMA MULHER ATRA´S DE MIM PROTESTOU:
- NÃO VOU PARAR DE FALAR, PORQUE?

DILMA NÃO QUERIA FALAR. DEPOIS PEGOU O MICROFONE E DISSE APENAS:

-QDO A GENTE PERDE UM AMIGO, A GENTE FICA MAIS SOZINHA.

ESTAVA VISIVELMENTE EMOCIONADA.

VIEIRA DA CUNHA FALOU DIGAMOS PELO LADO OFICIAL LEMBRANDO ATRAJETÓRIA DA CUMPANHEIRA.

NG FALOU EM LEONEL BRIZOLA.
MUITOS PROCERES DA ESQUERDA ESTIVERAM NO VELÓRIO. COLLARES NÃO FOI VISTO. NEUZA CANABARRO SIM.

A CERIMONIA DE CREMAÇÃO DA MILITANTE DO PDT FOI PARA POUCOS.COM A MORTE DE LICIA, PARTE DO QUE FOI A LUTA PELA ANISTA FOI SEPULTADO JUNTO COM ELA.

E A TVE

N TINHA SIDO VENDIDA OU FECHADA. NÃO ENTENDO MAIS NADA. A REPORTER DA TVE TAVA LÁ COBRINDO O VELÓRIO DA LICIA PERES.

EU ESTAVA LÁ....

ALICIA PERES FOI UMA DAS QUE AGITOU COM ANISTIA JÁ NO DIA DA MISSA DE 7 DIA DO FALECIDO JANGO NA IGREJA DA MATRIZ EM PORTO ALEGRE. O GUAZZELLI,ENTÃO GOV DA ARENA, MANDOU A BRIGADA PRA CIMA DOS MANIFESTANTES. A ZH AINDA DEU UMA NOTA, MAS O CORREIÃO SILENCIOU.

TENHO CERTEZA QUE A LICIA - COM QUEM EU NÃO TINHA A MENOR INTIMIDADE NEM NOS CONHECIAMOS, NÃO VOU AKI AGORA FAZER DEMAGOGIA QUE A PRAÇA TÁ MUITO CHEIA DE DEMAGOGOS E OPORTUNISTAS - FOI DAS QUE LIDEROU AQUELA MANIFESTAÇÃO. FUI NA MISSA DE 7 DIA, COM A JUSSARA SILVA. SAIMOS DA ZH E FOMOS PRA PRAÇAMELHOR PRA IGREJA DA PRAÇA DA MATRIZ, PRA CATEDRAL. NO FINAL A BRIGADA VEIO MARCHANDO PRA CIMA PORQUE SABIAM QUE HAVEIR AMANIFESTAÇÃO PEDINDO ANISTIA AMPLA GERAL E IRRESTRITA. JÁ TINHA TIDO UMA FAIXA NO CAIXÃO DO JANGO EM SÃO BORJA NO DIA DO ENTERRO. DIGO TUDO ISTO POR UMA QUESTÃO DE JUSTIÇA COMIGO MESMO. TEM MUITA GENTE AI SE FAZENDO QUE NAQUELES ANOS EU NEM LEMBRO DELES NO PEDAÇO. AGORA TÃO AI CURTINDO UMA DE ESQUERDAS.

ng disse, eu digo. ela foi suplente do RIGOTTO NAQUELA CANDIDATURA AO SENADO QUE ELE LEVOU PAU.ele perdeu pra memeia, quando todos achavam que iria ganhar



MEMORA DA IMPRENSA

MAO MAO QUER ACABAR COM CAMPO DE POUSO E POE SEUS REPORTERES EM CAMPO

INDO PRA ITAPUA NA MANHA DE SAB TIVE MINHA ATENÇÃO DESPERTADA PELO PEQUENO CAMPO DE POUSO QUE TEM EM BELÉM NOVO, A DIREITRA QUEM VAI. ALI ME DEI CONTA ERA O CAMPO DO AERODROMO DE BELÉM NOVO OU AEROCLUBE BELÉM NOVO. DO LADO ESQUERDO DA AV. TEM O DE VILLE, QUE ANTIGAMENTE ERA O SITIO QUE O MAO MAO INVENTOU PRA ELE. NÃO ERA BEM SITIO, ERA A REPRODUÇÃO DE UMA FAZENDOLA DO INTERIOR QUE O MAO MAO VINDO DE PASSO FUNDO TCHE, QUERIA LEMBRAR-SE DAS ORIGENS.

NUNCA ESTIVE LÁ MAS OUVI MUITAS FOFOCAS - DE MAU GOSTO POR SINAL - DOS MOTORISTAS DA EMPRESA QUE IAM TRABALHAR NAS FESTAS SOCIAIS QUE ALI SE FAZIAM. PROBLEMA DELES, ELES QUE SÃO BRANCOS QUE SE ENTENDAM.

OQUE QUERO CONTAR AKI É A GUERRA QUE O MAO MAO DONO DA FAZENDA ABRIU CONTRA OAEROCLUBE DE BELÉM NOVO PORQUE OS AVIÃOES LITERALM ENTE DECOLARVAM E POUSAVAM ENCIMA DE SUA CABEÇA. E FAZIAM ACROBACIAS PERIGOSOSAS. ELE TINHA MEDO QUE UMA HR DESTAS UM CAISSE EM SUA CABEÇA ENQUANTO DORMIA.

SEI QUE DO PONTO DE VISTA JORNALSITICO TINHA APENAS INTERESSE DELE. MAS ELE MANDOU O REPORTER GALDINO DA SILVA A ENTREVISTAR TUDO O QUE ERA AUTORIDADE DA AERONAUTICA PRA FECHAR O CAMPO DE POUSO. E NÃO CONSEGUIU.
LEMBRO DE MATERIAS EMATERIA S- É SO PESQUISAR NA COLEÇÃO DA ZH - QUE SE FEZ CONTRA O CAMPO DE POUSO, DOS PERIGOS . FOI UMA ESPECIE DE BORREGARD DO MAO MAO. ASSIM COMO OS CAVALINHOS DO BRENO SOFRIAM NO SITIO DO ARADO COM O FEDOR DE MERDA DA FABRICA DE CELULOSE, MAO MAO TINHA MEDO QUE AQUELA TURMA DE APRENDIZ DE PILOTO DE TECO TECO UM DIA CAISSE NA SUA CABEÇA.

FIZERAM TANTOS MATERIAS MAS AO FIM E AO CABO O AERODROMO DE BELEM NOVO CONTINUA LÁ. MAO MAO FALECEU EM 1986, DEPOIS AQUKILO VIROU O SPA DR. MINUZZI E DEPOIS FINALMENTE O TERRAVILLE. UM CONDOMINIO DE LUXO.


Coleguinhas


sou fã da CLAUDINHA TAJES. O RESTO É O RESTO.nunca li um livro dela. acho que como moacir scliar, que um xato de galocha escrevendo livros, a claudia é de cronica e ponto final.



JA DE URUGUAIANA

SE FOSSE UMA ' VAQUINHA ' DE UM FAZENDEIRO QUE TIVESSE MORRIDO O JA TERIA DADO KKKKK so o humor salva


GENTE DA NOITE

O QUE FAZIA O FERNANDO DE URUGUAIANA NO GARCIAS EM PLENA MADRUGADA??

COMO SE DIZIA NO TEMPO QUE EU VIVIA NA RUA, A NOITE É UMA CRIANÇA....HJ DURMO AS 9 HS. LEVANTO AS 4 PRA OUVIR OMENDELSKI E TOMAR XIMAS.



Lançamento em 21/03





ITAPUA

ESTEVE MUITO BOA A PRAIA DA SPOMBAS. APESAR DO VENTINHO FRIO E A AGUA UM POKO GELADA. OBOM ERA QUE NÃO TINHA NG. UMAS DEZ PESSOAS.

*

A PRAIA FICARÁ ABERTA APENAS ATÉ O FIM DE MARÇO. DEPOIS SÓ NO ANO QUE VEM.

*

ITAPUA APENAS TRILHA QUE É MARCADA NO REST BUTIÁ.



NOTA FORA DE TOM


CHAMOU ATENÇÃO DESTE BLOGUEIRO O MAU HUMOR, BEIRANDO A GROSSERIA DO SEO ANTONIO, DONO DO ANTONIO LANCHES, DA URGS NUMA LIGAÇÃO QUE LHE FIZ NESTA SEXTA,DIA 17, DIA QUE O SEU BAR DO CAMPUS AGRONOMIA COMPLETOU 40 ANOS.
SEO ANTONIO DEVE TER LÁ SEUS PROBLEMAS TODOS TEMOS. MAS ELE TÁ HÁ 50 ANOS NO CAMPUS CENTRAL COM O BAR DA FILO, HOJE LEVA SEU NOME E 40 NO CAMPUS AGRONOMIA.

E ATÉ ONDE SE SAIBA A URGS DEVERIA FAZER LICITAÇÕES.COM NOVOS CONCORRENTE.S . POR EXEMPLO, O BAR DA ARQUITETURA FECHOU DEPOIS DE 20 ANOS.

EM TEMPO É VERDADE QUE O PORTUGA TRABALHA, MAS NÃO PODE SE QUEIXAR DA VIDA. TEM IDO TODOS OS ANOS A EUROPA. QUAL O BRASILEIRO DE CLÁSSE MÉDIA FAZ ISTO?????



Mau-Mau no Arroio Dilúvio


LAURINHO ESCLARECE. SOBRE O TOPICO DO MAO MAO NO DILUVIO

Enviada: 2017/03/17 08:07:54
 
Ñ foi vizinho que espalhou pela vizinhança a história do mergulho do Mau-Mau no Dílúvio. Foi o zelador do edifício onde eu morava, o 'seu' Alceu. E ñ foi para a vizinhança toda q ele falou, pq tudo ali na Múcio Teixeira era muito discreto. Ele falou só para mim, qdo eu ia saindo de manhã pq sabia q eu era jornalista. Na época eu tava na Visão.



Golpe


NOA SEI SE FOI IMPRENSA GOLPISTA. MAS O FATO É QUE O PESSOAL PAROU DE COMPRAR ATÉ POR FALTA DE GRANA, NÉ REKERN(oc) TU VE GOLPE EM TUDO,MEU.ALIAS A TUA TIDA DILM A PERGUNTOU POR TI NO VELÓRIO DA LICIA PERES.

De: "Renato Kern"
Enviada: 2017/03/18 12:20:22
 
Queda na circulação da gauchada que apoiou o Golpe
Os dados são do IVC e o gráfico é do Observatório de Imprensa



 

Padre da Arquidiocese de Porto Alegre participa de copa de futebol em Roma



Ela já foi notícia em veículos de comunicação em várias partes do mundo. No Brasil, atraiu portais como o Isto É, emissoras como a SporTV e os jornais gaúchos Zero Hora e NH. Um campeonato de futebol com times formados por padres e seminaristas pode parecer inusitado, mas na Itália a Clericus Cup já é tradicional. A 11ª edição começou no último domingo, dia 12, quando o Colégio Pio Brasileiro venceu por 2 a 1 a Chape Cusman Belgam, time da Bélgica.

Entre os “padres-jogadores” que defendem a equipe do Brasil está Rafael Martins Fernandes, da Arquidiocese de Porto Alegre. Ele é um dos três gaúchos que entram em campo novamente neste domingo, dia 19, na partida contra o Colégio Vaticano Anselmo. Da Diocese de Montenegro está o Pe. Ludinei Marcos Vian; da Diocese de Rio Grande, Pe. Cristiano Cardoso Pereira.

A Clericus Cup é um campeonato realizado entre os Colégios Pontifícios de Roma e, por isso, reúne padres e seminaristas que estão na Itália fazendo especialização nos estudos eclesiásticos. Neste ano são 18 times e 372 jogadores, de 66 nacionalidades. “Claro que o torneio é um apêndice, um momento de recreação e de fraternidade em meio aos nossos estudos”, destaca o padre Rafael, que está concluindo o doutorado em Eclesiologia pela Pontifícia Universidade Lateranense. Em Roma desde setembro de 2014, o presbítero da Arquidiocese deve defender sua tese no segundo semestre deste ano e retornar a Porto Alegre em outubro.

Ele escreve sobre "A eclesiologia de comunhão no Documento Comunidade de Comunidades (2014). Um estudo no contexto das reflexões eclesiológicas da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil". Padre Rafael desenvolve uma discussão sobre qual eclesiologia deva ser aplicada nas paróquias, mergulhadas num contexto globalizado de secularização e de desigualdades sociais. “Em outras palavras, pergunto qual o tipo de consciência eclesial possuímos ou queremos desenvolver em nossas paróquias e quais práticas pastorais daí decorrem. Penso que o Documento 100 (Comunidade de Comunidades) apresente uma pertinente e necessária resposta aos desafios de hoje, em consonância com o Concílio Vaticano II e a Conferência de Aparecida (2007)”, explica.

Curiosidades da Clericus Cup:
- Em Roma existem 126 colégios que abrigam presbíteros seminaristas que vão para Roma estudar. Desses colégios foram montadas 18 equipes: algumas representam uma nacionalidade, como a brasileira; outras são formadas por padres e seminaristas de diferentes países; outras ainda são compostas por membros de congregações religiosas.
- Na Clericus Cup existe o cartão azul, que tira o jogador de campo por cinco minutos. Ele é usado quando o “padre-atleta” comete uma falta para expulsão, mas o árbitro entende que foi sem intenção, por falta de preparo ou habilidade, por exemplo.
- Após os jogos, as duas equipes se unem para uma oração.
- O time do Colégio Pio Brasileiro tem três padres estrangeiros: um argentino, um equatoriano e um nicaraguense. “No site da Clericus Cup disseram que o argentino foi enviado pelo Papa Francisco para ajudar o Brasil”, comenta Pe. Rafael.
- O goleiro e treinador da equipe brasileira é padre Carlos Gomes, ex-jogador profissional que atuou em times como o Goiás.
- A “seleção brasileira” também tem um Neimar. O padre Neimar Aloísio Troes, do Paraná, é meio-campista, camisa 5 do time.



Reforma da previdência acaba com privilégios e aposentadorias precoces  

O Partido dos Trabalhadores (PT), a Central Única dos Trabalhadores (CUT) e algumas entidades corporativas estão empenhadas em impedir a aprovação da reforma da previdência, em tramitação na Câmara Federal. Na avaliação do deputado Darcísio Perondi (PMDB-RS), vice-líder do Governo, a oposição vem mentindo para a população e tentando evitar que seja feita a igualdade e a justiça social entre os trabalhadores. Segundo Perondi, a reforma não prejudica o trabalhador mais pobre e sim acaba com distorções e privilégios na aposentadoria de setores específicos do serviço público, acabando com aposentadorias precoces, antes dos 50 anos, e com valores estratosféricos.

“A reforma acaba com aposentadorias precoces da elite do serviço público, que inclui os novos auditores, juízes e promotores, tanto no Brasil quanto nos estados, que provocam um rombo de R$ 164 bilhões por ano aos cofres públicos. Parece mentira, mas é verdade. Essas categorias, mais os novos deputados e senadores, ministros do Supremo Tribunal Federal e até o Presidente da República, vão ter que se aposentar com valores de até 10 salários mínimos (R$ 5.155,00), teto da previdência. Se quiserem receber mais, terão que fazer capitalização. Isso é uma quebra de privilégios poderosa. Por isso que o PT e a CUT estão contra”, afirmou Perondi.

Ainda segundo o parlamentar gaúcho, se o Governo conseguir economizar com essas aposentadorias precoces e exorbitantes, vai sobrar mais dinheiro para investimentos em serviços públicos de melhor qualidade, na saúde, educação, ciência e inovação e segurança, por exemplo.  

Segundo explicou Perondi, vão continuar coexistindo o Regime Geral de Previdência Social (INSS) e os Regimes Próprios dos servidores públicos efetivos da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios. Entretanto, eles passarão a ter convergência de regras de acesso aos benefícios, fortalecendo o princípio da igualdade e justiça social entre os trabalhadores. Servidores públicos, celetistas, professores e policiais, por exemplo, se submeterão às mesmas regras para requerimento de benefícios.

“Todos, deverão participar e dar sua contribuição nesse processo de salvação da previdência e do País. Esta reforma vai atingir todos e combater os privilégios crônicos. Os pobres não vão perder, apenas terão que trabalhar um pouco mais. Servidor público (federal, estadual ou municipal), a partir de 2003 e os novos, entrarão nas novas regras.



da Folha Popular de Teutônia







do Miron Neto


Gramado é o destino mais lembrado entre executivos

O município de Gramado foi eleito como o Destino Turístico mais lembrado e preferido do Rio Grande do Sul pela pesquisa Marcas de Quem Decide 2017. A pesquisa é promovida pela Jornal do Comércio, em parceria com o Instituto Qualidata, e avalia as marcas mais lembradas e preferidas de gestores e formadores de opinião do Estado.   
Gramado alcançou o reconhecimento de gestores de empresas e executivos de negócios do mercado gaúcho entrevistados pela pesquisa. Na categoria Destino Turístico, no quesito “Lembrança”, Gramado alcançou 70,7% dos votos dos entrevistados e, no quesito “Preferência”, 60,8% dos votos.

"Uber gaudério" chega a Gramado ainda em março

A Corsan só adotará ações emergenciais para evitar o desabastecimento de água e melhorar o tratamento de esgoto (hoje praticamente inexistente) pelo temor de perder um contrato altamente lucrativo com Gramado. A autarquia, hoje, fatura próximo de R$ 25 milhões por ano, e investe menos de 10% do que arrecada. Cobra 70% da conta de água a título de coleta de esgota, mas não trata. Cobra mensalmente taxa de água de imóveis que não praticamente não consomem um litro cúbico, que é o caso de apartamentos e casas de proprietários que residem em outras cidades.    
Pela projeção turística que possui, Gramado já deveria estar com 100% de seu esgoto tratado. Se isso acontecesse, o lago do Parque dos Pinheiros estaria livre da poluição em dois anos, de acordo com o promotor Max Guazzelli. E livre do esgoto, o local poderia servir como ponto de captação de água, reduzindo a dependência de Gramado em relação ao Posto da Faca em Canela, que possui um manancial quase que inesgotável.


de serafina


' REI MORTO, REI POSTO'

BRANCO TEM SIDO VISTO NA CIDADE. MONTOU ESCRITÓRIO NA FRENTE DO HOTEL CA DEI MONTI.

DEPOIS DE PASSAR UMAS FÉRIAS EM FLORIPA, COISA QUE ELE NÃO FAZIA HÁ ANOS, BB AGORA SE DEDICA A SEUS NEGÓCIOS PARTICULARES. RICO ELE JÁ É. DE SAUDE, INCLUSIVE, QUE É O QUE VALE MESMO.

*

UMA VIRTUDE O EX PREFEITO TEM. NÃO DEIXA OS AMIGOS MAL, CAÍDOS.

RAROS SÃO ASSIM.ISTO É COMO MOSCA BRANCA. HÁ POUCAS.

BRIZOLA DIZIA PRO SEU COMPANHEIRO DANILO GROFF. DANILO, POUCOS TEM A CRUZ NA TESTA. E BRIZOLA SABIA DO QUE FALAVA.

*

NA REDE SOCIAL, BB TEM MOSTRADO RESSENTIMENTO. É QUE NÃOF EZ O SUCESSOR E MANDA RECADOS.

-ANTES DE ME CRITICAR, VERIFIQUE SE VC TEM MORAL PRA ISTO.


*

DURANTE OS OITO ANOS QUE MANDOU NAQUELE PREDIO DEFRONTE AO LATÃO, BB CHEGAVA AS 6 DA MATINA PRO TRABALHO. PASSAVA NAS OBRAS PRA INSPECIONAR IN LOCO.

AS 12H30 JÁ TAVA NAS REUNIÕES DA PREFEITURA.

E ME PARECE QUE NÃO DEIXOU RABO...AO CONTRÁRIO DE QUANDO ELE ENTROU NA PREFEITURA QUE ACHOU UM MONTE DE COISA, PRINCIPALMENTE DO CAMPING DO CARREIRO. MANDOU FOTOGRAFAR TUDO E DEPOIS ENGAVETOU AS FOTOS. NÃO DIZ FICAR MEXENDO NA MERDA. MERDA QUANTO TU MAIS MEXE, MAIS FEDE.

MAROSTICA APOIOU MEIA.

AGORA, AOS POUCOS, SE SABE QUEM É QUEM.

EDEGAR MARÓSITCA, O CONHECIDO HUMORISTA QUE FICOU FAMOSO ' CHUPANDO' - ATENÇÃO EM JORNALISMO QUER DIZER UTILIZANDO - AS PIADAS DO FALECIDO GUERINET DE COSTA ( DA CAPELA SÃO PEDRO, TUDO QUE É BOM LÁ É DA SÃO PIERO ) APOIOU A ATUAL PREFEITA MEIA ARROQUE.

MAROSTICA TEM VÁRIOS PROGRAMAS EM TALIAN. NA ODISSEIA E NA RÁDIO LIBERAL DE GUAPORÉ.

CONTAR PIADAS EM TALIAN VIROU UMA GRANDE ' INDUSTRIA'. NÃO TEM MAIS NADA DE CULTURA.É PRA FATURAR MESMO.

SVELTI I ZE....

AQUILO TUDO QUE O FALECIDO GUERINET FAZIA AMADORISTICA, O MAROSTICA ' INDUSTRIALIZOU'. FATUROU ATÉ O FESTIVAL DE N. BRÉSCIA.É FAZ SENTIDO. OS DOIS COMBINAM.

DIA INTERNACIONAL DA GAITA

AO CONTRÁRIO DE SER O DIA INTERNACIONAL DA MULHER NA PREFEITURA DE SERAFINA, O EXPEDIENTE DA PREFEITA MEIA ARROQUE E DO VICE - VICE GANHA ALGUMA COISA????- VALDIR BIANCHET VIROU O DIA INTERNACIONAL DA GAITA.

A SECRETARIA DA PREFEITA, DEBORA CRISTINA VIVIAN TOCOU GAITA NO PEQUENO EVENTO QUE SE IMPROVISOU NOS SALOES DA PREFEITURA. DIZEM QUE ALGUNS COLONOS QUE FORAM LÁ RESOLVER SEUS PROBLEMAS DE TALÃO 15 ACHARAM QUE TINHAM ERRADO DE ENDEREÇO. QUE TIVESSEM CHEGADO PRUM FESTIVAL DE TALIAN...

ALÉM DE DEBORA, TAMBÉM O VICE, QUE É CHEGADO A CANTOR -SABIA QUE O VALDIR FAZIA GROSTOLI MUITO BOM E PIZZA IDEM NO FESTIPIZZA FOI NA BANCA DELE QUE COMI A MAIS SABOROSA PIZZA EM SERAFINA - CANTOU NAQUELE DIA.

ALGUNS MAIS CHEGADOS A DUPLA MEIA-VALDIR, DE MUSICOS, DIGO, JÁ SUPLICAM POR FAVOR PROS DOIS NÃO CANTAREM MAIS ' AMIGOS PARA SEMPRE' JÁ TORROU AS BOLAS, SE QUEREM SABER.

JÁ A DEBORA COMENTAM QUE SERIA MELHOR TOCADORA DE GAITA DO QUE O RENATO BORGHETTI.

É DE CANTORES, MUSICOS, A PREFEITURA DE SERAFINA NÃO VAI SENTIR FALTA.

TUDO AQUILO TEM GRANDE CHANCE DE VIRAR UM GRANDE BAILÃO....tudo assistido pelo LATÃO' NA FRENTE DO PRÉDIO.

BETO ARROQUE VAI SE APOSENTAR

É COM EMOÇÃO QUE FALO DISTO PORQUE ELE FOI MÉDICO DO MEU FALECIDO PAI.

MAS ME CHEGA ANOTICIA DE QUE O DR. ARROQUE VAI SE APOSENTAR COMO MÉDICO. SÃO 40 ANOS DE MEDICINA EM SERAFINA.

NUNCA MEDICOU FORA DE SERAFINA, A NÃO SER EM PORTO ALEGRE, NO CONCEIÇÃO, OU NO CRISTO, ONDE COMEÇOU E FEZ RESIDENCIA MÉDICA.

ESPERO QUE O ARROQUE NÃO SE APOSENTE DO OFICIO DE ESCREVER. QUE ELE O FAZ COMO GENTE GRANDE.

SEGURAMENTE ELE TEM OUTROS PROJETOS DE SUA VIDA,VIAJAR PRA EUROPA, IMAGINO. A ITALIA DEVE TAR NO SEU HORIZENTE.
UM DIA PERGUNTEI PRA MINHA AMIGA LUCI MAGON COMO ELA TINHA DADO AQUELE NOME TÃO ROMANTICO AO SEU HOTEL. CAI DEI MONTI. AH, ME DISSE ELA, FOI O BETO ARROQUE COM AQUELAS COISAS DE TALIAN DELE.

EU CONTINUOU LENDO SEUS ARTIGOS AQUI QUANDO CHEGAM PELO GAZETINHA QUE UM DIA FOI DE SERAFINA, HOJÉ É DE NOVA ARAÇA. ATÉ ISTO PERDEMOS.

E LEMBRO SEMPRE QUE O BETO ESTEVE VENDO MEU PAI NO HOSPITAL POUCO ANTES DELE FALECER.ESTAS COISAS DIZEM RESPEITO A POUCA GENTE, NINGUÉM MAIS SE IMPORTA EM OUVIR OS OUTROS, QUANDO ESTAMOS NUM MUNDO EM QUE AS PESSOAS NÃO CONVERSAM MAIS, SÓ FICAM NO FEICE.
UM MUNDO DE ' LOUCOS' E E DROGADOS DE FEICE,DIRIA EU.

TEM GENTE QUE ACORDA NO MEIO DA NOITE PRA VER O FEICE. ONDE VAMOS PARAR COM TUDO ISTO?

BOM QUANTO AO BETO QUE CONTINUE ESCREVENDO. É O QUE ME BASTA, COMO SEU LEITOR.(oc)

' BOM EMPREGO'

PRA QUEM NÃO TEM NEM CURSO SUPERIOR, EM OUT PASSADO O POVO DE SERAFINA ARRUMOU UM BOM EMPREGO PRA CIDADÃO MARIA AMELIA ARROQUE GHELLER. SENÃO VEJAMOS.

1.

EMPREGADA COMO PREFEITA A PARTIR DE 1 DE JANEIRO ELA JÁ FATUROU NO PRIMEIRO MES.

18.346,8O DE SALARIO, MAIS UM ' PLUS' DE 6.441,54 DE DIÁRIAS. DESCONTO DO IMPOSTO DE RENDA

4.008,69

TOTAL LIQUIDO. 20.171,21

2.

E O EMPREGO NÃO É LÁ TÃO DIFICIL ASSIM. SOBRA TEMPO PRA VER SUA SECRETÁRIA  DEBORA CRISTINA VIVIAN TOCAR GAITA COMO NO DIA INTERNACIONAL DA MULHER NO MEIO DO EXPEDIENTE EM PLENA PREFEITURA. E NESTE DIA COMO ERA SEU DIA A PREFEITA MEIA ARROQUE SE DEU AO LUXO DE CHEGAR AS 13 H 30 MINUTOS AO EXPEDIENTE.

3.

AGORA O POVO QUE A ELEGEU NÃO VENHA CRITICA-LA PELO FEICE.

4

QUEM PARIU MATEUS, QUE LO EMBALE,SE DIZIA NO PERU.

17 de março de 2017

POSTO DA GUARDA FECHADO

?OUVI HJ O SEC MUN DA SEGURANÇA PALESTRANDO DANDO GRANDE FORÇA A GUARDA MUNICIPAL. ISTO AO MEIO DIA. PASSEI LÁ PELAS 4 NA J. BONIFÁCIO. O POSTINHO DA MESMA AO LADO DO POSTO DE GASOLINA FECHADINHO DA SILVA.(oc)


 

' CUPINCHADA' DO SARTORI

NENHUM DOS QUE VI LÁ NA FEDERASUL NESTA 4 F, TINHA VISTO NO TEMPO DAS DIRETAS. E PONTO FINAL.

CUPINCHADA DO SARTORI
II

ALGUNS DOS QUE TÃO EM VOLTA DO SARTORI, NA ÉPOCA DAS DIRETAS, TAVAM SERVINDO A DITADURA.o que a rigor não mudou nada, porque hj servem o PODER. QUE É O QUE ELES QUEREM. TIRAR PROVEITO DO PODER. SÃO OS LEGITIMOS CAPACHOS. SE TIVESSEM EM CUBA TAVAM SERVINDO OS IRMÃOS CASTRO.


 

BUSNELLO FORA DA FIERGS

A UM OBSERVADOR MAIS ATENTO CHAMOU  A ATENÇÃO QUE O NOME DO EMPREITEIRO CESAR BUSNELLO NÃO CONSTE NA CHAPA QUE SERÁ ELEITA NA FIERGS . ELE QUE ERA POSTULANTE AO CARGO DE PRESIDENTE


 

COMENTÁRIO GASTRONOMICO

?BAUMBACH NÃO É UMA BRASTEMP!!!!

CONHECI HJ O BAUMBACH NA PARA. NÃO É O BICHO. TUDO MEIO ATRAPALHADO. OS GARÇÃOS SE PECHAM ENTRE SI. PEDEI TRES X UM GUARDANAPO PRA 4, OU 5 PESSOAS DIFERENTES. AI COMO NÃO TRAZIAM PEGUEI ' EMPRESTADO' O DO VIZINHO MESMO USADO. FAZER O QUE?

A COMIDA É UM BUFEZAO. NÃO TEM COMIDA ARABE. COMIDA SIMPLES. 35 PAUS. E NA SOBREMESA, PEDI SORVETE.

- NÃO SORVETE SO NA SEXTA. OU SEJA, A GENTE PAGA - NO CASO EU ERA CONVIDADO - EELES ESCOLHEM O QUE A GENTE VAI COMER. BUFFET É ISTO. NÃO GOSTO DE BUFFET E PRONTO(OL


 

MEMORIA DA IMPRENSA

' JUDEU RICO MORRE NO MEIO DA MERDA..."

NA VERDADE, NÃO FOI UMA QUEDA. NUM FIM DE MADRUGADA, MAURICIO SOBRINHO, VINHA PELA IPIRANGA, JÁ QUASE MADRUGADA E ELE FOI DOBRAR PERTO DA GETULIO. DEU COM OS BURROS NA ÁGUA LITERALMENTE, PQ SEU GALAXIE CAIU LÁ DENTRO.PELOS CALCULOS DO LAURINHO DA VENANCIO, QUE MORAVA NA MUCIO TEIXEIRA, FOI NO FINAL DA DECADA DE 70, COMEÇO DOS 80....

TEM MUITA LENDA SOBRE ISTO. O LAURO SCHIRMER NEM TRATOU DO TEMA NO LIVRO. ACHEI BOBAGEM, PODIA TER TRATADO PORQUE NO DIA SEGFUINTE AO ACIDENTE, A ZH DEU UMA PEQUENA NOTA.

SEGUNDO LAURINHO DA VENANCIO, PERTO DA CASA DELE TINHA UMA SENHORA QUE TRABALHAVA NA COZINHA DO CONCEIÇÃO. E O MARIDO A LEVAVA CEDO TODAS AS MANHÃS NA PARADA DO ONIBUS JUNTO A IPIRANGA. ELA TOMAVA UM T DESTES PRA CHEGAR NO HOSPITAL. TINHA QUE IR CEDO,CLARO.
POIS NESTE DIA SEU VIZINHO FICOU SABENDO DO ACIDENTE DO MAURICIO E CLARO ESPALHOU PRA TODA A VIZINHANÇA.

LAURINHO DA VENANCIO LIGOU PRO WILSON MULLER, UMA ESPECIE DE 'CHALAÇA' DO MAURICIO QUE LHE DISSE:

- COMO É QUE TU SABES?

OQ UE SE CONTA É SIMPLES. MAURICIO CAIU, OS BRIGADIANOS VIRAM A QUEDA E SOCORRERAM. COMO ERA CONHECIDO, A NOTICIA CHEGOU ATÉ A POLICIA CIVIL ONDE TINHA UM FOTOGRAFO DA CALDAS. NÃO TENHO O NOME DELE. FOI LÁ E FEZ FOTOS.

DIAS DEPOIS JAYME SIROTSKY FOI ATÉ A CALDAS PEDIR AS FOTOS. FRANCISCO ANTONIO,O TONHO, MANDOU QUE A FOTOGRAFIA ENTREGASSE TODOS OS CONTATOS. O QUE FOI FEITO.

NÃO SE SABE SE ALGUM FOTOGRAFO DA ZH FEZ FOTO. SE FEZ O TELMINHO CURCIO QUE ERA HOMI DO MAURICIO DEVE TER MANDADO SUMIR TUDO.

SOBRE O ACIDENTE SEMPRE HOUVE UM GRANDE TABU. NA REDAÇÃO, NG FICOU SABENDO DE NADA. SO INTRAMUROS.

DUAS COISAS DESTE ACIDENTE.

PERGUNTARAM A MAURICIO O QUE ELE IMAGINAVA QUE OS JORNAIS DA CALDAS, SUA RIVAL DIRIAM SE ELE TIVESSE MORRIDO.

- A MANCHETE SERIA JUDEU RICO MORRE NA MERDA, FEZ TROÇA O MAO-MAO.

JA OS B RIGADIANOS FORAM VISITA-LO. NÃO CONTENDO SUA EMOÇÃO DE VER QUE LHE SALVOU A VIDA, ELE SE LEVANTOU DA CADEIRA E DISSE:
- SE EU NÃO FOSSE DONO DE RADIO E JORNAL,SERIA BRIGADIANO.

?TEM OUTRA BOA DO MAO MAO, DOS TRAGOS DELE, MAS ESTA EU CONTO OUTRO DIA.


 

EMPRESÁRIOS DA ZONA NORTE DISCUTEM SOLUÇÕES PARA CRIMINALIDADE


          A elevação da criminalidade nos últimos meses na região, levou a Associação das Empresas dos Bairros Humaitá-Navegantes (AEHN) a priorizar este tema como a principal pauta de debate da primeira reunião-almoço mensal de 2017. O evento foi realizado hoje (16) no restaurante Ratskeller Baumbach, em Porto Alegre, sob a coordenação do presidente da entidade, Luiz Carlos Camargo e teve por palestrante o secretário municipal de Segurança Pública, Kleber Senisse.
          Na abertura dos trabalhos, o dirigente da Associação reiterou a disposição dos empresários que estão instalados nos bairros abrangidos pela entidade de apoiar as ações das autoridades visando coibir a criminalidade na região, que afeta os empresários, trabalhadores e moradores.
          O palestrante destacou a importância do efetivo engajamento do município nas atividades relacionadas com a segurança pública até por estar em contato direto com a população. Até agora, porém, apenas focava os próprios municipais, não fazendo parte de um sistema de segurança pública.
         O trabalho que está sendo desenvolvido por sua Pasta tem como principais eixos a integração com órgãos públicos e secretarias e o estabelecimento de parcerias  com a iniciativa privada, anunciou o secretário.


 

Coleguinhas

ESTA DO LAURINHO IR CANTAR EM OUTRA FREGUESIA ME LEMBROU MUITO O LAURO SCHIRMER. UM DIA NUM BANCO DO PARCÃO ELE ME DISSE.

- BAH O QUE EU E O FELHBERG TENTAMOS TIRAR O MICHEL DO JB?

DEPOIS ELE FOI A PRHISTORIAS DO ' MASSAROCA'.

1.

uM DIA FUI A SP COM O ' MASSAROCA'. ELE IA PARTICIPAR DE UM IMPORTAN TE CONGRESSO DE TRANSPORTES. FORA CONVIDADO A PARTICIPAR PELO ROMEO LUFT DO SIND DA CARGA. ERA NUM DAKELES LOCAIS DISTANTES.

AG ENTE FICOU NUM HOTEL TRI CHIC DO CENTRO UM DAQUELES QUE DEPOIS TEVE UM CRIME FAMOSO DE UM POLITICO DO NORTE.NÃO LEMBRO DE CABEÇA O NOME. A VAVA DARIAGA QUE HJ TRANSITA PELO CHIC DE CLASSE MEDIA - CHIC MESMO PRA MIM É COUNTRY MAS QUEM NASCEU PRA LEOPOLDINA NUNCA SERÁ COUNTRY QUE É ONDE A BALALA TRANSITA.
BOM DAI QUE O MASSAROCA, QUANDO ACORDOU DE MAMNHA VIU UM ONIBUS ESTACIONADO NA FRENTE DO HOTEL. CHEGOU PRO MOTORA E DEU UMC ARTEIRAÇO. TIROU SUA CARTEIRA E MOSTROU QUEM ERA. ERA TIPICO-DPEOIS CONTO OUTRA DELE NESTE SENTIDO.
NOS FOMOS TOMAR CAFÉ, DEMORAVAMOS E QUDO VOLTAMOS O ONIBUS AINDA TAVA LÁ. ELE TINHA DITO.

- O SR. NÃOS AI DAQUI SEM MIM.

EM VOLTA DO ONIBUS UM MONTE DE GENTE QUERENDO IR EMBORA, FAZER O QUE TINHAM QUE FAZER.

AI SE DESCOBRIU O ENGANO. O ONIBUS NÃO ERA O QUE IA NO NOSSO CONGRESSO,ERA UM TURISTICO. OS CARAS TODOS PRESOS ALIO PELO CARTEIRAÇO DO MASSAROCA.

DEPOIS A GENTE FOI DE OUTRO JEITO PRA LÁ.
COISAS DO MASSAROCA.(oc)


 

Tirinha do Rekern



 

dosleitores

a expricação do laurinho....

Enviada: 2017/03/16 07:13:00

 Ah! É?
 
Tu mesmo q disse que o q eu mando ñ interessa. Então tá, fui cantar noutra freguesia... hahaha


 

dos leitores

massaroca é o faraco, meu caro(OC)

De: "Fernando Alves"
Enviada: 2017/03/16 14:26:58
Assunto: a RB$ ...
 
 Caro Olides,

Não sei quem é Massaroca - em que pese todos os alegrentenses terem fama planetária.
Morreu na calçada da Secretaria de Saúde um homem que, atendido 'pero no mucho', fora lá buscar socorro, terça, 14, aqui. Achas que isso foi notícia no Jorral do Almoço local? Que nada! Notícia foi o prefeito falando sobre carnaval ...
É aí que desconfio que  as notícias sobre violência em Porto Alegre são, no fundo, exageradas e orquestradas - contra o Schirmer e o Sartori, meu candidato desde que, ainda secretário de Governo aqui, o encontrei no Garcia's, em junho de 2014, e um amigo meu, cearense de nascimento e surdo como uma porta assim como meio alienado em assuntos de política, depois que falamos uns 5 minutos, perguntou: - Quem é? É de Uruguaiana? Acho o Gringo saiu achando que fosse implicância de petista, mas não era. Meu bom amigo, o José Pio Teixeira, morreu pouco de um ano depois disso. Ainda vou dizer ao Sartori que não foi descortesia e que oadesivo dele ainda orna meu Uno, 2002. O pessoal do PMDB não tem mais, mas eu tenho ...
 
Abraço,
 
Fernando Alves.


 

Programação do Clube de Cinem para o próximo final de semana



?No próximo Sábado (dia 18/03/2017) as 10h15min no Espaço Itaú assistiremos ao filme "Insubstituível" (Médecin de campagne - 2016). Todas as pessoas numa área rural podem contar com Jean-Pierre (François Cluzet), o médico que os atende, cura e os tranquiliza diariamente, sete dias por semana, há anos. Com Jean-Pierre doente, Natalie (Marianne Denicourt), recém-formada, chega da cidade para tentar ajudá-lo e enfrenta dois grandes dilemas: conseguir se adaptar a esta nova vida e, principalmente, substituir o homem que a população acredita ser insubstituível.



No próximo Domingo (dia 19/03/2017) as 10h15min na Sala Paulo Amorim assistiremos ao filme "Personal Shopper" (2016). Maureen (Kristen Stewart) é uma jovem americana que mora em Paris e trabalha como "personal shopper" para uma celebridade local. Ela também tem uma capacidade especial para se comunicar com o mundo dos mortos. A moça dividia esse dom com seu irmão, recém-falecido, que parece estar querendo enviar uma mensagem para o mundo dos vivos.


 

do Comunique-se

O BUGIO BRANCO,SEGUNDO TITIO BRIZA(oc)

Cid Moreira é o mais novo youtuber brasileiro



O jornalista Cid Moreira é o mais novo youtuber brasileiro. Lançado no domingo, 12, o Canal da Bíblia nasceu com a missão de levar aos internautas a possibilidade de ouvir, ler e assistir aos capítulos do livro sagrado de Gênesis a Apocalipse, narrados pela voz icônica do ex-apresentador do ‘Jornal Nacional’.

A cada semana, o canal disponibiliza novo estudo de um dos livros bíblicos. Ao final da leitura, são enviadas questões do plano de estudo preparado por teólogos e conhecedores da bíblia. O internauta que chegar ao fim do conteúdo receberá certificado oficial da Sociedade Bíblica do Brasil, que atestará que a pessoa leu, ouviu, assistiu e compreendeu as escrituras.

“Você sabe o que torna a Bíblia um livro tão especial? E porque a Bíblia é o livro mais importante já escrito? A Bíblia é o testemunho de acontecimentos históricos de tal magnitude que moldaram o mundo em que vivemos. Revela quem é Deus e quem é Jesus, o homem que dividiu o tempo em antes e depois dele”, disse Cid na apresentação do canal no YouTube.
Acompanhando Cid Moreira, o youtuber

Os inscritos na plataforma, além de acompanhar as narrativas do livro sagrado, receberão diariamente um Salmo narrado pelo jornalista que, segundo ele, ajudarão o internauta a refletir sobre os principais acontecimentos da vida atual e do dia a dia.

Em apenas quatro dias de lançamento, o Canal da Bíblia alcançou mais de dois mil inscritos. O vídeo de apresentação do novo projeto comandado por Cid possui cerca de oito mil visualizações. Na conta podem ser encontrados, ainda, vídeos com a introdução sobre cada um dos 73 livros bíblicos, o estudo de Gênesis com 50 capítulos, leitura de Salmos e a oração do Pai Nosso.

Além de comandar o canal no YouTube,  o novo youtuber Cid Moreira será a voz da 15ª edição do Prêmio Comunique-se. O profissional é responsável pelo vocal do Oscar do Jornalismo há mais de 10 anos.


 

Emendas parlamentares garantem mais de R$ 7 milhões para POA

A mobilização da bancada gaúcha na Câmara dos Deputados está garantindo mais de R$ 7 milhões para Porto Alegre em emendas com verbas federais. Os recursos são para as áreas de saúde, educação, esportes, acessibilidade, segurança, desenvolvimento social e pavimentação.

No atendimento à saúde, R$ 2,5 milhões beneficiam diretamente entidades como a Santa Casa e unidades municipais, como IAPI, Lami, Vila dos Comerciários e Asa Branca, entre outras estruturas de atenção básica. E mais de R$ 2,8 milhões estão destinados para a pavimentação de vias na Capital.

“Nesse momento de grave crise nas finanças, esses recursos representam a chance concreta de levar investimentos a áreas prioritárias. Agradeço aos parlamentares pela iniciativa e pelo apoio à nossa cidade”, afirma o prefeito Nelson Marchezan Júnior, responsável enquanto deputado federal por três das 15 emendas.

Afonso Hamm (PP)
Desenvolvimento Social (construção de Centro de Referência de Assistência Social)
380.250,00

Afonso Motta (PDT
Saúde (aquisição de equipamento / material permanente para o Centro de Especialidade Vila dos Comerciários)
249.950,00

Carlos Gomes (PRB)
Saúde (aquisição de equipamento / material permanente – Atenção Básica)
249.200,00

Danrlei de Deus (PSD)
Saúde (Santa Casa)
500.000,00
100.000,00

Henrique Fontana (PT)
Acessibilidade (execução de rebaixos de calçada e corrimãos para acessos seguros em parques e praças).
250.000,00

João Derly (Rede)
Saúde (Centro de Especialidades IAPI)
Esporte (Cercamento do campo de futebol do Parque Marinha do Brasil)
Segurança (Implantação da Patrulha de Prevenção à Violência nas Escolas e capacitação de agendas da segurança municipal)
599.970,00
243.750,00
455.121,00

Maria do Rosário (PT)
Saúde (Unidade de Saúde do Lami)
Saúde (Unidade Básica Asa Branca)
Esporte (construção de quadra poliesportiva com iluminação na Vila Maria da Conceição)
50.000,00
450.000,00
331.500,00

Nelson Marchezan Júnior (PSDB)
Saúde (Unidade de Saúde IAPI)
Educação (aquisição de materiais e equipamentos)
Obras (pavimentação viária)
300.000,00
150.000,00
2.817.250,00    

TOTAL
7.126.991,00


 

Prefeitura e Defensoria oferecem assistência jurídica gratuita

Um convênio firmado na tarde desta quarta-feira, 15, pela Prefeitura de Porto Alegre com a Defensoria Pública do Estado permitirá que cidadãos do município recebam orientações jurídicas em postos móveis durante a Semana de Porto Alegre. A ação, que está sob responsabilidade da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (SMDS), ocorrerá em duas datas: 22 e 26 de março.

Durante a assinatura do documento, o prefeito Nelson Marchezan Júnior destacou a importância da aproximação com os moradores que necessitam de assistência jurídica, principalmente os mais pobres. O prefeito afirmou ainda que a prefeitura pretende encontrar meios para, em conjunto com a Defensoria, ampliar o atendimento móvel.

Além de Marchezan, o ato de assinatura do convênio teve a presença da secretária municipal de Desenvolvimento Social, Maria de Fátima Záchia Paludo, do defensor público-geral do Estado, Cristiano Vieira Heerdt, e da coordenadora do projeto Defensoria Itinerante, defensora pública Luciana Artus.

Confira os locais e horários dos atendimentos:

22 de março: Largo Glênio Peres, das 14h às 17h

26 de março: Parque da Redenção, das 9h às 17h

26 de março: Arena do Grêmio, das 13h às 18h

 

16 de março de 2017

O BRITTO VOLTOU???

ERAO QUE SE PODIA PERGUNTAR AGORA HÁ POUCO NA FEDERASUL. TODA O STAFF DO SARTORI ERA DO TEMPO DO BRITTO.

COMO UMA MALDIÇÃO QUE PAIRA SOBRE O PMDB . O BRITO SE LIVROU DO PARTIDO, O PARTIDO NÃO SE LIVROU DOS CUPINCHAS QUE SUGAM EM VOLTA DO PARTIDO. QUE TRISTE FIM....


 

COMUNICADO A PRAÇA

MORREU LAURINHO DA VENANCIO.

LAMENTO INFORMAR QUE AKELE CRONISTA VIRULENTO, MORDAZ 'MORREU'. SE AGACHOU, COMO DIZEM OS CASTELHANOS. MEDO DA PATROA, OU PREGUIÇA. N TEM MAIS MANDADO AKELES PETARDOS QUE EU LIA ANTES DE PUBLICAR.
UMA PENA. PERDEM OS LEITORES.


 

COLEGUINHAS

A SARGENTONA DA ZH, DOS ANOS 80 E 90 VANIA WEBER SE APOSENTOU. CONSTRUIU UMA 'MANSÃO' NA LAGOA IBIRAQUERA E VIVE LÁ.

MANDAVA MAIS NA RED QUE O LAURO E O FELHBERG JUNTOS. PRA DESMORALIZAÇÃO DOS DOIS QUE COMIAM PELA MÃO DELA.

É QUE ELA SE REPORTAVA AO GENRO DO PATÃO, NO CASO MARCOS RAMON DVOSKIN.


 

COMPADRIO

GUACARY ANDRADE VAI COMANDAR PRGASPAROTTO E DEDÉ CONIL NUM PROGRAMETE DE VANIDADES NA TV URBANA. PROGRAMETE DE COMPADRES....PRGASPAROTTO JÁ FOI CHEFE DE GUARACY NA ZH.

encontrei o GUARACI ANDRADE, UM LUTADOR, NO ALMOÇO - QUE EU NUNCA FICO PQ A ASSESSORIA ME SEGREGA E NÃO ME DÁ CONVITE -- O QUE MUITO ME HONRA, POR SINAL -ELE TÁ NA TV URBANA.

NOS ANOS 90 EDITOU A NOME E SOBRENOME, UMA REVISTA DE VANIDADES, COMO DIZIAM NO PERU.

AKI NÃO DEU CERTO. NA PROVINCIA DE S PEDRO NÃO PODIA DAR.

-TINHA 14 EMPREGADOS. COMI O PÃO QUE O DIABO AMASSOU , ME DISSE ELE HJ.

GUARACI TEM HJ UM RPOGRAMA NA TV URBANA, DEPOSITO DE  coleguinhas  REJEITADOS.


 

alo fernando de uruguaiana esta é pra ti.

liguei hj pruma cidade ai da fronteira oeste,muito conhecida por uma musica que é simbolo do rio grande.

*

quem atendeu foi o dr. massaroca. conheces?

foi sec no tempo de um gov do estado.

vamos ver se tu sabes de quem tou falando. te pago um jantar quando for ai num boteco de libres.


 

Tirinha do Rekern



 

Joel Maia, necrológio - ass impr MDB



Porto Lucena será beneficiado com programa de apoio operacional



O Governo do Estado através da secretaria de Obras, Saneamento e Habitação firmou com a prefeitura Municipal de Porto Lucena, o convênio de empréstimo de uma escavadeira hidráulica para a recuperação de estradas vicinais.

A demanda encaminhada pelo município prevê a recuperação e manutenção de 20 quilômetros de estradas vicinais nas localidades da Linha Norte, Linha União e Linha 8 de Maio, beneficiando aproximadamente 20 famílias.

Também foi firmado o acordo operacional para a perfuração de um poço artesiano na comunidade de Vila Catarina.

Participaram da assinatura do convênio o secretário Estadual de Obras, Saneamento e Habitação, Gerson Burmann, o prefeito municipal de Porto Lucena, Jair Miguel Wagner e a secretaria municipal de Planejamento e Projetos, Ligia Daiane Fink dos Santos.


 

EMPRESÁRIOS DA ZONA NORTE DEBATEM AUMENTO  DA CRIMINALIDADE NA REGIÃO
 
          O secretário municipal de Segurança Pública de Porto Alegre, Kleber Senisse, será o palestrante da primeira reunião-almoço mensal da Associação das Empresas dos Bairros Humaitá-Navegantes (AEHN)de 2017. O evento será realizado às 12h desta quinta-feira (16) no restaurante Ratskeller Baumbach – Av. Pará, 1324.
          O presidente da entidade, Luiz Carlos Camargo, explica que a escolha do tema decorre da constatação dos associados sobre a elevação dos índices de criminalidade na região, nos últimos meses, colocando em risco a segurança dos empresários e da força de trabalho das empresas bem como de toda a população.
          O secretário Kleber Senisse já antecipou que aposta em duas linhas de trabalho para a pasta: integração com outros órgãos públicos e parcerias para implementar o Fundo Municipal de Segurança.
ATENÇÃO IMPRENSA: MAIORES INFORMAÇÕES PODEM SER OBTIDAS COM O PRESIDENTE DA AEHN – LUIZ CARLOS CAMARGO – TELEFONES (51) 2104.1066 OU CEL. 99935.0223.


 

Prefeitura apresenta a programação da 58ª Semana de Porto Alegre

O prefeito Nelson Marchezan Júnior e o secretário municipal da Cultura, Luciano Alabarse, apresentam nesta quarta-feira, 15, a programação de eventos e novos serviços que serão lançados para comemorar os 245 anos de Porto Alegre. A entrevista coletiva será realizada às 9h, na Cinemateca Capitólio (Rua Demétrio Ribeiro, 1085).


 

SUGESTÃO DE PAUTA

O deputado Darcísio Perondi, vice-líder do Governo na Câmara, o ministro do Desenvolvimento Social e Agrário, Osmar Terra, o Secretário de Previdência, Marcelo Caetano, e o Secretário de Políticas de Previdência Social, Benedito Adalberto Brunca, participam, nesta quarta-feira (15), às 10 horas, de reunião com representantes da FETAG/RS e da CONTAG. A reunião será no Palácio do Planalto.  
Perondi está intermediando negociação entre o Governo e entidades do campo sobre a reforma da previdência.
 
Pela FETAG/RS e CONTAG participam:
- Carlos Joel da Silva - Presidente da FETAGRS
- Elisete K. Hintz - Tesoureira Geral FETAGRS
- Alberto Broch - Presidente da CONTAG
- José Walter Dresch - Presidente FETAG SC
- Ademir Muller - Presidente FETAG PR
- Evandro José Morello  - Assessor CONTAG
- Adriana Borba Fetzner  - Assessora Contag
- Hoana Talita Gehlen -  Assessora FETAGRS
- Diego Kiefer - Presidente do Sindicato de Cachoeira do Sul
- José Ribeiro Prestes - Presidente do Sindicato de Girua
- Noeli Maria Langer - Presidente do Sindicato de Salvador das Missões
- Rodinei Filippin da Silva - Presidente do sindicato de Catuípe
- Jair Ivan Wouters - Presidente do Sindicato de São Pedro do Sul
- Rodrigo Prestes - Assessor da FETAG
 
- José Luis Pieta - Assessor da FETAG

O deputado Darcísio Perondi estará disponível para contato e entrevistas no celular: (61) 98163-0003.


 

Município de Dona Francisca será beneficiado com programa de apoio operacional



O Governo do Estado por meio da secretaria de Obras, Saneamento e Habitação firmou na manhã desta quarta-feira (15) com a prefeitura municipal de Dona Francisca, o termo de cessão de uso que prevê ao município o empréstimo de uma escavadeira hidráulica.

O plano de trabalho apresentado pela prefeitura prevê o desassoreamento do Arroio Trombudo, incluindo a limpeza da calha do arroio, a remoção dos materiais e a abertura do canal, beneficiando aproximadamente 52 famílias.

Participaram da assinatura do convênio o secretário estadual de Obras, Saneamento e Habitação, Gerson Burmann, o prefeito de Dona Francisca, Carlos Albino Segabinazzi Martini, o vereador, Milton Inácio da Silva, o assessor especial do gabinete do governador, Roberto Fantinel, o diretor geral da SOP, Valmor Krysczun e o assessor parlamentar, Jairo Pereira.


 

Exército reforça grupo de trabalho na área da segurança em Porto Alegre

Um exercício envolvendo soldados do Exército Brasileiro, junto com a Guarda Municipal, a EPTC e a Brigada Militar, marcou o início de uma parceria para reforçar as ações de segurança pública em Porto Alegre. A atividade aconteceu durante toda a manhã e parte da tarde desta quarta-feira, 15, no Parque Farroupilha (Redenção), e foi acompanhado pelas câmeras de monitoramento do Centro Integrado de Comando (CEIC-POA).

Enquanto o exercício acontecia na Redenção, o prefeito Nelson Marchezan Júnior foi recebido pelo Comandante Militar do Sul, General Edson Leal Pujol. Ele explicou ao chefe do executivo a atuação do Exército na Capital e de que forma pode ajudar nas ações de segurança. A cooperação será por meio de exercícios, que podem ser integrados a operações da EPTC, da Guarda Municipal e da Brigada Militar, e em atividades de patrulha (a pé, motorizada ou a cavalo), em áreas próximas aos quartéis. Ao mesmo tempo que servem de treinamento para os militares, as ações reforçam a presença das forças de segurança em locais públicos e estratégicos da cidade. “A parceria que estamos fazendo a partir de hoje deve trazer um grande benefício à cidade”, afirmou Pujol.

O chefe do Centro Coordenado de Operações do Comando Militar do Sul (CCOP-CMS), general Fábio Benvenutti Castro, disse que o Exército é um parceiro da prefeitura e tem atuado especialmente junto à Defesa Civil em situações de crise como o temporal de janeiro de 2016, enchentes e no combate ao mosquito aedes. “Todos temos o desejo de viver numa Porto Alegre mais segura, com uma rede de ensino de excelência, com bom atendimento de saúde, transporte adequado e qualidade de vida. E nós pensamos muito em como contribuir para que a Capital se torne essa referência”, disse Castro.

Marchezan destacou a importância da parceria, principalmente no momento pelo qual Porto Alegre passa. “Estamos vivendo uma grave crise, a situação mais crítica que a nossa Capital enfrenta. Só vamos superar isso se unirmos nossas forças, todas as esferas de governo e sociedade, e conseguirmos mudar a mentalidade para que todos façam a sua parte na construção de uma cidade melhor”, salientou o prefeito. Ele acrescentou que a integração também ocorre com a troca de informações e de tecnologia. As imagens das câmeras do Centro Integrado de Comando (CEIC-POA), da prefeitura, estão disponíveis para todas as instituições que integram o grupo de trabalho na área da segurança pública.

Também participaram do encontro o vice-prefeito, Gustavo Paim, os secretários municipais de Segurança, Kléber Senisse, de Saúde, Erno Harzheim, de Educação, Adriano Naves de Brito, de Desenvolvimento Social, Maria de Fátima Paludo, de Serviços Urbanos, Ramiro Rosário, de Infraestrutura e Mobilidade, Elizandro Sabino, e o diretor da Procempa, Michel Costa.

Durante esta tarde, uma operação semelhante à que foi realizada na Redenção, movimentou a Vila dos Sargentos, no bairro Serraria, zona Sul de Porto Alegre.


 

Governo e trabalhadores rurais tentam convergir sobre reforma da previdência

O Governo tem um grande desafio pela frente, o de convencer os trabalhadores do campo sobre a necessidade de aprovação da reforma da previdência. Numa reunião organizada pelos deputados Darcísio Perondi e Alceu Moreira, ambos do PMDB gaúcho, e pelo ministro do Desenvolvimento Social e Agrário, Osmar Terra, sentaram-se à mesa para negociar o Secretário de Previdência, Marcelo Caetano, o Secretário de Políticas de Previdência Social, Benedito Adalberto Brunca, e representantes da Confederação Nacional dos Trabalhadores na Agricultura (Contag) e de várias Federações estaduais (Fetag), como as do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná. Para o Deputado Darcísio Perondi, a r eunião foi produtiva e aumentaram as chances de as duas partes chegarem a uma convergência.

Segundo Perondi, o debate foi positivo, produtivo e informativo. A Contag já não contesta os números do déficit do setor, mas ainda não aceita a idade mínima de 65 anos para aposentadoria e o modelo de contribuição individualizada. A entidade acredita que haverá êxodo rural e que a arrecadação vai cair. O Governo, explicou Perondi, vai checar números e estudar as propostas. “Novas reuniões deverão ser agendadas para as próximas semanas e acredito que os dois lados podem ceder e chegar a uma convergência. O parlamentar gaúcho avalia que a reforma é inevitável e que todos deverão contribuir, inclusive trabalhadores do campo, da cidade e servidores civis e milit ares.

“Se todos não contribuírem, inclusive os trabalhadores rurais, a previdência vai quebrar em quatro anos”, alertou Perondi. O déficit, em 2016, foi de R$ 258 bilhões, sendo R$ 100 bilhões só com as aposentadorias rurais. Se nada for feito, logo o Governo não terá como pagar os benefícios. Na melhor das hipóteses, terá que fazer escolhas: pagar os aposentados ou cortar recursos de setores vitais, como saúde, educação e programas sociais.


 

Semana de Porto Alegre mobiliza moradores, artistas e empresários

Espaços históricos e ruas serão palco da festa de 245 anos da cidade, que conta com a comunidade para promover o evento em meio à atual crise financeira

Porto Alegre viverá entre os dias 19 e 27 de março uma semana de redescobertas e descobertas, em seus 245 anos. Levar os moradores para a rua e fazer a comunidade repensar a vida da cidade, e a vida na cidade, é a proposta da Semana de Aniversário de Porto Alegre, que terá vias públicas da Capital como palco principal e os moradores como protagonistas. É o envolvimento da comunidade em geral que está permitindo a realização da festa em meio à atual dificuldade enfrentada pelos cofres públicos.

Apesar das dificuldades financeiras do município, a comemoração do aniversário da cidade acabou se revelando um momento de superação para os gestores públicos, servidores e todos os envolvidos na organização das quase 500 atividades previstas ao longo de nove dias. "A Semana de Porto Alegre é um símbolo de atitude, de transparência e de inovação por uma nova forma de fazer, buscando a cidade que queremos. E tudo só está acontecendo com a participação de instituições públicas estaduais e federais, de pessoas físicas e jurídicas que estão doando seu tempo para começarmos a construir uma nova realidade", defendeu o prefeito Nelson Marchezan Júnior, durante a entrevista coletiva de lançamento, nesta quarta-feira, 15, na Cinemateca Capitólio.

O prefeito enfatizou que a programação não tem apenas o caráter de celebração; as iniciativas programadas têm a característica de continuidade como projetos e políticas públicas para melhorar a vida na cidade. "A determinação é que as ações sejam permanentes e sustentáveis, olhando para todas as regiões da cidade, das diferentes classes sociais. É uma aposta em iniciativas duradouras em benefício da população", enfatizou Marchezan, anunciando como exemplo a parceria com o Exércio, que a partir do dia 26 de março, aniversário da Capital, assume os cuidados com o Parque Farroupilha, a Redenção. "A responsabilidade pela Redenção não é uma atribuição natural, mas entenderam a necessidade de Porto Alegre", explicou o prefeito.

Programação diversificada - Da organização inicial à realização, a prefeitura convida os moradores a construir a cidade por meio de suas intervenções, incluindo a justa cobrança do trabalho dos governantes. A ideia central nos bastidores da festa e das 497 atividades culturais, de cidadania, saúde e empreendedorismo, é desenvolver uma obra conjunta. Foi o apoio da iniciativa privada, Ongs, coletivos artísticos e diferentes instituições que permitiram construir uma festa sem a demanda de recursos públicos. "A programação não é só cultura; é uma semana de todas as forças produtivas e construtivas de Porto Alegre", afirmou o secretário municipal da Cultura, Luciano Alabarse, que coordena o projeto.

No dia 19, início das comemorações, o ministro da Cultura, Roberto Freire, virá a Porto Alegre pela primeira vez no comando da pasta. A abrangência e inovação que a atual administração da cidade está implementando e que unem o poder público e os moradores vão além da gestão da cidade: passam pelo amor que se tem pelo local onde se vive, pelos seus vizinhos e recantos, históricos ou contemporâneos. E principalmente por iniciativas. É isso que será celebrado ao longo da festa de 245 anos da Capital. Em noves dias de intensa programação, cidadãos, empresários e poder público vão se unir e promover ações que ocuparão do centro à periferia, dos parques às vias públicas, passando pelo Guaíba, em pontos históricos e até mesmo em locais transitórios, como paradas de ônibus.

Abertura - Na abertura, em 19 de março, o público vai ocupar o Museu Joaquim Felizardo e sua área verde, em um grande piquenique artístico-gastronômico no bairro Cidade Baixa. Os artistas de rua da Capital estão sendo convidados a incrementar a grande festa no entorno do casarão. Integrados ao piquenique comunitário marcado para 19 de março, no pátio do museu, na rua João Alfredo, 582, atores, malabaristas, palhaços, dançarinos e músicos poderão mostrar o melhor da arte popular feita em Porto Alegre, entre a rua da República e rua Joaquim Nabuco, que estará fechada para o trânsito das 6h às 21h.

Nesta edição, a Marinha do Brasil retoma sua participação nas festividades, trazendo à Capital um navio que será aberto à visitação durante o evento. A Banda Marcial da Marinha, com a ala de gaiteiros, também marca o retorno da instituição à Semana de Aniversário de Porto Alegre. A aproximação com as águas que delimitam a cidade será feita, ainda, por meio de passeios gratuitos de Catamarã. O Dia Mundial da Água, por sinal, celebrado em 22 de março, será marcado por uma ação especial do Dmae. Outra data histórica que ganhará destaque ao longo da semana é o Dia Contra o Racismo, em 26 de março, no Largo Zumbi dos Palmares.

A música feita na cidade, por seus moradores, vai ressoar de diferentes formas, sendo a mais simbólica a apresentação da Orquestra de Câmara do Theatro São Pedro, com participação da Banda Municipal na escadaria da Igreja das Dores, no dia 26. Também terá eco a música mais popular do país, com as escolas de samba da cidade desfilando no Porto Seco. Como parte da descentralização, shows de talentos artísticos vão ser realizados em diferentes bairros, como Partenon e no Eixo Baltazar, na zona Norte.

Nas atividades cênicas, grandes espetáculos locais serão apresentados gratuitamente, como Anatome, dirigido por Carlota Albuquerque, no dia 25. Já a sétima arte será comemorada com a inauguração do novo projetor da Cinemateca Capitólio, no dia 27 de março. Duas ações tradicionais, a entrega Medalha de Porto Alegre e a 14ª edição da Corrida de Aniversário também estão no circuito de atividades. Os esportes terão sequencia com atividades como o torneio de futebol Copa dos Refugiados, disputada por imigrantes representando seus países. Na área da saúde, o marco é a nova Unidade Básica de Saúde (UBS) que irá operar até as 22h, na av. Bento Gonçalves, 6.670.

E para que a Porto Alegre se mantenha nas mãos dos moradores além da semana oficial e dentro do conceito de ser uma cidade startup, a Procempa lançará aplicativos e novidades como a possibilidade de pagamentos de passagens de ônibus e lotação com cartões de crédito e débito, reduzindo a circulação de dinheiro nos veículos, desestimulando assaltos e facilitando a vida dos moradores. Ainda na área de tecnologia, a Semana de Porto Alegre vai abrigar o primeiro teste para implantação de carros elétricos compartilhados em diferentes bairros da cidade, em parceria com diferentes empresas.

É a parceria com o setor privado que está permitindo ao município organizar a extensa programação sem custos. A Semana de Porto Alegre terá o patrocínio da Caixa e Governo Federal, com apoio gastronômico dos restaurantes Bah e Peppo Cucina.

Inovação - Uma das novidades de transparência e prestação de serviços da Semana de Porto Alegre será a apresentação da versão alfa do novo site da prefeitura. A primeira entrega do novo projeto é a programação completa do aniversário da cidade, com quase 500 ações, que poderão ser consultadas por data, tipo de atividade e bairro. Acesse aniversario.portoalegre.rs.gov.br.

Algumas promoções oferecidas ao longo da programação:

- Linha Turismo: Isenção de cobrança de ingresso no Linha Turismo, em 26 de março (domingo), para os aniversariantes do dia - aniversário de Porto Alegre, nos roteiros Zona Sul (10h e 15h) e Centro Histórico (saídas entre 9h e 16h).

- Promoção para passageiros de táxi e aplicativos de transporte individual: de 19 a 26 de março, o serviço de transporte seletivo e individual oferecerá descontos para os usuários. O objetivo é promover novas alternativas de circulação.

- Prato Semana POA: De 19 a 26 de março, a casa Destemperados fará uma seleção de pratos vinculados à cozinha local e à identidade da cidade, que serão oferecido nos restaurantes e/ou bares que se engajarem na proposta. Será uma prato diferente em cada local, no almoço e o jantar.

- Viagens de Catamarã: A empresa Catsul oferecerá diariamente uma viagem ida e volta para 20 pessoas, entre estudantes da rede pública e pessoas em vulnerabilidade social.

São Clemente Maria Hofbauer, padre redentorista

São Clemente Maria HoufbauerSão Clemente contribuiu para a edificação de muitos conventos e asilos, sinais materiais da força do Evangelho

Dentro de uma família muitos simples, nasceu em Tasswitz aos 26 de dezembro de 1751. Foi o último dos doze filhos de Paulo Hofbauer e de Maria Steer. Foi batizado com o nome de João. O pai era um açougueiro. A família era muito pobre e o pequeno João frequentou muito pouco a escola nos anos juvenis. Com a morte do pai empregou-se como servente no mosteiro dos premonstratenses de Burra, onde desempenhou o ofício de padeiro.
Durante algum tempo viveu como eremita. Foi quando mudou o nome para Clemente. De volta para Viena, e graças à generosidade de três senhoras piedosas e ricas, pode estudar na universidade. Em 1784 viajou novamente para Roma junto com um estudante e amigo Tadeu. Os dois peregrinos foram parar entre os redentoristas, recentemente estabelecidos em São Julião, no Monte Esquilino, onde eles foram recebidos como candidatos.
Depois de um noviciado breve, fizeram a profissão no dia 19 de março de 1785 e, dez dias depois, em 29 de março de 1785, foram ordenados padres em Alatri. Junto com o Padre Tadeu, voltou à Viena onde quis estabelecer a Congregação.
Mas isto não era possível devido às leis josefinistas. Foram então para Varsóvia onde se encarregou da igreja alemã de São Beno. Começou uma intensa atividade pastoral, e lá atraiu numerosos candidatos desejosos de se unirem a ele. A igreja de São Beno tornou-se sede de uma missão contínua com um programa diário de pregações, instruções, confissões e devoções. Fundou, também, um orfanato para os meninos e meninas. Esta atividade ele a continuou até os 1808, quando Napoleão Bonaparte fechou a igreja e dispersou a comunidade.
Clemente se estabeleceu novamente em Viena e lá permaneceu até sua morte. Como capelão do convento e da igreja das Ursulinas, teve uma influência extraordinária na cidade inteira. Aconselhou e encorajou alguns líderes do novo movimento romântico e outros que trabalhavam para a renovação católica nos países de idioma alemão.
Foi-lhe conferido o título e a responsabilidade de Vigário Geral da congregação redentorista fora da Itália, principalmente para o sul da Alemanha e Suíça. São Clemente foi a base da renovação da vida redentorista na Europa do Norte.
São Clemente morreu em Viena, no dia 15 de março de 1820. Quando o Papa Pio VII teve notícia da morte e disse: "A religião perdeu na Áustria a seu apoio principal." É chamado patrono de Viena e venerado como o principal propagador da Congregação Redentorista.
REFLEXÃO: A vida de São Clemente foi intensamente missionária. Dedicou seus dias ao trabalho apostólico entre os mais abandonados e, apesar dos fracassos sucessivos, nunca desanimou do serviço ao Cristo. Foi um dos maiores missionários redentoristas e graças a ele, a Congregação do Santíssimo Redentor pôde espalhar-se por todo o mundo. Hoje queremos pedir a Deus que abençoe todos os missionários redentoristas, para que sejam instrumentos de Deus na tarefa da evangelização.
ORAÇÃO: Bom Deus do Céu, escolhestes São Clemente como missionário do Reino de Deus e através do serviço aos pobres e abandonados ele consagrou sua vida a Jesus Cristo. Concedei-nos a perseverança necessária para o trabalho de evangelização e dai-nos um coração caridoso, para que imitemos em nosso cotidiano as ações de São Clemente. Por Cristo nosso Senhor. Amém!
São Clemente Maria Hofbauer, rogai por nós!


 

Casan abre unidades para visitação na Semana da Água

Em comemoração ao Dia Mundial da Água, 22 de março, a Casan abrirá Estações de Tratamento para visitação em todas as regiões do Estado. Nas Estações de Tratamento, a água passa por diferentes processos antes de ser distribuída para a população. Profissionais da companhia estão mobilizados para receber visitantes de diferentes idades, demonstrando onde ocorre a captação de água bruta e como acontecem as etapas do tratamento.
 
A mensagem trabalhada em cada unidade será também de educação ambiental, valorizando a água como um bem essencial, que precisa consumido de forma responsável.
 
Grupos interessados podem obter mais informações e solicitar agendamento de visitas diretamente nas unidades (contatos abaixo).

Unidades abertas à visitação

Região Metropolitana da Grande Florianópolis

Florianópolis / ETA do Peri
Visitação: 20, 21 e 22/03
Horários: 9h30 às 12h e 13h30 às 15h
Endereço: Rod. SC 406, nº 3235, bairro Armação
Contato: eduambiental@casan.com.br/ (48) 3221-5747

Região Norte/ Vale do Itajaí

Rio do Sul/ETA Rio do Sul
Visitação: 22/03
Horários: 9h30 às 12h e 13h30 às 15h
Endereço:Rua Ernesto Feldmann, 360
Contato:(47) 3521-4801

Balneário Piçarras/ETA
Visitação: 22/03
Horários: 9h30 às 12h e 13h30 às 15h
Endereço:Rua Vicente Sabino, nº 290 - Bairro Morretes
Contato:(47) 3345-0739

Barra Velha/ETA
Visitação:20 a 24/03
Horários:9h30 às 12h e 13h30 às 15h
Endereço: Rua Alfredo de Borba - Sertãozinho
Contato:(47) 3345-0739

Balneário Barra do Sul/ETA
Visitação: 22/03 (período integral) / 23 e 24 (período matutino)
Endereço: Rua Vicente de Carvalho, sem número (final da rua)
Contato: (47) 3448-1195 / (47)3448-3322

Indaial/ETA
Visitação: 20 a 24/03
Horários: 9h30 às 12h e 13h30 às 15h
Endereço: Avenida Brasil, N 1467, bairro Rio Morto.
Contato: (47) 3333-5433/ 3333-1913

Curitibanos/ETA
Visitação: 20 a 24/03
Horários: 9h30 às 12h e 13h30 às 15h
Endereço: Rua Florianópolis, s/nº, bairro São Luiz (Próximo à Escola Estadual Marechal Dutra)
Contato: (49) 3245-1261-ETA / (49) 3245-0590-Escritório

Itaiópolis
Visitação: 20 a 24/03
Horários: 9h30 às 12h e 13h30 às 15h
Endereço: Estrada de São Lourenço, s/n, bairro São Lourenço (próximo ao Salão Tamoio)
Contato:(47) 3652-2287

Taió
Visitação: 20 a 24/03
Horários: 9h30 às 12h e 13h30 às 17h
Endereço: Rua Franz Woelfer, S/N, bairro Seminário, final da rua.
Contato:(47) 3562-0003

Mafra
Visitação: 22/03
Horários: 9h30 às 12h e 13h30 às 17h
Endereço: Avenida Coronel José Severiano Maia, n 3010
Contato:(47) 3642-5022

Ponte Alta do Norte
Tratamento em Casa de Química
Visitação: 22/03
Horários: 8h às 12h e 13h30 às 17h30
Endereço: Rua Francelício Oliveira Silva, 126, bairro São Sebastião
Contato: (49) 3254-1245

Região Sul/Serra

Siderópolis/Barragem do Rio São Bento
Visitação: 22/03
Horários: 9h30min às 12h e 13h30min às 15h
Endereço: Vila São Pedro, Siderópolis
Contato: (48) 3436-2522

Criciúma/ETA São Defende
Visitação: 22 a 24/03
Horários: 9h30 às 12h e 13h30 às 17h
Endereço: Rua Lucas Peruchi, SNº, Bairro São Defende, Criciúma
Contato: (48) 3439-7007

Turvo/ETA
Dias de visitação: 20 a 24/03
Horário: 10h
Endereço: Rua Nereu Ramos, Centro, ao lado do Hospital São Sebastião
Contato: (48) 3525-0513

Região Oeste

Chapecó/ETA
Visitação: 20, 21 e 22/03
Horários: 9h30 às 12h e 13h30 às 15h
Endereço: Rua Princesa Isabel, n° 1070-D / Bairro São Cristóvão
Contato: (49) 3321-2791 / (49) 3321-2797

Catanduvas/ETA
Visitação: 20 a 24/03
Horários: 9h30 às 12h e 13h30 às 15h
Endereço: Estrada Ervateira Regina, próximo ao campo de Futebol (da Ervateira Regina)
Contato: (49) 3525-1629

São Miguel do Oeste/ETA
Visitação: 20 a 24/03
Horários: 9h30 às 12h e 13h30 às 15h
Endereço: Rua Osvaldo Cruz, 167
Contato: (49) 3631-3054

Mondaí/ETA
Visitação: 20 a 24/03
Horários: 9h30 às 12h e 13h30 às 15h
Endereço: Rua Pastor Karl Ramminger, s/n, Bairro Bela Vista
Contato: (49) 3674-0500

Xaxim/ETA
Visitação: 20 a 24/03
Horários: 9h30min às 12h e 13h30min às 15h
Endereço: BR 282, sentido Cachoeirinha
Contato: (49) 3353-1083

15 de março de 2017

Ospa

tou chegando da OSPA....o problema é o medo da parada do ieflores da cunha. todo mundo si manda depois. ali assaltam muito.

 

do Centro

o sono do cobrador ....e outras....

 

Tirinhas do Rekern em dose dupla

 

Marginal

MARGINAL PRA MIM É QUEM VIVE A MARGEM DA LEI. E PONTO FINAL(oc) NÃO VOU ENTRAR EM DISCUSSÕES SEMANTICAS. ACHO DEMAGOGICO AQUELE TROÇO DO CAE E GIL E PONTO FINAL E MINHA OPINIÃO. CU E OPINIÃO CADA UM TEM O SEU.(oc)

Enviada: 2017/03/14 07:44:19

Tu tem uma compreensão muito restrita do termo "marginal", uma palavra com muitas outras acepções: a princípio, marginal é tudo "aquilo que esta às margem de alguma coisa". No sentido que tu usa é sinônimo de mendigos ("isto q está na rua"). Mas também pode designar quem ñ se integra à sociedade de consumo, quem é rebelde, quem é contestador (era neste sentido que o Oiticica a usava). A "charge" q mandei ñ é charge, é um grafite pichado numa parede da Lima e Silva, tem mais a ver com isso que está na moda, do "empoderamento" da mulher, com o feminismo enfim. Mas, se ele te "irritou profundamente", é porque é uma coisa forte. O objetivo de quem fez foi esse mesmo: provocar. Nota de z para quem fez. Qto a Caetano e Gil, na época eles nem ganhavam tanto assim, eram mais para o marginal mesmo, tipo sexo, drogas e rock-and-roll. O Caetano só enricou depois que casou com a Paula Lavigne, que acertou a vida financeira dele. E o Gil também só melhorou de vida depois que retomou os direitos autorais que estavam sob controle do empresário dele (aí pelo fim dos anos 1990). (by Laurinho da Venâncio)

 

Hahahah!

tá bom lauro, tá bom. bairro burgues onde eu vivo. tu não entende de bairro burgues.(OC)

Enviada: 2017/03/14 21:41:33

Quem vive em bairros burgueses não entende os grafittis da Cidade Baixa! hahahah!

 

13 de março: Nunca esqueceremos o legado de Jango

Há exatamente 53 anos, o Presidente João Goulart realizava o maior comício de todos os tempos, na Central do Brasil no Rio de Janeiro. 
Um momento sublime do nossa história, pois naquele ato, o Chefe do poder executivo dirigia-se em praça pública, encaminhando as reformas de base, motivação esta da sua deposição pelo golpe civil-militar, articulado pelas forças da direita.
Diria eu, sem medo de equívoco, que hoje marcamos uma data de reflexão sobre um país que poderia ter encaminhando a sua sustentação política, social, econômica, nos pilares da justiça social. Choramos uma data em que poderíamos ter um país muito mais evoluído, sorrateiramente interrompido por um golpe de Estado em 64.
"Nosso lema, trabalhadores do Brasil, é "progresso com justiça" e "desenvolvimento com igualdade". E dessa forma, meu avô procurava iniciar uma reforma agrária no Brasil, com o Decreto da Supra, uma Reforma Constitucional, a Encampação de refinarias de Petróleo particulares, valorizando nossas riquezas minerais especialmente as riquezas criadas pelo petróleo.
Falava naquele dia em reforma universitária, tão reclamada pelos estudantes brasileiros. Falava em regulamentar o preço extorsivo dos apartamentos e residências desocupados. Já havia assinado a lei de remessa de lucros em janeiro daquele ano.
Vale registrar aqui, como forma de homenagem, o último trecho de seu famoso discurso:
"Hoje, com o alto testemunho da nação e com a solidariedade do povo, reunido na praça que só ao povo pertence, o governo, que é também o povo e que também só ao povo pertence, reafirma seus propósitos inabaláveis de lutar com todas as suas forças pela reforma da sociedade brasileira. Não apenas pela reforma agrária, mas pela reforma tributária, pela reforma eleitoral ampla, pelo voto do analfabeto, pela elegibilidade de todos os brasileiros, pela pureza da vida democrática, pela emancipação econômica, pela justiça social e pelo progresso do Brasil"
Passados 53 anos, reafirmamos hoje que só o trabalhismo tem um indicativo para o verdadeiro progresso da nação. Bem sabemos que a luta será tanto maior contra nós quanto mais perto estivermos do cumprimento do nosso dever.

Sigamos em frente, com o exemplo do legado apontado por João Goulart!

Christopher GoulartAdvogado, primeiro suplente de Senador PDT-RS

 

Municípios gaúchos serão beneficiados com a perfuração de poços artesianos

O programa de Perfuração de Poços Artesianos (PAP) desenvolvido pelo Governo do Estado através da Secretaria de Obras, Saneamento e Habitação (SOP) e da Companhia Riograndense de Saneamento – CORSAN vai beneficiar dois municípios gaúchos com a perfuração de poços artesianos.

Na tarde desta terça-feira (14), foi assinado com o município de Ivorá o acordo operacional para a perfuração de dois poços artesianos nas comunidades das Linhas Boca da Picada e Pereira de Souza.

Também foi firmado com o município de São Martinho o acordo operacional para a perfuração de dois poços artesianos nas comunidades da Linha Lajeado Canas e Esquina Schmidt.

O Secretário de Obras, Gerson Burmann destacou a importância do programa de perfuração de poços artesianos, que presta o auxilio aos municípios no atendimento das demandas relacionadas à falta de água. O programa tem como finalidade garantir o acesso das famílias dessas comunidades ao abastecimento de água própria para o consumo humano, garantindo saúde e a qualidade de vida.

Participaram da assinatura dos convênios o prefeito de Ivorá, Ademar Valentim Binotto, o vereador, Sandro Garrot, o prefeito de São Martinho, Marino Krewer, o diretor de saneamento da SOP, Fernando Urnau D’Avila e o assessor parlamentar, Jairo Pereira.

 

FEE apresenta novo índice sobre as exportações gaúchas

O único indicador de rentabilidade de exportação estadual do Brasil será apresentado pela FEE nesta próxima quarta-feira, 15, às 10hs, na Sala de Eventos da Fundação (Rua Duque de Caxias, 1691).

O Índice de Rentabilidade das Exportações Gaúchas (IREG) vai auxiliar na compreensão da dinâmica da economia do Rio Grande do Sul porque permite o acompanhamento da evolução da rentabilidade proveniente da atividade exportadora ao longo do tempo no Estado. Os novos dados podem contribuir, de maneira decisiva, por exemplo, na escolha entre direcionar a produção para o exterior ou para o mercado doméstico, bem como na decisão de realizar investimentos voltados à exportação. O IREG é desenvolvido pelo Núcleo de Dados e Estudos Conjunturais do Centro de Indicadores Econômicos e Sociais da FEE e resulta da relação entre os três principais determinantes da rentabilidade exportadora: o preço de exportação, a taxa de câmbio e os custos de produção. A série histórica, de periodicidade mensal, inicia-se em janeiro de 2008.

Participe do lançamento do IREG!
Quando: 15 de março – quarta-feira
Hora: 10:00
Onde: Sala de Eventos da FEE

 

do Miron Neto

Pedida indenização de R$ 8,6 mi por dano ambiental

Na ação contra a Corsan, o promotor Max Guazzelli pede uma indenização de R$ 8,6 milhões por dano ambiental associado à poluição nos últimos cinco anos. No caso de a ação prosperar, o valor deverá ser destinado para o Fundo Municipal de Saneamento. Na ação, há um pedido liminar para que a Corsan deixe imediatamente de cobrar por tratamento de esgotos, "pois não realiza tais serviços, podendo ela cobrar tão somente pela coleta", afirma Max Guazzelli na ação civil pública.

Prefeitura regulamenta transporte privado e remunerado de passageiros

A prefeitura de Porto Alegre publicou, na tarde desta segunda-feira, 13, o decreto que regulamenta a lei municipal nº 12.162, de 9 de dezembro de 2016, que dispõe sobre o serviço de transporte motorizado privado e remunerado de passageiros.

Assinado pelo prefeito Nelson Marchezan Júnior, o decreto determina que as empresas que forem prestar o serviço deverão protocolar, junto à Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC), um requerimento para outorga de autorização para a execução do serviço. O credenciamento das empresas será válido por 18 meses. A renovação do credenciamento deverá ser requerida com antecedência mínima de 30 dias da expiração da validade.

Quanto aos dados disponibilizados durante a prestação dos serviços, o Poder Executivo deverá assegurar a inviolabilidade, a confiabilidade, a proteção e a privacidade dos dados repassados pelas empresas ao Município.

De acordo com o decreto, os carros usados na prestação de serviços de que trata a lei nº 12.162 deverão ter, obrigatoriamente, identidade visual. São dois tipos de identificação: adesivo externo previamente aprovado pela EPTC; e adesivo interno referente ao selo de aprovação na vistoria, que também passa a ser obrigatória.

Quanto à vistoria, o procedimento será anual, sempre observando critérios de segurança, conforto e higiene, conforme critérios e padrões usualmente aplicados pelo Município na avaliação dos veículos do transporte público e de utilidade pública. Fica estabelecido, ainda, o prazo máximo de 180 dias para a realização gradativa da primeira vistoria de cadastramento dos veículos por oficinas credenciadas, contados da publicação deste Decreto, mediante critérios a serem fixados em resolução.

No curso do cumprimento do calendário da primeira vistoria, fica autorizada a execução dos serviços. Na hipótese do veículo ser reprovado na vistoria periódica, fica vedada sua utilização na execução do serviço.

As empresas têm a obrigação de encaminhar à EPTC, até o quinto dia de cada mês, a relação de veículos que efetivamente prestaram a atividade no mês imediatamente anterior.

 

SUGESTÃO DE PAUTA

O deputado Darcísio Perondi (PMDB-RS), vice-líder do Governo Michel Temer na Câmara Federal, estará em Tenente Portela nesta sexta-feira (17) e em Seberi e Ijuí neste sábado (18), onde participará de encontros com lideranças políticas regionais, entre prefeitos, vice-prefeitos, vereadores e presidentes municipais do PMDB, além de simpatizantes. O objetivo dos encontos é debater as propostas do Governo Michel Temer, de Reforma da Previdência e Modernização da Legislação Trabalhista.

 

de serafina

A PREFEITA MEIA ARROQUE TEM O DEVER DE VIR A PUBLICO EXPLICAR O MOTIVO DE TANTO AUMENTO DE DIÁRIAS. COMEÇOU MAL PELO VISTO.(oc)SENÃO OS MUNICIPES TEM O DIREITO DE SABER PQ TIRARAM OS CONTEINERES DOLIXO

14 de março de 2017

SAB NA PRAIA DAS POMBAS

Águas de Março

Tom Jobim

É pau, é pedra, é o fim do caminho
É um resto de toco, é um pouco sozinho
É um caco de vidro, é a vida, é o sol
É a noite, é a morte, é um laço, é o anzol

É peroba do campo, é o nó da madeira
Caingá, candeia, é o Matita Pereira
É madeira de vento, tombo da ribanceira
É o mistério profundo, é o queira ou não queira

É o vento ventando, é o fim da ladeira
É a viga, é o vão, festa da cumeeira
É a chuva chovendo, é conversa ribeira
Das águas de março, é o fim da canseira

É o pé, é o chão, é a marcha estradeira
Passarinho na mão, pedra de atiradeira
É uma ave no céu, é uma ave no chão
É um regato, é uma fonte, é um pedaço de pão

É o fundo do poço, é o fim do caminho
No rosto o desgosto, é um pouco sozinho
É um estrepe, é um prego, é uma ponta, é um ponto
É um pingo pingando, é uma conta é um conto

É um peixe, é um gesto, é uma prata brilhando
É a luz da manhã, é o tijolo chegando
É a lenha, é o dia, é o fim da picada
É a garrafa de cana, o estilhaço na estrada

É o projeto da casa, é o corpo na cama
É o carro enguiçado, é a lama, é a lama
É um passo, é uma ponte, é um sapo, é uma rã
É um resto de mato, na luz da manhã

São as águas de março fechando o verão
É a promessa de vida no teu coração

É uma cobra, é um pau, é João, é José
É um espinho na mão, é um corte no pé

São as águas de março fechando o verão
É a promessa de vida no teu coração

É pau, é pedra, é o fim do caminho
É um resto de toco, é um pouco sozinho
É um passo, é uma ponte, é um sapo, é uma rã
É um belo horizonte, é uma febre terçã

São as águas de março fechando o verão
É a promessa de vida no teu coração

Pau, -edra, -fim, -inho,
-esto, -oco, -ouco, -inho,
-aco, -idro, -ida, -ol,
-oite, -orte, -aço, -azol

São as águas de março fechando o verão
É a promessa de vida no teu coração


bela foto das gurias embaixo do guarda sol na praia das pombas em viamão.

 

trem parado esta manha

 

JAQUIRANA, MOCO DO JAIR, OU JARARACA....COM O AS PROFIS CHAMAVAM....

O BASTOS ME LIGOU PEDINDO O FONE DO MONTEIRINHO, QUE FOI DO PARTIDÃO,AQUELA TURMA DO AVELINE. O CARLOS MONTEIRO OU MONTEIRINHO, NOME DE GUERRA, PEGOU UM BOM EMPREGO NO TCE POSTO LÁ PELO VITOR FACCIONI.
HJ TÁ APOSENTADO.MAS EM 1982 ELE DEU UM BAITA FURO EM TODO MUNDO.

ALGUÉM DO HOTEL PLAZA PASSOU PRA ELE O MOCO DO JAIR,DEPOIS DA ELEIÇÃO. JAQUIRANA,NA SERRA, NA FAZENDA DE UM DOS DONOS DO PLAZA.OU DE UM AMIGO DELES. MONTEIRINHO PEGOU UM FOTOGRAFO DA FT E SE MANDOU PRA SÃO CHICO DE PAULA. DE LÁ SAIU EM IDREÇÃO A JAQUIRANA E O FOTOGHRAFO FEZ FOTOS DO JAIR, OU JARARACA, ANDANDO DE TRATOR, DIRIGINDO TRATOR, PASSEANDO ENQUANTO ESPERAVA O RESULTADO DA ELIEÇÃO.

QDO ABRIRAM AS URNAS, O PEDRO 'BABÃO', DIGO SIMON, EM RAINHA DO MAR, POR CONSELHO DO VITELO - QUE BEBIA TODAS -OU DE UMA OUTRA ANTA DEU UMA ENTREVISTA DIZENDO QUE A ELEIÇÃO TAVA PERDIDA. TINHA MAIS DE 100 MIL VOTOS A FAVOR DO JAIR. SO QUE LÁ EM JAQUIRANA, O JAIRARACA E O CLAUDIO STRASSBURGER - COM QUE DEPOIS BRIGOU FEIO - RESOLVER DESCER A SERRA PRA COMEMORAR. MAS O CLOVIS JACOBI,ASSESSOR DO JAIR, FEZ AS CONTAS E MANDOU ELE FICAR EM CAMPO BOM, PORQUE O SIMON COMEÇOU A CRESCER EM PORTO ALEGRE.

NO FINAL DAS CONTAS JAIR GANHOU EM82 POR POUCO MAIS DE 20 MIL VOTOS, GRAÇAS A DOIS CARAS QUE TRABALHARAM PRA ELE, CLOVIS JACOBI, DEPOIS SEC DA FAZENDAE MAURO MARANZANA, DONO DE UMA FROTA DE TAXIS QUE VIROU SEC DA REGIÃO METROPOLITANA E DEPOIS QUE BRIGOU NO GOVERNO FOI SER DIRETOR DO TREM METROPOLITANO. ERA PRA ELE SER O PRESIDENTE MAS COMO TINHA PAVIO CURTO, BOTARAM O FOGINHO DE PRESIDENTE, ELE DE DIRETOR.

ENFIM, O MONTEIRINHO FOI QUEM DEU O FURO DO JAIR EM JAQUIRANA. AINDBA VIVE POR AI....

 

' MAMÃO' DA ENCOL....

ENCONTREI-O AGORA HÁ POUCO AS 8 E MEIA SUBINDO A AMELIA TELES, RUMO A PROTASIO. COM SEU SAQUINHO DE SUPER ONDE TINHA AS CEVAS AMOCOZADAS. ELA AINDA TÁ DE FERIAS NÃO VAI PRA CASA DO POVO.

 

CARTA ABERTA AOLAURINHO

AQUELA CHARQUE TU MANDOU AKI DO SEJA HEROINA ME IRRITOU PROFUNDAMENTE. LEMBREI DAQUELE CARTAZ DO HELIO OITICICA ME PARECE QUE DIZIA SEJA HEROI, SEJA MARGINAL. MAS CAETANO E GIL MARGINAIS??DESDE QUANDO?/GANHANDO EM DOLARES, FICANDO EM HOTEIS 5 ESTRELAS. CHEGA DDEMAGOGIA POR FAVOR. MARIGNAL É O QUE TÁ NA RUA.....

 

Tirinha do Rekern

 

Flauta do Rekern

 

dos leitores

Enviada: 2017/03/13 10:13:25

"A Justiça de São Paulo negou um pedido para tirar do ar o blog Imprensa Livre RS, que acusa médicos de receber propinas de fabricantes de próteses cardiovasculares. A ação é movida pela Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular do RJ contra o Google, que hospeda o site. A decisão, de segunda instância, afirma que o blog apresenta informações de 'patente interesse social' e que 'o interesse público deve prevalecer' sobre o privado." FSP- 13/03/2017

 

Controlar gastos e crescer

O ajuste fiscal é precondição para o país sair da crise. Não há escapatória sem passar por esse caminho, mesmo que muitos teorizem em sentido contrário. Mas discurso não resolverá, e sim pragmatismo e responsabilidade. A propósito, toda esta situação é fruto justamente da falta de responsabilidade na gestão econômica. Agora se impõe reorganizar a casa.

Esse processo, todavia, não pode ocorrer apenas sob a dinâmica financista, do capital. É preciso considerar a realidade do mercado e das famílias, sem paralisar o país. Compreender isso exige ir além da mera visão contábil. A linha divisória entre arrumar e arruinar é tênue; o dito popular ensina que "o remédio não pode matar o paciente". Por isso, o momento é delicado e exige foco: técnica e política devem aliar-se de maneira virtuosa.

Há questões históricas a serem enfrentadas, especialmente em relação ao gasto público. Essa é uma tarefa que ainda não foi cumprida pelos governos. Desde o início da década de 90, nenhuma gestão reduziu a despesa primária em proporção ao PIB (Produto Interno Bruto). De 1991 a 2015, o montante passou de 10% do PIB para quase 20%. De 2007 a 2015, em termos reais, o crescimento da despesa primária do governo central (56%) foi o triplo da elevação do PIB (18%).

As causas desse quadro são difusas, mas alguns desafios são muito claros. É necessário aperfeiçoar, definitivamente, a utilização dos recursos públicos – com mais probidade e eficiência. Os programas de assistência social devem ser direcionados somente para as pessoas que realmente precisam, com maior fiscalização e caminhos para a autossuficiência individual e familiar. Também não há dúvida sobre a urgência reformar a previdência social, quebrar a rigidez do orçamento e desindexar o gasto público.

Sobre a previdência, o Congresso Nacional terá o desafio de encontrar o encaminhamento adequado para a proposta do governo. Mas há uma certeza: a sistemática atual é insustentável porque, dentre outros motivos, concede privilégios a pequenos grupos e sobrecarrega toda a sociedade. Será inevitável rever a idade mínima e reduzir as disparidades entre os diversos regimes. O objetivo maior deve ser garantir o direito do trabalhador de receber sua aposentadoria na data certa e no valor justo.

A mudança da legislação trabalhista é outra imposição do nosso tempo, em proteção ao próprio trabalho. Mais: o Brasil precisará consolidar um modelo de parcerias e concessões realista, com estabilidade legal e baixo custo para o estado e o contribuinte. A governança das estatais e dos fundos de pensão tem de passar por uma profunda modernização. E as agências reguladoras devem recuperar sua autonomia funcional, dirigidas por nomes com conhecimento técnico e mandatos alternados. A taxa de juros há de continuar caindo, com espelhamento no juro real e na redução do spread. Isso vai ser o oxigênio necessário para os setores produtivos voltarem a confiar e a alcançar melhores resultados.

Mas não é só isso. As reformas, para recolocar o país de pé e promover o crescimento, precisam ir mais a fundo. Não podem ser esquecidas as reformas política e tributária, ambas estruturantes e fundamentais para o futuro do país. Só que a tributária não é nem de perto a proposta do governo, que mexe apenas no PIS e no COFINS. O Brasil tem de encontrar um sistema que seja parceiro da livre iniciativa, e não adversário dela. Um modelo inclusivo, que amplie a base de cobrança e diminua a sonegação.

Se quisermos alcançar taxas de crescimento num patamar próximo dos 5% ao ano, de forma contínua e consistente, precisamos ainda recuperar nossa indústria e investir mais no ensino fundamental e no profissionalizante. A nação precisa optar pelo desenvolvimento, dando vazão ao imenso potencial que possui. Dar força aos setores produtivos, ao conhecimento, à pesquisa e à tecnologia. Voltar o aparato estatal para a sociedade, e não tanto para dentro – o que implicará, necessariamente, queda dos gastos.

Enfim, há um sem-número de medidas de transformação que precisam ser adotadas. Elas são complexas e difusas, têm pequena e grande profundidade, de curto, médio e longo prazo, agem conjuntural e estruturalmente, em todas as direções. Mas o certo é que não podemos reagir com perfumarias diante da complexidade e do tamanho da crise atual, com alto índice de desemprego e baixo crescimento. A hora da virada vai chegar, e nós precisamos estar preparados para ela.

Germano Rigotto

Ex-governador do Rio Grande Sul, presidente do Instituto Reformar de Estudos Políticos e Tributários e membro do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social da Presidência da República (www.germanorigotto.com.br)

 

do Boteco do Ilgo

Enfim, um erro gritante contra o Inter

O árbitro Diego Real, 36 anos, cometeu um erro que praticamente sepulta suas chances de ascender no quadro da FGF.

Marcou equivocadamente um pênalti contra o Inter nos minutos finais.

A gritaria é grande. Aqueles que silenciaram coniventes há dois anos quando o mesmo juiz marcou dois pênaltis altamente discutíveis e tirou o Cruzeiro da disputa pelo título do Gauchão, beneficiando o Inter, neste momento uivam de dor e de raiva mirando a lua cheia.

Temo pelo futuro desse jovem na arbitragem.

Confesso que só vi os minutos finais. Soube que no primeiro tempo ele deixou de marcar pelo menos um pênalti contra o Inter. Depois, expulsou justamente o volante Charles. Por fim, talvez para não ficar marcado por sempre ajudar o Inter com seus ‘erros humanos’, como dizem alguns quando o Grêmio é prejudicado, manteve a marcação do Pênalti.

Ignorou solenemente a opinião de seus companheiros, que teriam dito pra ele que a bola não bateu no braço de Junio, e sim no peito.

Bem, no primeiro momento me pareceu que a bola realmente havia batido no braço do jogador colorado. Ele fez todo um movimento que deu essa impressão. O juiz, bem colocado, viu pênalti.

Ele está sendo criticado pelos colorados por não ter ouvido seus auxiliares. Eu acho que ele agiu corretamente. Nem o auxiliar atrás de goleira nem o bandeirinha tinham condições visuais melhores.

Por certo o quarto árbitro o informou que a TV mostrava bola no peito, não no braço. Mas aí se ele volta atrás seria por causa da TV, o que não seria correto, ao que me consta.

Real, que havia sonegado pênalti a favor do Ju, que, aliás, mereceu a vitória porque foi muito superior, assumiu a bronca.

O fato é que depois de longo tempo um erro fatal de arbitragem prejudica o Inter no Gauchão.

E isso já bastou para que um dirigente colorado sugerisse a existência de um complô para impedir o hepta.

Vamos ver o que o tribunal esportivo vai fazer em relação a isso. Quantas cestas básicas dará ao dirigente como penalização.

Mas o fato é que se há um complô este começa no próprio Inter, que só venceu um jogo até agora no Gauchão.

 

FEE apresenta novo índice sobre as exportações gaúchas

O único indicador de rentabilidade de exportação estadual do Brasil será apresentado pela FEE nesta próxima quarta-feira, 15, às 10hs, na Sala de Eventos da Fundação (Rua Duque de Caxias, 1691).

O Índice de Rentabilidade das Exportações Gaúchas (IREG) vai auxiliar na compreensão da dinâmica da economia do Rio Grande do Sul porque permite o acompanhamento da evolução da rentabilidade proveniente da atividade exportadora ao longo do tempo no Estado. Os novos dados podem contribuir, de maneira decisiva, por exemplo, na escolha entre direcionar a produção para o exterior ou para o mercado doméstico, bem como na decisão de realizar investimentos voltados à exportação.

O IREG é desenvolvido pelo Núcleo de Dados e Estudos Conjunturais do Centro de Indicadores Econômicos e Sociais da FEE e resulta da relação entre os três principais determinantes da rentabilidade exportadora: o preço de exportação, a taxa de câmbio e os custos de produção. “Quanto maior é o valor do IREG, maior é a rentabilidade”, explica o pesquisador em Economia, responsável pelo cálculo, Tomás Torezani.

A série histórica, de periodicidade mensal, inicia-se em janeiro de 2008.

Participe do lançamento do IREG!
Quando: 15 de março – quarta-feira
Hora: 10:00
Onde: Sala de Eventos da FEE

 

Arquidiocese de Porto Alegre tem mais 650 novos catequistas

Cerca de 650 novos catequistas participaram no último sábado, dia 11, da formação para a Iniciação à Vida Cristã (IVC), realizada na Paróquia São João, em Porto Alegre. O número surpreendeu a coordenação da IVC, que esperava entre 300 e 400 catequistas. Entre os participantes não estavam os novos catequistas de Batismo, que terão formação específica em julho.

“Percebe-se que a Arquidiocese aumentou significativa o número de catequistas. Esse dado expressa compromisso das comunidades e do clero e traz uma renovada esperança para a nova evangelização”, destaca Dom Leomar Brustolin, bispo auxiliar e referencial da Iniciação à Vida Cristã na Arquidiocese. Dom Leomar salienta ainda o aumento de jovens que decidiram participar do projeto, assim como de homens de diferentes idades, que decidiram colaborar na catequese de crianças, adolescentes e adultos.

A jornada formativa apresentou o projeto da Arquidiocese, explicitou a metodologia de inspiração catecumenal e dedicou muita atenção à Leitura Orante com a Bíblia. Após as conferências principais, os catequistas foram agrupados de acordo com as etapas de catequese que atuarão. Nessas oficinas propôs-se uma experiência prática de Leitura Orante da Palavra aplicada à metodologia catequética. “O objetivo é aprender experimentando”, explica o bispo.

Na parte da tarde ocorreu uma explicitação dos passos de um encontro de catequese e dedicou-se um tempo para que os catequistas pudessem fazer questões que preocupam e dirimir dúvidas sobre o caminho. Dom Leomar, em nome do arcebispo metropolitano de Porto Alegre, Dom Jaime Spengler, conferiu o mandato aos 650 catequistas. Eles foram enviados a evangelizar com a Palavra e o exemplo. “O Espírito conduzirá o vosso caminho e o Senhor estará convosco todos os dias”, garantiu o bispo.

Catequistas recebem mandato em missa de envio

No último domingo, dia 12, cerca de mil catequistas participaram da missa de envio e receberam o mandato para este ano. Na Catedral Metropolitana, a celebração contou com a presença de Dom Jaime, Dom Leomar e o bispo auxiliar Dom Adilson Busin, além de presbíteros, seminaristas e religiosos.

Na procissão de entrada, as catequistas coordenadoras da Iniciação à Vida Cristã nos Vicariatos entraram com os símbolos do projeto: água, pão, óleo do Crisma e a cruz. Ao término da missa, foi entregue a carta anual do arcebispo de Porto Alegre aos catequistas.

 

Equipes da Celesc e da Defesa Civil trabalham para amenizar estragos da chuva em diferentes regiões de SC

Ocorrências com chuvas e vendavais provocaram estragos em diferentes regiões do Estado ao longo deste domingo, 12. A passagem de uma frente fria em deslocamento ao Litoral de Santa Catarina trouxe chuva forte, ventos acima de 60 km/h e granizo isolado. Equipes da Celesc e da Defesa Civil de Santa Catarina estão trabalhando para amenizar os problemas. Não há registro de feridos. E o alerta de temporal continua até as 23h deste domingo.

O presidente da Celesc, Cleverson Siewert, explica que por volta das 16h deste domingo, a área de atendimento da empresa chegou a registrar cerca de 160 mil unidades consumidoras sem energia devido às ocorrências provocadas pela chuva ou pelo vento. As áreas mais afetadas foram as regiões de Blumenau, Florianópolis, Itajaí e Videira. Mas até as 18h, as equipes da Celesc já haviam garantindo o reabastecimento de 90 mil unidades, ou seja, cerca de 70 mil ainda estavam desabastecidas.

“Vamos continuar com nossas equipes trabalhando noite a dentro para resolver tudo o mais rápido possível, mas alguns casos mais graves, onde foram registradas queda de poste, por exemplo, o caminhão da Celesc pode não conseguir chegar à noite, então teremos casos que serão resolvidos apenas na manhã desta segunda-feira”, explicou. Entre as 70 mil unidades que ainda estavam sem energia, a maioria era da Grande Florianópolis (cerca de 42 mil), principalmente na região do Norte da Ilha de Santa Catarina. Em seguida, aparecem Itajaí (12 mil), Blumenau (7 mil), Mafra (7 mil) e outras cidades com menor número de ocorrências.

O alerta de chuvas ainda segue para a noite deste domingo. Mas para esta segunda-feira, 13, a previsão da equipe de meteorologistas da Epagri/Ciram, é de sol e poucas nuvens na maior parte de Santa Catarina. No Planalto Norte, Litoral Norte e Grande Florianópolis, ainda há chances de chuvas fracas, especialmente no período da manhã. E a previsão indica também ventos com intensidade de fraca a moderada com rajadas no Litoral.

Principais regiões afetadas neste domingo e com registro de ocorrência na Defesa Civil estadual:

Biguaçu – a passagem de um vendaval neste domingo destelhou cerca de 50 residências no município, sendo que algumas foram totalmente destelhadas. Também foram registradas dez quedas de árvores em vias pública. O relatório da Defesa Civil deste domingo à tarde apontava 200 pessoas diretamente afetadas, sendo que três famílias já haviam sido desalojadas. A prefeitura distribuiu três rolos de lona aos atingidos e a regional da Defesa Civil estadual também auxiliou com outros três rolos.

Houve também ocorrências pontuais com pequenos danos em cidades próximas, como Alfredo Wagner, Rancho Queimado, Santo Amaro da Imperatriz e Palhoça.

Concórdia – registro de alagamento neste domingo em diferentes pontos da cidade, com mais intensidade na Rua das Videiras, Bairro Petrópolis, onde pelo menos dez residências foram afetadas.

Florianópolis – a Capital também foi atingida por um vendaval, que destelhou ao menos 20 casas e derrubou diversas árvores sobre a via pública, afetando também a fiação elétrica. Conforme o registro da Defesa Civil, 80 pessoas foram diretamente afetadas, mas ninguém ficou ferido. A regional da Defesa Civil Estadual em Florianópolis distribuiu quatro rolos de lona.

Xaxim – houve ocorrências de chuvas intensas e vendaval, derrubando duas árvores e destelhando parcialmente duas casas. Houve também pontos de alagamento isolado no Bairro Alvorada. Segundo a Defesa Civil, oito pessoas foram diretamente afetadas pelo evento e foram distribuídos 100 metros de lona.

Chapecó - o vento forte e a chuva registrados neste domingo causaram danos na estrutura de uma casa, que teve os moradores deslocados para a residência de parentes. Conforme o registro, cinco pessoas foram diretamente afetadas, mas ninguém ficou ferido. O Corpo de Bombeiros isolou a área.

 

de serafina

saiu no Gazeta de sábado

13 de março de 2017

ANTONIO LANCHES

1

NESTA 6 FEIRA, UM BIXO RECEM CHEGADO DA FRONTEIRA, DEPAROU-SE COM DOIS ' NAMORADOS' NUMA MESA DO ANTONIOLANCHES.

E SURPRESO, PERGUNTOU AO LUIS, GERENTE.

- MAS COMO TEM FRESCO AQUI????

2

FOI SUSPENSA PROMOÇÃO DE 6 FEIRA. DOIS SALGADOS POR 6 REAL. É QUE UMA ALUNA RECLAMOU E AMEAÇOU IR AO MINISTÉRIO PUBLICO PORQUE A PROMOÇAO COMEÇAVA APENAS AS 15 HS. ELA QUERIA QUE COMEÇASSE AO MEIO DIA.

ela não entendeu que seo antonio, recém chegado das OROPAS, AGORA TEM QUE PAGAR AS FERIAS QUE FORAM GASTAS EM EUROS.

 

SEM COFFEE

POR MOTIVOS ALHEIOS A VONTADE DESTE REPORTER, NÃO HOUVE CAFEZINHO NA 6 PASSADA, NO MAOMÉ, QUANDO O LAURINHO SEMPRE DESPEJAVA TODO SEU CONHECIMENTO.

*

UMA SOLICITAÇÃO PRO ENCONTRO, NÃO OBTEVE RETORNO. OU ENTÃO O MAIL NÃO CHEGOU.

 

PONTO PRO ESFERA

SER O PREFEITO FOI LÁ NA 6 É PQ CONSIDERA O PROGRAMA IMPORTANTE. O RESTO É DOR DE COTOVELO.

 

aguas de março

FUI AS POMBAS NESTE SAB. O PUBLICO REDUZIDISSIMO.

*

MAS O SOL TAVA A FUZEU, PRINCIPALMENTE LÁ PELO MEIO DIA.

*

AINDA VI FAZENDO XURRAS. MAS POKOS.

HAVIA NO MAXIMO 20 CARROS.

*

SÃO AS AGUAS DE MARÇO.....

VERÃO AKI É DEZ,JAN,FEV. O RESTO MORRE.

ah, os bugios gritavam no fim da tarde.

 

Dos muros desta cidade...

Enviada: 2017/03/11 10:26:34

 

Toccata e Fuga BWV 565 Bach

 

Veto à abertura das contas do transporte público da capital é mantido

Foto Ederson Nunes/CMPA

Mesmo com os argumentos de que são 3 milhões ao dia para os cofres das empresas do transporte coletivo e que poderiam ir para os cofres públicos, somente o Bloco de Oposição, composto pelos vereadores e vereadoras do PT e PSOL votaram pela retirada do veto. A Bancada Feminina do PT, liderada pela vereadora Sofia Cavedon, apresentou o cheque que a ATP recebe diariamente.

O plenário da Câmara Municipal de Porto Alegre manteve, na sessão desta quinta-feira (9/3), o veto parcial ao projeto de Lei Complementardo Executivo (PLCE) que estendeu a vigência da isenção de Imposto sobre Serviços (ISS) para o serviço público de transporte coletivo por ônibus até 31 de janeiro de 2018. O fim da isenção estava previsto para ocorrer em 31 de dezembro de 2016.

A emenda 4 (que originou o artigo 4 da Redação Final, vetado), de autoria da bancada do PT, incluía os parágrafos 1º a 4º no artigo 10 da Lei 8.133, de 12 de janeiro de 1998, modificando regras relativas à gestão da Câmara de Compensação Tarifária (CCT), às receitas do Sistema de Transporte de Porto Alegre (STPOA) e ao repasse de recursos financeiros da EPTC aos consórcios de empresas de transporte urbano, entre outros itens.

A emenda, conforme Sofia, já havia sido aprovada pela Câmara e vetada pelo ex-prefeito José Fortunati (PDT) no último dia de mandato, passaria a gestão da Câmara de Compensação Tarifária e as receitas vindas do transporte público de passageiros de Porto Alegre para uma conta pública específica da EPTC. "Isso é muito esquisito", diz Sofia. "É esquisito o Fortunati ter vetado isso e a Câmara não dar esse instrumento do controle da qualidade da passagem."

Após a votação, Sofia lamentou que "a prefeitura fica com o ônus, que é o déficit da Carris, e o bônus fica gerenciado pela Associação de Transporte de Passageiros (ATP)".

 

Lideranças da Serra gaúcha pedem mais segurança na VRS-873


Westphalen destacou a importância da VRS-873 para o desenvolvimento da região

Por Sabrina Dias/ Kika Rauber

Em busca do desenvolvimento da região serrana, bem como, da segurança nas principais vias que ligam à Serra gaúcha a outros municípios, lideranças procuram resolver questões em parceria com o Estado. O secretário dos Transportes, Pedro Westphalen, recebeu nesta quinta-feira (09), os prefeitos de Santa Maria do Herval, Mara Stoffel, a prefeita de Morro Reuter, Carla Chamorro e o prefeito de Nova Petrópolis, Regis Hahn, vereadores e secretários dos municípios.

Foi solicitado pela comitiva uma maior atenção à VRS-873, estrada que liga a Região Metropolitana de Porto Alegre com a Serra gaúcha através dos municípios de Morro Reuter e Gramado, passando por Santa Maria do Herval. A prefeita Mara Stoffel, conta que a comunidade circula pela faixa asfaltada, correndo risco de vida e podendo causar grandes acidentes. A solução dos prefeitos seria uma parceria entre os municípios e a Secretaria dos Transportes, para viabilizar a construção de um acostamento nesta estrada.

Westphalen destacou a importância dessa estrada para o desenvolvimento da região, que tem grande potencial turístico. O secretário sugeriu que seja feito um protocolo de intenções entre os municípios, assim, a demanda será encaminhada para Empresa Gaúcha de Rodovias – EGR.

Na ocasião, também foi solicitado a recuperação da VRS-373, entre Santa Maria do Herval a Gramado, que segundo Mara, o trecho está com bastante buracos.

Também estavam presentes o vice-prefeito de Nova Petrópolis, Charles Eloir Luedke Paetzinger, vereador Claudio Antonio Gottschalk, o secretário-adjunto de administração do município, Jorge Nestor Michaelsin e o procurador jurídico, César Baumgartz; os vereadores de Morro Reuter, José Ternus e Sônia Feldamnn; e o chefe de gabinete do prefeito de Gramado, Renato Bertoja.

 

Mais de 70% dos pontos monitorados nas praias catarinenses estão próprios para banho

A Fundação do Meio Ambiente (Fatma) traz uma boa notícia aos banhistas. Dos 214 pontos analisados nas praias catarinenses, 157, que representa 73,4%, estão próprios para banho. Os dados do 14º relatório de balneabilidade foram divulgados, nesta sexta-feira, 10. As coletas foram realizadas entre os dias 6 e 11 de março. As informações estão disponíveis no www.fatma.sc.gov.br, no aplicativo Praias SC, disponível para Android.

Em Florianópolis, dos 75 pontos monitorados, 50 (66,7%) estão próprios para banho.No restante do Litoral, dos 139 locais monitorados, 107 (77%) estão aptos para os banhistas. “Com mais pontos próprios, a população tem mais opções para aproveitar o final do verão e o começo do outono, que ainda está com clima propício para o banho de mar”, informa o técnico em Laboratório da Fatma, Marlon Daniel da Silva. Em comparação ao relatório anterior, três pontos passaram para impróprio e dez para próprio.

Para dizer se um ponto é próprio ou impróprio para banho, a Fatma analisa a presença da bactéria Escherichia Coli, presente em fezes de animais e humanos. São necessárias cinco coletas consecutivas para se obter o resultado. Quando em 80% das análises a quantidade da bactéria é inferior a 800 por 100 mililitros, o ponto é considerado próprio. O programa da Fatma é um dos mais completos do Brasil e executado há 40 anos.

Os pontos analisados são nos municípios de Araranguá, Balneário Arroio do Silva, Bal. Gaivota, Bal. Camboriú, Balneário Barra do Sul, Balneário Rincão, Barra Velha, Biguaçu, Bombinhas, Florianópolis, Garopaba, Gov. Celso Ramos, Imbituba, Itajaí, Itapema, Itapoá, Jaguaruna, Joinville, Laguna, Navegantes, Palhoça, Passo de Torres, Penha, Piçarras, Porto Belo, São Francisco do Sul e São José.

 

Ação conjunta entre polícias de Santa Catarina e americana evita que homem se suicide ao vivo em rede social

Uma ação rápida e com um desfecho positivo surpreendente e inédito no mundo aconteceu numa cidade do Meio-Oeste de SC, na madrugada de quarta-feira, 8, quando um homem, de 40 anos, transmitia, ao vivo, pela rede social, sua tentativa de suicídio. Após alguns casos de suicídios online, ocorridos nos últimos meses, o Facebook adotou mecanismos e ferramentas para identificar estas situações em tempo real.

De imediato, a empresa repassou as informações à autoridade policial dos Estados Unidos relatando que um usuário da rede social, cidadão brasileiro, de Santa Catarina, estava prestes a cometer suicídio por enforcamento. Os Estados Unidos informaram o fato à Diretoria de Informação e Inteligência (Dini) da Secretaria de Segurança Pública de Santa Catarina (SSP), formada por policiais civis e militares. Foram repassados os dados de cadastro do usuário e seu endereço. De imediato, a polícia catarinense chegou até o local, constatando a intenção do homem e evitando que ele tirasse a própria vida.

Este usuário da rede social teria realizado algumas postagens com conteúdo suicida, bem como feito um vídeo ao vivo dando a entender que se mataria nas próximas duas horas, o que deu um grau de prioridade no repasse das informações. “Chegando ao local, o dono do perfil foi encontrado ainda com vida e a situação foi confirmada. O Corpo de Bombeiros o conduziu até o hospital, onde foi medicado e realizado o acompanhamento psicológico”, explica um policial.

O homem informou que pretendia tirar sua própria vida porque estava desempregado e sua esposa estava grávida do quarto filho. “Ele já tinha problemas psicológicos, como depressão, e num momento de desespero, tentou ceifar sua vida”, relatou.

A assistência social da prefeitura do município está acompanhando a vítima e seus familiares.

 

Missão ao Japão fortalece presença do agronegócio catarinense no cenário internacional

A 14ª missão internacional liderada pelo governador Raimundo Colombo chega ao fim trazendo do Japão a certeza do fortalecimento do agronegócio catarinense no mercado internacional. A presença em eventos no Japão amplia a participação dos produtos de Santa Catarina no mercado japonês ao mesmo tempo em que abre novas oportunidades também em outros mercados.

“O momento econômico que vive o Brasil exige que tenhamos muita atenção ao cenário internacional, que estejamos atentos às oportunidades que se abrem para as exportações. O Japão é um parceiro de longa data de Santa Catarina e, com esta nova missão, além de ampliar e fortalecer essa parceria já existente, nós prospectamos novos negócios com outros mercados. Estar presente com nossos produtos no Japão é uma importante forma de chamar a atenção também de outros compradores internacionais”, avaliou o governador Colombo.

Santa Catarina encerrou 2016 como o maior produtor e exportador de carne suína do Brasil e o segundo maior de carne de frango. Exclusivamente na suinocultura, o volume das exportações chegou a 274,1 mil toneladas, um aumento de 43,47% em relação ao ano anterior. E o cenário continua favorável em 2017. Apenas em fevereiro deste ano, foram exportadas 20,7 mil toneladas de carne suína, com faturamento de US$ 45,7 milhões, o que representa um crescimento de 57,5% na receita em relação ao mesmo período de 2016 e o melhor resultado da história para o mês de fevereiro.

“Além de ampliar mercado, as exportações para países como o Japão garantem melhor remuneração, pois os japoneses têm preferências por cortes específicos e mais nobres. E esse ganho reflete em toda a cadeia produtiva catarinense, gerando emprego e renda. Por isso, nossa atenção especial com o setor”, acrescenta Colombo.

O governador ressalta que durante a missão ao Japão também avançaram as negociações para a entrada da carne suína catarinense na Coreia do Sul. Uma missão sul-coreana estará em Santa Catarina entre os dias 31 de março e 3 de abril, integrada por funcionários da Agência de Quarentena Animal e de Plantas (QIA), do Ministério da Agricultura, Alimentos e Assuntos Rurais, e da Korea Pork (associação sul-coreana de produtores de carne suína). O governador Colombo liderou missão ao país em julho de 2016 e, desde então, as negociações estão avançando.

Oportunidades de negócios

Entre os compromissos no Japão, ganharam destaque a participação da comitiva catarinense no dia 6, em Tóquio, do seminário Oportunidades de Negócios, Parcerias e Investimentos entre Santa Catarina, Brasil e Japão, realizado na sede da Embaixada do Brasil; e no dia 7, na abertura da Foodex 2017, a maior feira de alimentos e bebidas da Ásia, realizada na província de Chiba, na região metropolitana de Tóquio. Esta é a 42ª edição da feira, que conta com fabricantes de alimentos, bebidas e empresas comerciais que representam cerca de 80 países entre os seus expositores, com uma previsão de mais de 70 mil compradores.

Foto: Claudio Thomas/Secom

Abertura do estande do Brasil na Foodex 2017

A missão garantiu, ainda, a renovação do acordo de parceria e cooperação com os japoneses de Aomori na produção de maçã, no dia 8, na província japonesa. A cerimônia marcou os 37 anos da assinatura do convênio firmado em 1980, que estabeleceu o intercâmbio nas áreas culturais, educacionais, econômicas e industriais. Após o evento, a comitiva visitou também o Centro de Pesquisa em Cultura de Macieira, órgão criado em 1931 na cidade de Kuroishi e que hoje é referência mundial no setor. Foi graças ao trabalho de técnicos do centro que a produção de maçãs foi desenvolvida na Serra catarinense a partir da década de 1980.

Renovação do acordo de cooperação com os japoneses de Aomori

Com estes intercâmbios técnicos, foi possível o incremento da qualidade e da produtividade da produção de maçãs em Santa Catarina, passando de média entre 8 e 12 toneladas por hectare registrada nos anos 1970 para a média atual que é de 50 a 60 toneladas por hectare.

De acordo com informações da Associação Brasileira dos Produtores de Maçã, a safra 2017 será, em média, 20% maior do que a de 2016, com um potencial de colheita em torno de 1,2 milhão de toneladas no país, sendo cerca de 600 mil em Santa Catarina. O Estado é o maior produtor nacional da fruta.

Comitiva

A viagem oficial para o Japão teve início no dia 2 de março, com o vice Eduardo Pinho Moreira assumindo o comando do governo. Essa foi a 14ª missão internacional realizada pelo governador Raimundo Colombo desde 2011, sendo a quarta no atual mandato. A chegada a Santa Catarina está prevista para esta segunda-feira, 13.

Fazem parte da comitiva os secretários da Fazenda, Antonio Gavazzoni, de Assuntos Internacionais, Carlos Adauto Virmon Vieira, o diretor de Economia Internacional da SAI, Guilherme Bez Marques, o deputado estadual Gelson Merísio como representante da região Oeste, o presidente da Federação das Indústrias de SC, Glauco José Côrte, o vice-presidente da Fiesc, Gilberto Seleme, o diretor de Desenvolvimento Institucional da Fiesc, Carlos Henrique Ramos Fonseca, a coordenadora do Centro Internacional de Negócios da Fiesc, Tatiana Leal, e o diretor-executivo do Sindicato das Indústrias da Carne, Ricardo Gouvêa.

 

SC dá início ao monitoramento para avaliar a cobertura vacinal contra a febre amarela

Nesta segunda-feira, 13, a Secretaria de Estado da Saúde (SES) dará início ao Monitoramento Rápido de Cobertura (MRC) da vacina contra a febre amarela em todos os 162 municípios catarinenses que integram a Área com Recomendação para Vacinação (ACRV). O objetivo é verificar a situação vacinal contra a febre amarela dos habitantes acima dos nove meses e abaixo de 60 anos de idade, uma população estimada em 500 mil, conforme IBGE (2010). Durante esta ação, quem não estiver imunizado será vacinado.

A metodologia do MRC foi apresentada aos secretários municipais de saúde na Comissão Intergestores Bipartite (CIB) no dia 23 de fevereiro, e definida em uma videoconferência realizada no dia 6 de março entre as equipes de imunização, Vigilância das Zoonoses e Atenção Básica das Gerências Regionais de Saúde e dos municípios com ACRV. “Trata-se de uma atividade de campo recomendada pela Organização Pan-Americana de Saúde para supervisão das ações de vacinação”, explica a enfermeira Vanessa Vieira da Silva, gerente de Imunização da Diretoria de Vigilância Epidemiológica (Dive).

Até o dia 24 de março, residências desses municípios serão visitadas por agentes comunitários de saúde para resgatar indivíduos não-vacinados, garantindo a prevenção e o controle da doença. “Essa estratégia é fundamental para protegermos a população de nosso estado contra a febre amarela”, pondera Vanessa. Ao final, o MRC revelará a real cobertura e servirá de base para o planejamento de ações específicas de campanhas nas áreas que tenham baixos índices vacinais.

Quem se deslocar para um desses municípios que integram as Áreas com Recomendação de Vacinação em uma dessas cidades catarinenses ou em outros estados, também deve se imuzinar com pelo menos dez dias antes da viagem. De janeiro até o dia 6 de março, 39.525 pessoas foram vacinadas contra febre amarela em Santa Catarina, um aumento de 38% em relação as 28.678 doses aplicadas no mesmo período do ano passado.

Vigilância de epizootias

Os primatas não-humanos (PNH-macacos) são como sentinelas da febre amarela. Por viverem no mesmo ambiente que os mosquitos transmissores (Haemagogus e Sabethes) em área silvestre (restrito às matas), os macacos são os primeiros a adoecer alertando para uma possível circulação do vírus da febre amarela naquela região. Daí a importância em comunicar imediatamente às autoridades municipais de saúde, pois na ocorrência da morte ou adoecimento destes animais, amostras devem ser coletadas em até 24 horas para análise. Alterações no comportamento ou queda repentina no número de macacos em determinada área também devem ser informados.

“Para efeito de vigilância, todo o primata não-humano (macacos) de qualquer espécie encontrado doente ou morto, incluindo ossadas, deve ser considerado um caso suspeito de febre amarela. Por isso, a vigilância epidemiológica municipal deverá investigar e notificar o caso em até 24 horas pela via mais rápida, por e-mail ou telefone, e proceder a coleta de material e envio imediato ao Laboratório Central para diagnóstico”, alerta Suzana Zeccer, gerente de Zoonoses da Dive. Caso o adoecimento ou a morte do macaco ocorra em local integre as áreas com recomendação para vacinação (ACRV), o município deverá realizar a busca ativa em todos os indivíduos não vacinados contra febre amarela, em um raio de 300 metros a partir do local de ocorrência e realizar a vacinação.

A população também pode colaborar para essa vigilância, especialmente quem mora em área rural ou próximo a áreas de mata. “Quem encontrar um macaco morto ou doente ou observar comportamento atípico desses animais deve informar o caso imediatamente à Secretaria Municipal de Saúde. Vale lembrar que os macacos não transmitem febre amarela. Eles são vítimas da doença, assim como os humanos”, enfatiza a bióloga Renata Ríspoli Gatti, responsável pela vigilância da febre amarela em Santa Catarina. Segundo ela, quando os macacos estão doentes, eles apresentam comportamento lento, costumam descer das árvores e perambular pelo chão e têm dificuldades para se alimentar.

A ocorrência de mortes de macacos relacionadas a uma mesma causa, como a infecção pelo vírus da febre amarela, revela a existência deepizootia ( conceito utilizado em veterinária e ecologia das populações para qualificar uma enfermidade contagiosa que ataca um número inusitado de animais ao mesmo tempo e na mesma região, com rápida propagação). De 1° de janeiro a 0 de março de 2017, Santa Catarina16 epizootias envolvendo 18 macacos, com oito coletas oportunas de amostras. Dessas, três apresentaram resultado não-reagente e cinco ainda aguardam resultado laboratorial.

No mesmo período foram notificados 11 casos humanos suspeitos de febre amarela no estado. Desses, sete foram descartados por apresentarem resultado não-reagente e quatro (com histórico de viagens para Goiás, Espirito Santo, Minas Gerais, São Paulo e Mato Grosso do Sul) aguardam resultado laboratorial. Santa Catarina não registra casos de febre amarela em humanos desde 1966. Todos os exames são realizados pelo Instituto Adolfo Lutz/SP, laboratório de referência em febre amarela para Santa Catarina, e os resultados podem levar até 20 dias para serem liberados.

 

SC registra mais de 2 mil focos de Aedes aegypti em janeiro e fevereiro

Nos dois primeiros meses do ano, Santa Catarina registrou 2.153 focos de Aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue, febre de chikungunya e do zika vírus. Esses focos estão concentrados em 96 municípios, sendo que 53 deles são considerados infestados, conforme aponta o Boletim Epidemiológico nº 05/2017, referente ao período de 1° de janeiro a 25 de fevereiro, divulgado nesta quinta-feira, dia 9, pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica (Dive) da Secretaria de Estado da Saúde. A quantidade de focos é praticamente a mesma registrada no mesmo período do ano passado, quando foram identificados 2.310 focos, em 104 municípios.

“Apesar de não estarmos registrando casos de dengue, não podemos nos tranquilizar. Os dados confirmam que o mosquito está presente e as ações de eliminação de criadouros e de controle vetorial devem se manter constantes”, enfatiza Suzana Zeccer, gerente de Vigilância de Zoonoses da Dive.

Uma importante ação foi a publicação do Decreto 1.079, de 1 de março de 2017 pelo Governo do Estado de Santa Catarina, instituindo comissões de articulação e monitoramento das ações de prevenção e eliminação de focos do Aedes aegypti no âmbito dos órgãos e das entidades da Administração Pública Estadual Direta e Indireta. “Com isso, todos os órgãos estaduais devem criar suas comissões para inspecionar esses locais, eliminando condições para a proliferação do mosquito”, observa Suzana.

Em relação às doenças transmitidas pelo Aedes aegypti, o Boletim Epidemiológico informa que, nesse período, foi confirmado um caso de dengue, de uma pessoa residente no município de São Miguel do Oeste, que está aguardando definição do Local Provável de Infecção (LPI), e um caso de febre de chikungunya, em um residente no município de Florianópolis que adquiriu a doença no Pará. No mesmo período do ano passado, haviam sido confirmados 1.337 casos de dengue em Santa Catarina. “Felizmente, registramos uma grande redução na notificação de casos da doença, mas temos de nos manter vigilantes, pois as condições são favoráveis para acontecer transmissão diante de tantos foc os identificados”, complementa João Fuck, coordenador do Programa de Controle da Dengue em Santa Catarina.

Municípios infestados

Atualmente, existem 53 municípios considerados infestados pelo mosquito Aedes aegypti em Santa Catarina (a definição de infestação é realizada de acordo com a disseminação e manutenção dos focos).

 

do Boteco do Ilgo

Estreia com vitória para frustração dos secadores

Vale o velho chavão: o resultado foi melhor que a atuação. O Grêmio estreou com vitória de 2 a 0 sobre o Zamora, e isso é o que na verdade importa.

O time venezuelano levou muito perigo ao goleiro Marcelo Grohe, que foi salvo em três lances mortais interceptados por Kannemann, Thiery e Ramiro, este tirando de cabeça (sério…) de cima da risca, num momento importante. O Grêmio já vencia por 2 a 0, mas um gol naquele momento, meados do segundo tempo, criaria um clima de terror no jogo.

Então, não foi um passeio, como escreveu um prestigiado colunista num site com milhares de acessos. Não sei o que leva alguém que conhece futebol, e vive no meio há muito tempo, a escrever num veículo de comunicação que o Grêmio passeou na Venezuela.

Só pode ser uma tentativa de diminuir a importância de estrear com 3 pontos em jogo fora de casa. O Zamora complicou muito a vitória gremista. No segundo tempo uns baixinhos do ataque (projetos mal-acabados de Messi) infernizaram a zaga gremista.

Felizmente, Kannemann conseguiu jogar. Fico imaginando como seria com Bressan. Não, melhor não imaginar para não ter pesadelos nesta madrugada de quinta pra sexta-feira.

Thiery foi um bom substituto de Geromel, que está com ‘dor-de-cotovelo’ e vai demorar um pouco pra voltar.

Agora, o melhor do sistema defensivo, ao lado de Ramiro, o PGV tricolor, foi Léo Moura. Quando ele foi contratado muitos torceram o nariz, mas eu apoiei essa contratação porque acompanhei o lateral durante todo o Brasileirão. Normalmente ele aparecia no meu time no Cartola. E sempre me dei bem.

O gol que ele marcou é coisa de jogador experiente, inteligente e técnico. Vai disputar posição com Edilson.

A dupla de volantes teve altos e baixos. São dois bons jogadores, mas sofrem com a falta de entrosamento de todo o time.

As ausências de Douglas e Maicon mudaram a forma de jogar do time.

O próprio Luan, que compunha esse trio cerebral do Grêmio campeão da Copa do Brasil, caiu de rendimento.

Na frente, Pedro Rocha segue bem, mas também caiu de rendimento em comparação com o que jogou na reta final da CB.

Gostei do Lucas Barrios. É um centroavante de boa técnica e inteligência. Vai ser muito útil.

Para concluir, esse Grêmio que estreou com vitória na Libertadores 2017 terá de melhorar muito – e tem potencial para isso – se quiser brigar pelo título.

Decididamente, o Grêmio não passeou em campo. Penou para vencer, mas venceu, é o que importa para abafar o som da corneta de secadores vermelhos e até azuis – sim, tem gente que torce mais por suas teses e interesses políticos do que pelo seu time.

 

de serafina

RADIO CORREDOR DIZ QUE JÁ TEM SEC PEDINDO DEMISSÃO. TB A MEIA E SEU VICE PROMETERAM O CEU EM SERAFINA.AGORA VÃO ARRUMAR.

*

TEVE UM BO COM UM ATUAL ASSESSOR DO 15? AGORA EM BRIGA DE VIZINHO NÃO SE META. É PIOR QUE BRIGA DE CASAL. DEPOIS ELES SE ENTENDEM E TU É QUE FICA MAL.

TEM GENTE QUE JÁ NAO GUENTA MAIS AQUELA MUSIQUINHA 'AMIGOS PARA SEMPRE'.

DIZIA MI PORO PAI, QUE UMA MUSICA POR MAIS BONITA QUE SEJA, MAS QUANDO É SEMPRE A MESMA, ENCHE LITERALMENTE O SACO.

E O SEMENTE SUMIU DO MAPA? COMO O HERMES AQUINO QUE FEZ UMA UNICA MUSICA, ELE TEVE FAMA INSTANTANEA E DESAPARECEU.TB PUDERA.

LOGO SERAFINA QUE TANTO PRECONCEITO CULTIVOU DURANTE MUITOS ANOS CONTRA OS NEGROS, AGORA TÁ TENDO QUE ATURAR, POR CONTA DO MERCADO, OS SENEGALESES, NEGRI COMO UMA NUVOLO DE PIOVA(NUVEM DE CHUVA).
É UMA MÃO DE OBRA BARATA QUE VEM PRA CÁ PRA TRABALHAR. ALGUNS NÃO SÃO MUITO CHEGADOS.

MUITOS TRABALHAM NA BRF, A PERDIGÃO. E CHEGAM AS 5 DA MATINA PRA CUMPRIR SEU TURNO.

E TÃO DANDO ENCIMA DAS MULHERES QUE LÁ TRABALHAM. LOGO LOGO VAMOS TER UM XABU COM ISTO.DIZEM QUE ELES PERGUNTAM PRA ELAS SE ' SÃO CASADAS'. LOGO LOGO ALGUM MARIDO VAI PASSAR A FACA NUM DELES. PODEM TOMAR NOTA. É QUESTÃO DE TEMPO.

ESSES CHOQUES DE CULTURAS TIPO SENAGALESES X MULHERES CASADAS DA PERDIGÃO COSTUMAM TERMINAR EM TRAGÉDIAS. TOMEM NOTA.

LEITOR DESTE BLOG - E BOM INFORMANTE - MANDA DIZER POR CARTA(SIM AINDA EXISTEM,VIA CORREIOS) QUE ELE OBSERVOU NO POSTO DO CORREIO SENAGALESES MANDANDO PRA LÁ CELULAR.E OC ABO UMA BUROCRACIA DANADA, DIZ ELE.' TAVA LÁ A MOÇA CAIXA DOS CORREIOS LEVOU MAIS DE UMA HORA PRA MANDAR PRA FORA DO BRASIL.TEVE TODO UM CUIDADO. NÃO ERA MAIS FÁCIL MANDAR O DINHEIRO" PERGUNTA ESTE LEITOR.

preservo o nome da minha fonte. porque pra ajudar nãot em ninguém, pra sugar a gente tem 500.

10 de março de 2017

ONIBUS

PASSAGEIROS RECLAMAM DO SHORÁRIOS DA LINHA 430 BELA VISTA. O LARGADOR DO CENTRO DIZ QUE É ASSIM MESMO. OS DONOS TÃO SEGURANDO OS BUSUN. VÃO SE QUEIXAR PRO MARCHEZA.

 

coleguinhas

PORTINHO

NUNCA FOI CHEFE DO ESCRITORIO DA EBN. APENAS INTEGRANTE DA EQUIPE, ME CORRIGE O COLEGA AGOULART QUE ESTE SIM CHEFIOU O ESCRITORIO. GOULART PASSOU O BASTÃO PRA FALECIDO ALDA SOUSA. GOULART ANDA PREPARANDO PERFIS DE PROFISSIONAIS - ILUSTRES - PRA CONTINUAÇÃO DAQUELE PROJETO DA REVISTA PRESS SOBRE HISTÓRIA DA IMPRENSA. SEMPRE QUE VEJO ISTO PENSO: MAS O QUE SÃO JORNALISTAS ILUSTRES?????

E OS QUE FAZEM O JORNAL DO DIA A DIA, NÃO MERECEM NUNCA UM DESTAQUE????

*

BOM TB TOU ESCREVINHANDO AQUI ALGUMAS LINHAS SOBRE COLEGUINHAS. ILUSTRES OU NÃO. FAÇO EM ORDEM ALFABETICA. E LINKO COM ALGUM FATO PARTICULAR DA MINHA RELAÇÃO COM O BIOGRAFADO. NÃOT ENHO TITULO AINDA. MAS PODERIA SER TIPO EU E ELES, O QUE ACHO MEIO PRETENSIOSO.

*
NA VERDADE, VEJO CADA X MAIS QUE A FRASE AQUELA DO MARSHALL MACLHUAM É POR DEMAIS VERDADEIRA. O MEIO É A MENSAGEM.UMA COISA DITA NO FITNESS NÃO TEM REPERCUSSÃO. DITA NA VEJA TEM. A MESMA.

 

MEMORIAS DE PORTO ALEGRE

' A JUC 5'

FICAVA ALI NA AV. VENANCIO,ESQUINA COM STA TEREZINHA. NÃO LEMBRO BEM SER A 1022 OU 1016. ACHO QUE ERA 1022.

FUI MORAR LÁ LOGO QUE CHEGUEI PQ O GASPARIN, UM SERAFINENSE - DEPOIS VIROU PREFEITO - CONSEGUIU LUGAR COM O KIDE FEDATTO. AQUILO ERA UM ANTRO DE GENTE DA COLONIA MORANDO LÁ.

NOS PRIMEIROS TEMPOS TIVE DIFICULDADES PQ EU QUERIA REPETIR O CAFÉ DA MANHA QUE ERA RACIONADO. NÃO DAVA.

DEPOIS FUI ME ACLIMATANDO, FICANDO AMIGO DO CORBELLINI, O CHEFÃO DA BOCA. ATÉ PAREI NO MESMO QUARTO QUE ELE.
O CORBELLINI ERA TÃO PRA BAIXO QUE QUANDO SENTAVA NA MESA PRA COMER DIZIA ASSIM:
- VAMOS ALIMENTAR O CADÁVER.

ERA CU DE FERRO. NASCIDO EM GARIBALDI, NÃO SEI QUE RUMO TOMOU. UM QUE MOROU NA JUC5 E QUE ERA MUITO PÃO DURO É O SALVADOR, HJ DONO DA PREVENCOR.

ERA MÃO DE VACA JÁ NAQUELE TEMPO. NÃO COMIA UM OVO PRA NÃO BOTAR FORA A CASCA.

NA JUC 5 FIQUEI DE 69 ATÉ 74, QUANDO ME MUDEI PRO BAIÃO, NA OSCAR PEREIRA, NUM PROJETO QUE OUTRO DIA CONTO AKI.

NA JUC 5 TEVE MUITA COISA BOA, E MUITA COISA RUIM. QUDO ENTREI LÁ, MULHER LÁ DENTRO NEM PENSAR. NEM IRMÃO. DEPOIS VIROU UMA PUTARIA. FOI LÁ QUE PERDI MINHA VIRGINDADE NUMA NOITE DE SABADO COM UMA PUTA QUE DEU PRA 3 NO MESMO QUARTO NUMA MESMA NOITE.

E DEPOIS TINHA UM PEQUENO INFERNINHO ALI NA VENANCIO, ONDE DESCOBRI UMA PUTA QUE ME DAVA DE GRAÇA. SIM AGTÉ PUTA DAR DE GRAÇA TEVE NA JUC 5.

ELA IA LÁ EM CASA QUASE NO FIM DA MADRUGADA, TIRAVA AS ROUPAS E DIZIA:

- RAPIDO, RAPIDO QUE TENHO QUE DAR O CAFÉ PRO MEU MARIDO QUE SAI PRO TRABALHO.

NAQUELES VERDES ANOS,ENCOSTAVA NUMA MULHER E FICAVA DE PAU DURO. HJ É MAIS SAUDADE QUE OUTRA COISA....(oc)

 

Tirinha do Rekern

 

Errebeesse

lauro axo que tu tomou santo daime.....onde eu entro so vejo a tv ligada na GROBO.

Enviada: 2017/03/09 14:37:38

E a Errebeesse quer audiência com as balzaqueanas antipáticas dela! hahahah!

 

Programação do Clube de Cinema para o proximo final de semana

No próximo Sábado (dia ?11/03/2017?) as 10h15min na Sala Multiuso Santander asssitiremos ao filme "A mulher canhota" (Die linkshändige Frau - 1978). Produzido por Wim Wenders, este filme retrata a viagem solitária de uma mulher após decidir separar-se do marido, ficando sozinha em casa com o seu pequeno filho. O filme descreve a sua redescoberta do mundo, entre o silêncio da solidão e a liberdade de uma nova independência.

No próximo Domingo (dia 12/03/2017) as 10h15min na Sala Eduardo Hirtz assistiremos ao filme "Belos sonhos" (Fai bei sogni- 2016).Baseado no romance autobiográfico homônimo de Massimo Gramellini. Massimo (Valerio Mastandrea) é um jornalista respeitado por seus colegas e também trabalha como vice-diretor do jornal italiano "La Stampa". Aos nove anos de idade, ele sofreu uma perda irreparável: a morte de sua mãe. Agora, já adulto, Massimo precisa encarar as memórias de seu passado doloroso quando decide vender o apartamento dos pais.

 

do Comunique-se

Folha dispensa Guilherme Boulos


Guilherme Boulos deixa de escrever semanalmente para a Folha de S. Paulo (Imagem: Arquivo Pessoal/Facebook)

Coordenador nacional do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), Guilherme Boulos deixa de fazer parte do time de colunistas da Folha de S. Paulo. O fim da parceria entre o militante formado em filosofia pela USP e o veículo de comunicação foi divulgado nesta quinta-feira, 3. Foi o próprio articulista que se despediu da publicação no texto – veiculado no impresso e no online – em que revela ter recebido “uma ligação da direção”. Assim, a coluna assinada por ele desde junho de 2014 chega ao fim.

Ao comunicar sua saída do jornal, Boulos sugere que a decisão tomada pela direção do jornal estaria relacionada a pressões vindas da “maior parte dos leitores e anunciantes”. Ele relata, porém, que a justificativa dada pelo comando do diário era a de que o fim do espaço mantido por ele representa “renovação ‘natural'” no grupo de colunistas mantidos pela empresa. A alegação oficial não convenceu o militante social. O líder do MTST questionou se o fim de sua coluna não estaria relacionada ao acampamento mantido pelo movimento em frente ao prédio da Federação das Indústrias do Estado de S. Paulo (Fiesp). Para ele, a ação gerou “reações de hostilidade” por parte de empresários e associações.

Apesar de sugerir que pressões externas fizeram com que a direção da Folha – que tem o jornalista Sérgio Dávila como editor-executivo – “sucumbisse” e decidisse encerrar o vínculo com ele, o agora ex-colunista pontua que sempre teve autonomia para produzir seus artigos. “Saio pela porta da frente, sem ter recuado em nenhuma de minhas posições nesses mais de dois anos escrevendo para o jornal. Devo dizer também que em nenhum momento houve intervenção no conteúdo do que publiquei”, escreveu o coordenador do MTST.

No texto de despedida da coluna, o militante mescla críticas e elogios à Folha de S. Paulo. Em determinado trecho, garante que mantém amizade e respeito com outros colunistas da publicação, como André Singer, Gregório Duvivier, Juca Kfouri, Laura Carvalho e Vladimir Safatle. Mesmo com esse relato, ele afirma que o jornal optou por “reduzir seu já restrito grupo de colunistas afinados com o pensamento de esquerda e manter um batalhão de colunistas conservadores e de direita”.

Fora do jornal paulistano, Boulos informa que o público que acompanhava suas colunas semanais continuará a ter acesso a seus textos, que serão publicados na fan page e, posteriormente, “em algum novo front”.
Guilherme Boulos detido em janeiro

Dois meses antes de ser dispensado pela Folha de S. Paulo, Guilherme Boulos se envolveu em confusão com policiais militares durante ação de desapropriação de um terreno em São Mateus, distrito da Zona Leste da capital paulista. O então colunista foi levado para delegacia e ficou 12 horas detido. Ao ser liberado, acusou o ato de algo “evidentemente político”.

“As mulheres disputam o furo jornalístico, mas não pedem aumento”, diz Malu Gaspar


A redatora-chefe de Veja, Thaís Oyama, e repórter da revista Piauí, Malu Gaspar (Imagem: Claudia Online)

Na tarde terça-feira, 7, a revista Claudia realizou o evento “Mulheres na Mídia”, que reuniu representantes da imprensa, da publicidade e convidadas de outros mercados. Em seu primeiro painel, a editora de atualidades da publicação, Patrícia Zaidan, recebeu as jornalistas Malu Gaspar, repórter da revista Piauí, Sheila Magalhães, editora-executiva da BandNews FM, e Thaís Oyama, redatora-chefe de Veja, para falar sobre o papel da mulher e sua representatividade no mercado de notícias.

Especialista na cobertura de economia e negócios, Malu declarou que, embora no dia a dia as mulheres disputem os furos e estejam nas páginas de opinião, elas não são educadas para pedir aumento de salário de forma enfática, como os homens costumam fazer. “Existe mesmo diferença de comportamento na hora de você se posicionar, de poder provar que você realmente cumpre suas metas, que você faz o seu trabalho com mérito e que você merece um aumento. Existe um comportamento tímido da mulher na hora de pedir uma promoção e isso é herança da nossa formação”.

As redações brasileiras são 64% formadas por mulheres, segundo a Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj), mas essa parcela corresponde aos salários mais baixos. Malu destaca que as mulheres são valoradas de forma inferior aos homens, mas aos poucos estão tomando lugar de destaque em determinadas áreas.
sheila-magalhaes-patricia-zaidan


A editora-executiva da rádio BandNews FM, Sheila Magalhães, e a editora de atualidades de Claudia, Patrícia Zaidan (Imagem: Claudia Online)

Falando em posição de destaque, o rádio foi representando pela jornalista Sheila Magalhães. Âncora na emissora desde 2006, a profissional afirma que as mulheres são minoria no microfone e, mais especificamente, a opinião também é majoritariamente e predominantemente masculina.

“Hoje, as redações de forma geral têm um número de mulheres maior do que foi no passado. Quando a gente fala do mercado de rádio, não podemos só olhar para o rádio de São Paulo e do Rio de Janeiro e de Brasília. Viajar para uma rádio em Rondônia ou Roraima é ver como os homens de fato ainda dominam o mercado”, disse a profissional.

Mulheres na pauta

Como os veículos estão realizando a cobertura das reivindicações femininas e do movimento feminista? A preocupação que está muito presente na rua e das redes sociais está chegando de forma efetiva às pautas desenvolvidas nas redações?

Redatora-chefe da Veja, Thaís Oyama afirmou que na redação da revista não existe nenhuma orientação especial no sentido de olhar o que as mulheres estão pedindo. “Existe essa orientação genérica que orienta o jornalismo, de ver o que é notícia e o que está acontecendo de relevante no momento. Se esse fato relevante diz respeito ás mulheres, nós vamos atrás delas. O que determina a pauta da Veja e dos veículos de hard news em geral, é a temperatura da notícia”, disse.

Sheila declarou que na redação da BandNews FM o que determina a força do noticiário, a escolha de uma pauta, não diz respeito tanto ao gênero, mas sim à relevância jornalística, a avaliação que se faz no veículo a partir de seus critérios editoriais estabelecidos, além daquilo que define o seu público.

“Na escolha da pauta, o gênero não deveria se sobrepor ao fato jornalístico, a relevância jornalística. Quer dizer, não vamos falar deste assunto porque supostamente interessa às mulheres. O tratamento do ouvinte deve ser como um público heterogêneo. Mas acho que diz muito respeito a linguagem, a forma de abordagem, ao recorte que se dá. Isso sim, no noticiário, pode ser mais bem trabalhado”, disse a editora-executiva da BandNews FM.

 

Prefeitura e Trensurb acertam avanços para mobilidade urbana

Um projeto-piloto na área da mobilidade urbana irá testar o uso de cartão de crédito e cartão de débito no Trensurb, nos mesmos moldes que a Prefeitura, através da Procempa, está realizando com a Carris e a Associação de Táxis-Lotação. O objetivo é reduzir custos do sistema de transporte coletivo e melhorar a segurança dos usuários do transporte público.

O acerto foi feito nesta manhã, 9, em reunião realizada no Paço Municipal, com a presença do prefeito Nelson Marchezan Júnior e do diretor-presidente do Trensurb, Davi Borille.

Os testes serão desenvolvidos com a tecnologia da empresa de tecnologia Autopass, especializada no setor de inovação de meios de pagamento para mobilidade urbana, sem custos para o município e para a Trensurb.

Segundo o diretor-técnico da Procempa, Michel Costa, esta inovação na cobrança, além de facilitar ao passageiro a forma de pagamento, irá, posteriormente, trazer outros benefícios. A ideia é implementar, além dos cartões de débito e crédito, a integração dos sistemas de segurança, através dos 43 km de fibra ótica da Procempa no Trensurb, câmeras de monitoramento e reconhecimento facial.

 

Carrinheiros já contam com qualificação profissional

Para adequar Porto Alegre à Política Nacional de Resíduos Sólidos, dar mais qualidade de vida e dignidade às famílias dos recicladores e melhorar a mobilidade na Capital, a partir do próximo dia 10, carroças e carrinhos deixarão as ruas da cidade. A medida foi estabelecida pela Lei Municipal 10.531, de 2008, proposta pela Câmara de Vereadores e regulamentada pelo Decreto 16.638 de 2010.

Uma das alternativas construídas pela Prefeitura, na gestão passada, para garantir a renda de carroceiros e carrinheiros, eles foram direcionados para o programa Todos Somos Porto Alegre, que proporciona qualificação profissional e gera oportunidades para esses trabalhadores. A implantação da terceira etapa do programa foi confirmada em janeiro, quando a prefeitura e o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) renovaram a parceria.

A coordenadora do Todos Somos Porto Alegre, Denise Souza Costa, ressalta que o programa é importante pela inclusão social e representa a garantia de emprego e renda a famílias que viviam em situação de vulnerabilidade. Segundo ela, cerca de 1000 recicladores deixaram a atividade nas ruas e a renda nas Unidades de Triagem passou de R$ 616,00 para R$ 1.118,00. Além disso, 986 pessoas já concluíram qualificações em várias áreas, como construção civil, gastronomia, beleza, gestão de resíduos, cooperativismo, empreendedorismo.

Na nova etapa, serão reestruturadas 5 unidades de triagem, com obras de reformas e aquisição de equipamentos. Isso permitirá o aumento do volume e da qualidade dos resíduos da coleta seletiva e, consequentemente, a renda dos trabalhadores das UTs. Na renovação da parceria também está prevista verba para novas turmas nos cursos de capacitação.

A iniciativa está em sintonia com a Política Nacional de Resíduos Sólidos, que busca gerar desenvolvimento sustentável para que a cidade tenha um crescimento socioeconômico justo e ambientalmente equilibrado.

Atualmente, a coleta seletiva destina 100 toneladas por dia de resíduos recicláveis para as usinas de triagem. De acordo com levantamento feito pelo DMLU no aterro sanitário, 23% do lixo que é levado para o aterro possui potencial para ser reclicado, ou seja, 276 toneladas por dia. "Se cada um fizer sua parte, separando o lixo em casa, podemos ter um volume muito maior de resíduos que geram emprego e renda nas triagens", lembra o prefeito Nelson Marchezan Júnior. "A sociedade precisa fazer a sua parte. Uma cidade melhor é responsabilidade de todos nós", disse.

Todos Somos Porto Alegre - O programa já beneficiou 1,7 mil famílias de trabalhadores. O investimento total de R$ 22 milhões conta com R$ 9 milhões financiados pelo BNDES Fundo Social, R$ 9 milhões de contrapartida da Prefeitura Municipal de Porto Alegre e o restante oriundos de apoiadores privados.

Em 2016, o programa foi selecionado pelo Banco Mundial, ONU Habitat, Fundação Bloomberg e Fundo Mundial do Desenvolvimento de Cidades para servir de referência para as políticas de redução da pobreza na América Latina.

 

Prefeitura e Assembleia unem-se para revitalizar Praça da Matriz

mas façam mesmo....

Tornar a Praça da Matriz novamente num local agradável, limpo e ponto de encontro no Centro Histórico da Capital é o objetivo do grupo de trabalho que será formado pela Prefeitura de Porto Alegre e a Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul para revitalizar o local. A ideia é buscar apoio da iniciativa privada para qualificar a iluminação, garantir a limpeza e a segurança. Nos próximos meses, duas obras previstas também devem dar uma nova cara ao espaço público.

O prefeito Nelson Marchezan Júnior e o vice Gustavo Paim receberam nesta quinta-feira, 9, o presidente do poder legislativo estadual, Edgar Pretto, a primeira vice, Liziane Bayer, e o segundo vice, Frederico Antunes, para tratar do assunto. Os deputados estaduais mostraram fotos das condições da praça, ocupada por pessoas em situação de rua e dependentes químicos, e que durante a noite fica escura devido ao vandalismo e roubo de lâmpadas e luminárias. A varrição e coleta do lixo são realizadas diariamente pelo DMLU. Porém a sujeira toma conta do espaço justamente devido à ocupação e falta de consciência de parte da população.

O grupo quer buscar uma solução para o problema das pessoas em situação de rua. A ideia é, em parceria com o judiciário e instituições de assistência social, avaliar cada caso para dar o atendimento adequado a esses moradores. Para qualificar o local, uma das alternativas é firmar parcerias para garantir a manutenção do espaço.

Marchezan destacou que a prefeitura passa pela crise mais grave de sua história e que é preciso pensar em fontes alternativas para viabilizar recursos e manter os serviços públicos. Ele citou a parceria com as oficinas de concessionárias de veículos para consertar mais de 100 viaturas da Brigada Militar que estavam paradas por falta de remuneração.

“Essa é uma oportunidade de apresentarmos para a cidade alternativas para nossas praças, espaços públicos e também soluções para atender as pessoas em situação de rua. O mês do aniversário da cidade também deve propor uma reflexão para todos nós: que cada um faça a sua parte, que todos se mobilizem para fazer a diferença e transformar Porto Alegre num lugar melhor de viver. É o que estamos fazendo aqui, propondo um trabalho conjunto pela Capital”, afirmou o prefeito.

Também participaram da reunião os secretários municipais de Parcerias Estratégicas, Bruno Vanuzzi, de Serviços Urbanos, Ramiro Rosário, o adjunto de Relações Institucionais, Carlos Siegle de Souza, o adjunto da Cultura, Eduardo Wolff, e técnicos da prefeitura e da Assembleia Legislativa.

Obras na praça - A restauração do monumento a Júlio de Castilhos, deve começar ainda neste mês e depende apenas de algumas questões burocráticas. Os recursos são do PAC Cidades Históricas e já foram liberados. Nos próximos meses devem começar as obras de revitalização da Praça da Matriz, também pelo programa do governo federal.

 

Sancionada lei que concede a Blumenau o título de Capital Nacional da Cerveja

O governador em exercício Eduardo Pinho Moreira participou nesta quinta-feira, 9, em Brasília, de solenidade no Palácio do Planalto, onde o presidente Michel Temer sancionou a lei que concede a Blumenau o título de Capital Nacional da Cerveja. “Esse título é um reconhecimento histórico e um importante impulso para o turismo, que hoje representa 12% do PIB estadual, dando assim um incremento na economia de Santa Catarina. Blumenau irá atrai ainda mais investimentos, trazendo mais desenvolvimento para a região”, salientou Pinho Moreira.

Foto: Fernanda Rodrigues/SAN

O secretário de Turismo, Cultura e Esporte de Santa Catarina, Leonel Pavan, ressaltou a diversificação do turismo do Estado e o impulso que o título dará para o setor. “Transformar Blumenau na Capital Nacional da Cerveja fortalece não somente a economia interna como também o turismo nacional e internacional”, disse.

Para o prefeito Napoleão Bernardes, o título consolida Blumenau no cenário nacional, onde a cidade já é lembrada pela realização da Oktoberfest, a segunda maior do mundo. “Possuímos, em Blumenau, 120 produtores de cerveja artesanal, então este título faz parte de uma estratégia de desenvolvimento através do turismo”, falou.

O autor do projeto foi o deputado federal Décio Lima e o relator foi o senador Dalírio Beber. Participaram ainda do evento o secretário de Articulação Nacional, Acélio Casagrande; a secretária adjunta de Articulação Nacional, Lourdes Martini; demais deputados e senadores da bancada catarinense; e lideranças blumenauenses.

 

Mortes por afogamentos em áreas monitoradas pelo Corpo de Bombeiros Militar diminuem pela metade no Estado

Na temporada de verão do ano passado, foram registradas seis mortes por afogamentos em áreas monitoradas, ou seja, com serviço de guarda-vidas. Neste ano, até esta quarta-feira, 8, foram registradas três mortes. Os dados foram levantados do Sistema E-193, do Corpo de Bombeiros Militar, em virtude do encerramento da principal fase da Operação Veraneio 2016/2017.

A exemplo do que aconteceu em edições anteriores, após o período de Carnaval, as principais atividades da Operação Veraneio chegaram ao fim nesta semana. A partir de agora, apenas alguns postos em praias mais movimentadas continuam com monitoramento de guarda-vidas. O efetivo do interior do estado, deslocado para atender áreas litorâneas e de balneários durante o verão, também já foi realocado.

Para o comandante-geral do Corpo de Bombeiros Militar, coronel BM Onir Mocellin, a Operação Veraneio desta temporada foi bem sucedida. “Tivemos pontos importantes como a implantação de mais uma bandeira de sinalização de praia, que mostra a presença de águas-vivas no mar e na areia. Também lançamos o aplicativo Praia Segura, em que as pessoas podem saber a situação dos postos de guarda-vidas e as condições do mar por meio do celular. Houve a aquisição de um drone para monitorar aglomerados de pessoas e ocorrências de grande vulto nas praias. Isso sem falar na atuação do Ice, o primeiro cão de praia usado para auxiliar guarda-vidas em ações de salvamentos,” apontou o comandante. Todas estas ações visam oferecer informações para que os catarinenses e turistas possam aproveitar as praias com segurança, evitando afogamentos ou outras ocorrências relacionadas aos bombeiros.

Ainda de acordo com o comparativo feito entre a Operação Veraneio de 2015/2016 e 2016/2017, pode-se verificar que o número de arrastamentos (quando as pessoas caem em correntes marítimas e são salvas pelos guarda-vidas sem terem algum grau de afogamento), também diminuiu. Passou de 4.310 casos na temporada passada para 4.002 nesta temporada. Isso se deve, principalmente, à intensificação das ações de prevenção, quando os guarda-vidas orientam ou advertem as pessoas para que saiam de determinadas áreas por serem perigosas e apresentarem riscos de afogamentos. Nesta temporada, as ações preventivas dos guarda-vidas nas praias catarinenses já chegaram a quase três milhões de abordagens.

Já o número de ocorrências de pessoas atingidas por águas-vivas aumentou. Na temporada passada, foram registrados 66.157 casos, enquanto neste ano foram 83.144 casos.

Sobre os óbitos de afogamentos em áreas não monitoradas, ou seja, praias, rios, lagoas e piscinas que não têm o serviço de guarda-vidas, o comandante- geral explica que não há como ter precisão sobre o número exato de mortes. “Na verdade, são chamadas feitas para atendimentos de ocorrências em que, supostamente, a pessoa veio a óbito por ter se afogado em locais perigosos e não monitorados. Nestes casos, o Corpo de Bombeiros não teve oportunidade de intervir para tentar salvar a vida daquelas pessoas. E só o Instituto Geral de Perícias pode apontar com exatidão a causa mortis em cada caso”, explica.

Apesar de já ter sido encerrada a maior etapa, a Operação Veraneio 2016/2017 se estende até o fim do mês de abril.

9 de março de 2017

MEMORIAS DE PORTO ALEGRE

' NOUS ALLONS COMENCE..."

pASSEI HJ DE MANHA NA FRENTE DO CRISTO REDENTOR, NA ZONA NORTE. FOI LÁ QUE ME OPERARAM DE UMA APENDICITIE AGURA EM JULHO DE 1969, POUCO DEPOIS QUE CHEGUEI DE SERAFINA A PORTO ALEGRE.

FOI ASSIM. NO DIA 20 DE JULHO DE 1969, DIA QUE O HOMEM PISOU NA LUA,UM DOMKNGO D ENOITE ME ENCONTRAVA COMO TODO MUNDO VENDO PELA TV EM PRETO E BRANCO A DESCIDA DO HOMEM NA LUA.

ERAMOS ALGUNS POUCOS NO SALÃO DA JUC 5 NA AV. VENANCIO,ESQUINA STA TEREZINHA. RECORDO QUE COMECEI A PASSAR MAL,VOMITAR,..PASSEI MAL A NOITE TODA. NO DIA SEGUINTE, DE MANHA, UMA SEGUNDA, EU TINHA QUE TRABALHAR DE TARDE NUM BANCO. MAS MEU COLEGA CELITO ME LEVOU ATÉ O HPS, OU FUI A PE´...FICAVA A 20 METROS.

DEPOIS RECORDO POUCO. SEI QUE DE AMBULANCIA ME LEVARAM PRO CRISTO, ONDE DE TARDEZINHA ME DERAM ANESTESIA E O MÉDICO DISSE UMA FRASE:

- NOUS ALLONS COMENCE....

FOI TUDO BEM, MAS LEMBRO QUE QUANDO PASSOU A ANESTESIA SENTIA MUITA DOR....

TENHO VAGA NOÇÃO DISTO....E EM OITO DIAS EU JÁ TINHA TIRADO OS PONTOS. MAS FICOU UMA CICATRIZ AKI NA MINHA BARRIGA QUE QUANDO MOSTRO A ALGUÉM, DIZEM:

- MAS O QUE FOI ISTO.

FOI CIRURGIA DE UMA APENDICITE AGUDA.

NO HOSPITAL, OUVIA TODAS AS MANHAS AS SETE O BARULHO DA VALLLIG, UMA FABRICA DE FOGOES QUE TINHA ALI.

POUCO TEMPO DEPOIS JÁ TAVA DE VOLTA AO BANCO TRABALHANDO.

 

cristo

ali bem perto tinha a CHURRASCARIA STA TERESA. BEM AO LADO. HJ UM DOS DONOS TEM A CASA DO COLONO PERTO DDO HOSPITAL.

 

do Boteco do Ilgo

Cotovelos assassinos seguem fazendo vítimas

Não acredito em coincidências. Acredito em disc0-voador, vida depois da morte, até em gnomos, mas não acredito em coincidências.

Por isso, tenho dificuldade em aceitar que é apenas coincidência o fato de o Grêmio de novo perder um jogador muito importante vitimado pela violência num Gre-Nal, às vésperas de uma Libertadores.

No ano passado, dia 6 de março, foi Bolanos, atingido no rosto por uma cotovelada violenta e traiçoeira, disparada por William.

O prêmio de Willian foi ser colocado como garoto-propaganda do jogo seguinte do seu clube. Afinal, por ‘coincidência’ ele tirava do time gremista seu principal reforço para disputar justamente a Libertadores, sonho perene de todos gremistas.

Agora, a vítima é Geromel, que teve uma costela quebrada após um encontro nada cordial com o cotovelo assassino do atacante Brenner.

O zagueiro não participa do jogo desta quinta e deve ficar fora por mais uns 15 dias. Menos mal, porque havia uma previsão mais pessimista.ia de uma agressão no campo jogo.

O fato é que o Grêmio perde muito sem Geromel. Assim como perdeu muito por não poder contar com o talento de Bolanos, que hoje disputa com Geromel o título de jogador mais importante do time.

Então, fico aqui agora à espera da próxima ‘coincidência’ que nos aguarda para março de 2018.

Por mim, se o Grêmio estiver na Libertadores, o mais saudável é não arriscar mais em Gre-Nal do Gauchão.

Se for pra jogar, então só entrar em campo se a arbitragem não for gaúcha, que, por ‘coincidência’, tem deixado passar em branco agressões sofridas por gremistas no clássico.

RECORDANDO

No ano passado, também no início de março, dia 5, escrevi o que segue na véspera do clássico regional:

“… Penso que o Grêmio não deveria expor todo o time titular. O mais sensato seria poupar uns dois ou três jogadores, deixando-os no banco de reservas para uma eventualidade.

Minha prioridade é a Libertadores. Mas não descarto o Gauchão. Só não jogaria todas as fichas no regional. O Grêmio pensa diferente. Acredito que a maior parte da torcida concorda com a decisão tomada.

Eu deixaria no banco o Luan, que é figura imprescindível. Se ele sofrer alguma lesão, o que não é difícil porque ele não foge do pau, a perda para enfrentar o San Lorenzo será grande. Outro que eu pouparia: Miller ‘Killer’. O Geromel eu não pouparia porque o time perderia muito defensivamente.

Para esses dois jogadores o Grêmio conta com boas alternativas. É evidente que o time perderia em qualidade.

O comando gremista decidiu correr o risco.

Para o presidente Romildo e seus companheiros o título regional parece ser questão de honra, até como resposta ao presidente da FGF.

Por esse aspecto entendo a decisão tomada.

O Grêmio quer dar um basta nessa história, atropelando o rival, Noveletto e a arbitragem gaúcha – nos últimos três anos o Grêmio não venceu Grenal com arbitragem da FGF:

http://cornetadorw.blogspot.com.br/2016/03/a-perversa-estatistica10-grenais-sem.html

Bem, eu estarei na Arena, mas confesso que não acredito na vitória gremista, até em função dessa estatística espantosa”.

 

Udesc investe mais de R$ 17 milhões em bolsas e programas para alunos, ensino, pesquisa e extensão

A Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc) iniciou 2017 com um valor recorde de investimentos em bolsas e programas de assistência estudantil e de apoio ao ensino, à pesquisa e à extensão. São mais de R$ 17 milhões próprios destinados a fortalecer as atividades-fim da universidade, por meio de editais, e a prestar auxílio financeiro aos estudantes. Isso representa 25% do que é investido em custeio.

Para este ano, a Udesc investirá o total de R$ 13,3 milhões em moradia e alimentação pelo Programa Auxílio à Permanência Estudantil (Prape) – reajustado em até 25% – e em bolsas de áreas como ensino, apoio discente, iniciação à docência, pesquisa, ini ciação científica, extensão, monitoria, intercâmbio, estágio, residência e pós-graduação.

De acordo com a Pró-Reitoria de Planejamento (Proplan), por volta de 20% dos alunos da instituição são favorecidos com os auxílios e/ou com as bolsas. Os estudantes que mais necessitam do benefício recebem os auxílios de alimentação e moradia e ainda podem acumular os valores com outras modalidades de bolsas.

"Em 2017, são 1,8 mil bolsas, 600 auxílios de alimentação e moradia e ainda 1,1 mil vagas por meio do Programa de Subsídio nas Refeições Oferecidas nos Campi, o Prosur. Para este ano, ampliamos o subsídio para R$ 6,50 e, com isso, esse investimento poderá chegar a R$ 500 mil", diz o vice-reitor da Udesc, Leandro Zvirtes.

Já os programas de apoio em três áreas-chave serão financiados com valores de quase R$ 3,7 milhões: R$ 1,8 milhão na pesquisa (PAP), R$ 1,2 milhão na extensão (Paex) e R$ 690 mil no ensino de graduação (Prapeg).

"Os recursos estarão disponíveis neste mês para agilizar a execução dos programas de ensino, pesquisa e extensão. Estamos fazendo diferente e procurando desburocratizar e simplificar processos na instituição", destaca o reitor da Udesc, Marcus Tomasi.

 

DE SERAFINA

1. RECEBI O JORNAL GAZETINHA QUE AGORA MUDOU DE NOME. SI CHAMA INFORME REGIONAL E É EDITADO EM NOVA ARAÇA. PRA VER COMOS ERAFINA ANDA PRA TRÁS COMO CARANGUEJO. ATÉ O JORNAL PERDEU.

ALIÁS GOSTARIA MUITO DE SABER PORQUE O FIORIN VENDEU O JORNAL E FOI EMBORA. DIZEM ALGUMAS MA´S LINGUAS QUE FOI PRESSÃO DO BICO QUE NÃO INTERESSAVA MAIS TER UM JORNALISTA DE OPOSIÇÃO COMO O FIORIN ERA.

SABE-LA O QUE HOUVE.

2.

OUTRA COISA. VEIO O JORNAL COM EXPEDIENTE. SÓ QUE NO EXPEDIENTE NÃO TEM JORNALISTA RESPONSÁVEL. COM NUMERO DE REGISTRO PROFISSIONAL DO JORNALISTA. ESTE JORNAL É ' CLANDESTINO'. NÃO TEM UM EDITOR RESPONSA´VEL COMO EXIGE A LEI. QUANDO TEM MATERIA REDACIONAL TEM QUE TER UM PROFISSIONAL. ASSUNTO PRO MP VER.

 

O SINO MISTERIOSO

' ERAM TEMPOS DIFICEIS.CORRIA O ANO DE 1941.O MUNDO ESTAVA EM GUERRA.EMBORA NO BRASIL NÃO EXISTISSEM COMBATES,OS EFEITOS TINHAM CHEGADO. E NOSSA REGIÃO ESTAVA MAL DAS PERNAS.NOS ULTIMOS ANOS HAVIAM ACONTECIDO SECAS GRAVISSIMAS E TAMBÉM A INVASÃO DE NUVENS DE GAFANHOTOS. ESTES GAFANHOTOS FAMINTOS RAPAVAM TUDO O QUE ENCONTRAVAM NAS PLANTAÇÕES.ARCANGELO SOCCOL CONTAVA QUE ELE E SEUS VIZINHOS FAZIAM FOGO E DAVAM VOLTAS PRA ESPANTAR OS INSETOS.

MAS OS GAFANHOTOS QUE ESCAPAVAM DAQUI VOAVAM PRA LÁ. E AO FIM E AO CABO NÃO SOBRAVA NADA NAS ROÇAS.

COM O AFUNDAMENTO DE VÁRIOS NAVIOS E A FALTA DE ÓLEO COMBUSTÍVEL POR CAUSA DA GUERRA O TRANSPORTE FICOU CARISSIMO.

E A INDUSTRIA QUE COSTUMAVA VENDER SEUS PRODUTOS PARA LUGARES DISTANTES NÃO SABIAM O QUE FAZER COM O ESTOQUE,MAS MUITAS VEZES DE PRODUTOS PERECÍVEIS.

COMEÇARAM A QUEBRAR.EMBORA TENHAM EXISTIDO OS QUE SOUBERAM APROVEITAR A GUERRA PRA GANHAR DINHEIRO E OUTROS QUE ESTAVAM BEM CAPITALIZADOS VIRARAM POBRES.
POR TODO O LUGAR SE VIA POUCA ESPERANÇA E MUITO MEDO.

FOI NESTE TEMPO QUE UM VIAJANTE - QUE SE DIZIA PERSEGUIDO DE MORTE - PEDIU LICENÇA PRA SE ESCONDER NUM CASEBRE DE COLONO PERDIDO NO MEIO DOS MONTES DO RIO DAS ANTAS.

UM LUGAR QUE PARECIA DOS ÚLTIMOS LUGARES, ABANDONADO POR TODOS, MAS AO VIAJANTE LHE PARECEU SEGURO.
QUANDO O CIDADÃO FOI EMBORA, ELE DEIXOU PRA FAMÍLIA QUE O HAVIA ABRIGADO UM SINO - MAIS ALTO QUE QUE UM ESTRIBO DE CAVALO,PESADO, QUE TINHA SOBRE ELE UMA PINTURA VELHA E FERRUGEM. PEDIU QUE O GUARDASSEM ATÉ QUE ELE VIESSE BUSCA-LO.
SE POR ACASO ELE NÃO VOLTASSE MAIS, O SINO SERIA DELES.

O VIAJANTE NÃO VOLTOU MAIS. UM DIA SOUBERAM QUE ELE FORA ASSASSINADO.

COM O TEMPO SE ESQUECERAM DO FATO.

O SINO FICOU NUM CANTO DA CASA.
PESADO COMO ERA,NEM PARA AS CRIANÇAS BRINCAREM ELE SERVIA.
MAS UM DIA , UM PADRE, QUE OS VISITAVA,POR ACASO VIU O SINO.

E QUIS PEGA-LO NA MÃO.
ELE NOTOU QUE TINHA UM ESCRITO NO MEIO DA FERRUGEM..

CURIOSO, O PADRE ESFREGOU ATÉ QUE PODE LER.ENTÃO ELE VIU QUE NO SINO ESTAVA GRAVADA A PALAVRA 'GOLD' COM UM NÚMERO DE UM LADO.

O PADRE SE ASSUSTOU.ELE SABIA QUE ' GOLD' ERA UMA PALAVRA INGLESA QUE QUERIA DIZER OURO.

E RASPANDO MAIS FUNDO A FERRUGEM DA TINTA CONSTATOU QUE O SINO ERA DE OURO MESMO.TUDO OURO PURO E DO MELHOR. TINHA NA MÃO UM TESOURO!
- ' AGORA TEREI QUE ESPERAR SE O SINO AINDA TEM DONO. SEGURAMENTE QUE FOI O MOTIVO DO ASSASSINATO DO VIAJANTE.ATÉ QUE NÃO APAREÇA ALGUMA COISA DE CONCRETO, É MELHOR ESCONDÊ-LO.",ACONSELHOU O SACERDOTE.

ESCONDERAM-NO DEBAIXO DA RAIZ DE UMA PLANTA , NA VÁRZEA DO RIO DAS ANTAS,UM POUCO DISTANTE DO LEITO,UM LOCAL ONDE A ÁGUA NÃO CHEGAVA E QUE A NINGUÉM OCORRERIA DE PROCURAR ALGUMA COISA.
LÁ DEIXARAM-NO ALGUNS MESES.

ATÉ QUE UM DIA O PADRE VOLTOU.
VEIO CONTAR QUE EM NENHUM LUGAR HAVIA O REGISTRO DAQUELE SINO.
E QUE TAMBÉM NÃO OUVIRA NINGUÉM FALAR DELE.
QUERIA DIZER QUE POR DIREITO, AGORA ERA DE QUEM O HAVIA RECEBIDO E GUARDADO.

FORAM LOGO BUSCAR O TESOURO QUE HAVIAM DEIXADO ENTRE AS RAÍZES.
MAS ENTÃO SE DERAM CONTA QUE A ENCHENTE DAQUELE ANO, - A FAMOSA ENCHENTE DE 1941 - TINHA CHEGADO NA PLANTA E FEITO UM BURACO ONDE O SINO ESTAVA ENTERRADO. E A AGUA - OU SENÃO, COMO MUITOS AFIRMAM A MÃO DE ALGUM ESPERTO - TINHA LEVADO O TESOURO.

COMO NAO EXISTIAM DOCUMENTOS - E COMO NÃO HAVIA NINGUÉM PRA IR SE QUEIXAR -A HISTÓRIA ACABOU ALI.
E SE ALGUÉM ACHOU O MISTERIOSO SINO DE OURO OU SE ESTÁ NO FUNDO DO RIO DAS ANTAS,NINGUÉM NUNCA SOUBE.

POR ROBERTO ARROQUE, PUBLICADO NO GAZETINHA.

 

LIXO

1.LEITOR DESTE BLOG, MORADOR NA RUA VITÓRIO ROTTA, NO BAIRRO STA LUCIA II, DIZ QUE NÃO RECOLHEM SEU LIXO. ELE DIZ EM CARTA:

-SOULEITOR DO TEU BLOG FAZ UNS 5 MESES POR AI.AQUI O GARI NÃO PEGA MEU LIXO JÁ NO SACO DIREIRITINHO.

EU TENHO QUE JOGAR NO MONTE PRA ELES PEGAREM. JÁ PAGUEI MEU IPTU DE 2016.
FAZ 3 SEMANS QUE EU TENHO QUE TIRAR DO LIXEIRO O LIXO E JOGAR NO MONTE.

O MORADOR QUE ESCREVE DESCONFIA QUE SEJA UMA RETALIAÇÃO PQ SABEM QUE ELE VOTOU NO BICO.

NÃO DOU O NOME NEM ENDEREÇO. APENAS A RUA. MAS NÃO ACREDITO QUE CHEGUE A ESTE PONTO.

2.

LIXO II


NO BAIRRO BELA VISTA OS MORADORES JOGARAM O LIXO TODO NO MEIO DA RUA. DIAS ATRÁS.

LIXO III

EM GUAPORÉ, CONSTATA O MESMO LEITOR, NO DIA 2 DE MARÇO ELE OBSERVOU OS LIXOS NA RUA. DA MESMA EMPRESA QUE HAVIA EM SERAFINA. A ECO VERDE.

lIXO iv

SERAFINA SUSPEITAM ANDA PRA TRÁS. NÃO TEM LIXEIRA AGORA,NÃO TEM FORUM, NÃO TEM CARTÓRIO ELEITORAL, NÃO TEM DELEGADO DE POLICIA.

8 de março de 2017

O MAL HUMORADO

A GJRIA DO SANTANADER ME VENDEU UM INGRESSO PRO XOU DO NEI LISBOA.

-AH, DISSE EU, DO MAL HUMORADO DE PORTO AELGRE.

 

DOLCE FAR NIENTE

SILVIO BENFICA ASSINOU NA SEGUNDA SUA RESCISÃO COM A RÁDIO GAÚCHA. AGORA NÃO VAI FAZER NADA. DEPOIS DISSE NO SINDICATO QUE VAI TOMAR A FAZER SUAS COISAS. NENHUMA OUTRA RÁDIO EM VISTA, PELO VISTO.

 

GROSSERIA NO JA

SEGUNDO UM EXPECTADOR, NO DIA 3, SEXTA PASSADA, TEIXEIRINHA FILHO E NETO FORAM NO JA COMEMORAR OS 90 ANOS DO FINADO TEIXEIRINHA. O CANTOR MAISLEMBRADO DO RS. E QDO CANTAVAM QUERENCIA AMADA, FORAM CORTANDO O ASSUNTO DOS DOIS, PQ O PROGRAMA TAVA CHEGANDO AO FIM. ELES NÃO CONSEGUIRAM CANTAR TODAA MUSICA.CHATO,NÉ.

 

OS PNEUS EMBANDEIRADOS DO CARRO DA MARIONI

MARIONI AULER TINHA UM COMPANHEIRO QUE QUERIA PORQUE QUERIA OS PNEUS DDO SEU FUQUINHA QUE ERAM TRI INCREMENTADOS. ELA FOI PRA EUROPA E DEIXOU A IRMÃ IRIA CUIDANDO DO SEU FUSCÃO E PRINCIPALMENTE DOS DOIS PENEUS QUE O NAMORADO QUERIA TIRAR-LHE PRA POR NUM CARRO DELE.

IRIA FOI COM O NAMORADO DA IRMÃ - QUE TAVA NA EEUROPA - PRUMA OFICINA PRA FINALMENTE FAZER A TROCA DOS PNEUS. MAS NÃO DOS SEUS DO CARRO DA MARIONI, MAS DE OUTROS. QUAL NÃO FOI A SURPRESA DA IRIA QUANDO ELA VIU O NAMORADO DA MANA ABRINDO UMA MALA MOSTRANDO DEZENAS DE NOTAS DE DOLARES:
- TU PENSA QUE EU NÃO IA TE PAGAR OS PNEUS. TENHO DINHEIRO SIM, DISS ELE QUE NÃO LEVOU OS PNEUS.

DA EUROPA, MARIONI LIGAVA PRA IRMÃ PROIBINDO-A DE ENTREGAR OS PNEUS QUE O NAMROADO TANTO QUERIA PRO SEU CARRO.

 

BOM ATENDIMENTO E BOA COMIDA

GRUPO DE AMIGOS QUE FOI NUM NOVO RESTAURANTE DE FRUTOS DO MAR DO IGUATEMI FICOU IMPRESSIONADO PELA QUALIDADE - O PREÇO É SALGADO - DE UM NOVO RESTAURANTE INSTALADO NA ZNORTE DEPORTO.

- COMIDA BOA, E DE MUITO BOM SABOR, ME DISSE UM DOS COMENSAIS.

QUE DIVIDIU UM PRATO COM A ESPOSA.

 

Tirinha do Rekern

 

Reconhecimento a Ibsen Pinheiro: a trajetória do filho do Rio Grande

Crédito: Eduarda Alcaraz

Deputados, vereadores, dirigentes partidários e militantes participaram da homenagem
"Você é da cidade que representa, você pertence a ela e ela te pertence. Eu sou porto-alegrense porque é a minha cidade e porque eu sou dela". Com esta declaração emocionada, o presidente do PMDB-RS e deputado estadual, Ibsen Pinheiro, explicou que possui na sua vida duas certidões de nascimento: a oficial, de São Borja, e a que a vereança na Capital lhe deu, por duas ocasiões. O reconhecimento ocorreu na noite desta segunda-feira, 6 de março, ao ser homenageado pelo Diretório Municipal pelos seus serviços prestados a Porto Alegre.

Antenor Ferrari, presidente do municipal, explicou que as tratativas para a realização do comodato da "Casa da Riachuelo" para o municipal iniciaram ainda em 2015 e que a direção estadual foi solidária ao compreender as dificuldades que o diretório enfrentava com os altos custos de aluguel e manutenção da sede na João Pessoa. "Essa homenagem faz justiça a medida em que o Ibsen viabilizou a vida do PMDB de Porto Alegre", afirmou. Ferrari fez questão de agradecer também a militância que colaborou com as reformas do novo espaço.

Líder da bancada do PMDB na Câmara de Vereadores neste mês de março - em homenagem ao mês da mulher -, Comandante Nádia, falou em nome da bancada peemedebista e frisou que em um momento de descrença com a política como o atual é uma honra homenagear uma pessoa ética, com coerência e profissionalismo como Ibsen. "É um prazer estar aqui, te homenageando. Quando formos grandes, queremos ser iguais a ti", elogiou Nádia. A vereadora aproveitou a oportunidade para destacar a participação feminina e lembrar que, mais do que flores e chocolates, as mulheres desejam respeito, igualdade e justiça.

Para o deputado Tiago Simon, colega de Ibsen na Assembleia Legislativa, a realização da primeira reunião do Diretório na nova sede é um momento especial e fruto da habilidade e do trabalho da gestão atual, comandada por Ferrari. Sobre o companheiro homenageado, Simon destacou pontos de sua trajetória profissional e política. "Ibsen escreveu nossa Constituição, é um excelente jurista e referência em todas as questões políticas. Um exemplo que honra a tradição gaúcha", enalteceu o parlamentar.

Sobre o reconhecimento dos companheiros, Ibsen agradeceu o carinho, a atenção e os melhores elogios que, segundo ele, são os exagerados e disse para além do significado externo da placa e do contrato de comodato, a homenagem representa a relação afetiva. "O nosso PMDB de Porto Alegre nos permite uma convivência tal que vencemos uma barreira e temos relações de amizade que fazem que construamos caminhos comuns na divergência que é nossa característica", explicou o presidente estadual.

Com a presença dos vereadores do PMDB de Porto Alegre André Carús, Idenir Cecchim, Mendes Ribeiro e Valter Nagelstein; dos deputados estaduais Edson Brum e Tiago Simon; e do deputado federal Alceu Moreira, além de dirigentes, membros do Diretório e companheiros de partido, Ferrari descerrou a placa que destaca a generosidade do líder estadual ao conceder a "Casa da Riachuelo" e que a partir de agora está fixada na entrada da sede.

A "Casa da Riachuelo", como é conhecida pelos peemedebistas, já foi sede da Juventude do PMDB e também da Fundação Ulysses Guimarães. Os deputados estaduais Edson Brum e Gabriel Souza, em seus mandatos como presidentes do núcleo jovem, construíram movimentos e realizaram suas gestões neste espaço. Ferrari lembra que o local foi palco de reuniões históricas e que chegou a sediar o centro de formação política do PMDB em nível nacional.

Perfil

Ibsen Pinheiro escolheu Porto Alegre como sua cidade do coração. Vindo ainda menino de São Borja, com a mãe e irmãos, Ibsen constituiu sua família e iniciou sua trajetória profissional e sua vida pública na Capital.

Jornalista esportivo, Ibsen desenvolveu a sua atividade em diversos veículos de comunicação da Capital gaúcha, com destaque para sua atuação no rádio. Também é advogado e procurador de Justiça aposentado. Ocupa ainda um lugar de destaque na sua vida outra paixão: o Sport Club Internacional.

Por duas ocasiões foi eleito o vereador mais votado de Porto Alegre. No início da sua vida política, em 1976, ainda no nosso MDB e atendendo um convite do senador Pedro Simon; e em 2004, quando foi eleito com mais de 22 mil votos, abrindo uma diferença de mais de nove mil votos sobre o segundo colocado.

Fez história não só aqui, mas nacionalmente. Deputado estadual, deputado federal, presidente da Câmara dos Deputados e também presidente da República em exercício, Ibsen carregou consigo, durante todos os seus mandatos, a marca da seriedade e um defensor das liberdades democráticas. No PMDB, filiado há 50 anos, participou de momentos decisivos, como deputado constituinte, integrante do grupo Só Diretas e líder da bancada do PMDB na Câmara, na época composta por mais de 200 parlamentares, por quatro anos. Atualmente, é deputado estadual e presidente do PMDB-RS.

 

Concurso Nacional Novos Fotógrafos. Prêmio Urbs Brasil 2017

Estão abertas as inscrições para o Concurso Nacional Novos Fotógrafos, Prêmio Urbs Brasil 2017 de fotografia digital. Cidades em tons de cinza. Podem participar do concurso, todos os brasileiros natos ou naturalizados, maiores de 16 anos. Cada candidato pode inscrever-se com até duas fotografias de sua autoria, capturadas por quaisquer meios digitais, máquinas fotográficas, celulares, etc. O tema das imagens é; as cidades e o seu cotidiano, marcos, ruas, avenidas, monumentos, praças e a interação com as pessoas. Serão 150 fotografias selecionadas. A classificação das fotografias resultará no livro, Prêmio Urbs Brasil 2017, Antologia Fotográfica. Concurso Fotográfico e uma importante iniciativa de produção e distribuiç&a tilde;o cultural, alcançando o grande público, escolas e faculdades. Inscrições gratuitas até 05 de junho de 2017 pelo site, www.premiourbs.com.br

Realização: Vivara Editora Nacional

Apoio Cultural: Revista Universidade

 

Renato Borghetti faz série de shows gratuitos na Concha Acústica do Multipalco

Aproveitando o final do verão de 2017 em Porto Alegre, Renato Borghetti e seu grupo realizam temporada de cinco dias na Concha Acústica do Multipalco. Com participação dos pequenos alunos do projeto Fábrica de Gaiteiros, o projeto traz muita música instrumental de qualidade, temas clássicos regionais que marcaram a carreira do gaiteiro e novidades de seu mais recente trabalho Gaita na Fábrica. As sessões ocorrem de 15 a 19 de março - de quarta a sábado às 19h, e no domingo às 11h - com entrada franca.
O álbum, lançado em 2016, foi gravado nas dependências da sede do Instituto Renato Borghetti de Cultura e Música, na Barra do Ribeiro (RS) - local em que são fabricadas as gaitas em madeira certificada para o ensino de música para as crianças. Buscando despertar o interesse dos pequenos para a música regional instrumental, os shows ainda contarão com espaço reservado na plateia para alunos de escolas da redondeza.
A montagem abre a programação de 2017 da Concha Acústica do Multipalco. Inaugurado em 2009, o palco foi idealizado e construído em respeito à memória da antiga Concha Acústica Araújo Vianna -localizada ao lado, onde hoje encontra-se o prédio da Assembleia Legislativa. Desde novembro de 2016, o espaço conta com uma arquibancada composta de cadeiras históricas restauradas doadas pelos clubes de futebol Grêmio e Internacional, proporcionando mais comodidade aos espectadores.
Serviço
Renato Borghetti Quarteto
Participação especial de alunos do projeto Fábrica de Gaiteiros
Concha Acústica do Multipalco Theatro São Pedro
15 a 18 de março (quarta a sábado), às 19h; e 19 de março (domingo), às 11h
Entrada franca
Theatro São Pedro
Praça Marechal Deodoro, s/nº
Centro Histórico - Porto Alegre - RS
Fones: (51) 3227 5100 / 3227 5300
Assessoria de Comunicação: 3228 7842
teatrosaopedro.com.br

 

Marcehzan e Busatto apresentarão situação financeira da Prefeitura

Dando sequência ao compromisso de transparência no governo, o prefeito Nelson Marchezan Júnior e o Secretário Municipal da Fazenda, Leonardo Busatto, apresentarão, nesta semana, a situação finanças públicas de Porto Alegre no Fórum das Entidades, no Orçamento Participativo e ao Simpa.

 

Santas Perpétua e Felicidade - Mártires do segundo século

"Neste dia a Igreja entra em comunhão com os Santos do Céu rezando: "Ó Deus, pelo vosso amor, as mártires Perpétua e Felicidade resistiram aos perseguidores e superaram as torturas do martírio"

Santas Pérpetua e Felicidade - Mártires do segundo séculoJovens mães que foram até as últimas consequências defendendo a fé que professavam
Numa perseguição que se desencadeou em Cartago, foram presos nesta cidade cinco catecúmenos, entre os quais uma escrava chamada Felicidade e uma mulher, ainda nova e de posição, chamada Perpétua. A primeira estava grávida de oito meses e a segunda tinha uma criança de peito. Receberam o batismo enquanto estavam presas.
No ano 202 o imperador Severo mandou matar os cristãos que não quisessem adorar os falsos deuses. Perpétua estava celebrando uma reunião religiosa em sua casa de Cartago quando chegou os guardas do imperador e a levou prisioneira, junto com sua escrava Felicidade
Perpétua era uma jovem mãe, de 22 anos que tinha um bebê de poucos meses. Pertencia a uma família rica e muito estimada por toda a população. Enquanto estava na prisão, a pedido de seus companheiros mártires, foi escrevendo um diário de tudo o que ia acontecendo.
Felicidade era uma escrava de Perpétua. Era também muito jovem e na prisão deu à luz uma menina, que depois os cristãos se encarregaram de criar muito bem.
Na prisão escreveu Perpétua: "Fiquei horrorizada, nunca tinha experimentado tal sensação de escuridão. O calor era insuportável e éramos muitas pessoas em um subterrâneo muito estreito. Parecia que ia morrer de calor e de asfixia e sofria por não poder ter junto a mim o meu filho que era de tão poucos meses e que necessitava muito de mim. O que eu mais pedia a Deus era que nos concedesse a graça de sofrer e lutar por nossa fé".
Então chegou seu pai, o único da família que não era cristão, e de joelhos lhe rogava e lhe suplicava que não persistisse em chamar-se cristã. Que aceitasse a religião do imperador. Que o fizesse por amor a seu pai e a seu filhinho. Ela se comovia intensamente, mas terminou dizendo-lhe: “Pai, como se chama esta vasilha que há aí na frente?” "Uma bandeja", respondeu o pai. “Pois bem, essa vasilha deve ser chamada de bandeja, e não de pote ou colher, porque é uma bandeja. E eu que sou cristã, não posso me chamar pagã, nem de nenhuma outra religião, porque sou cristã e o quero ser para sempre".
E acrescenta o diário escrito por Perpétua: "Meu pai era o único da minha família que não se alegrava porque nós íamos ser mártires por Cristo".
Felicidade grávida alcançou a graça que pedia, já que seu filho nasceu antes do martírio. Um carcereiro debochava dizendo: "Agora se queixa pelas dores do parto. E quando chegarem as dores do martírio o que fará? Ela respondeu-lhe: "Agora sou fraca porque sofre a minha pobre natureza. Mas quando chegar o martírio a graça de Deus me acompanhará, e me encherá de força". E encheu-se de júbilo por poder sofrer o martírio juntamente com seus companheiros.
Batizadas na prisão, Santas Perpétua e Felicidade, foram condenadas pela firmeza da fé, foram lançadas na arena, onde uma vaca furiosa as feriu. Ao ver a jovem mãe atirada de um lugar para outro, e o leite gotejando de seus seios, o povo horrorizou-se, pedindo o fim do espetáculo. Depois disso foram degoladas. O ano era 203.
REFLEXÃO: O que nos ensinam estas duas mulheres, uma rica e instruída e a outra humilde e simples serva, jovens esposas e mães, que na flor da vida preferiram renunciar às alegrias de um lar, com desejo de permanecerem fiéis a fé em Jesus Cristo? Nos ensinam que o maior valor do mundo é a nossa fé e confiança no amor de Deus. A coragem dessas mulheres serve de inspiração para nossa vida cristã. Será que estamos sendo coerentes com a vivência de nossa religião?
ORAÇÃO: Deus todo-poderoso, que destes às mártires Santas Perpétua e Felicidade a graça de sofrer pelo Cristo, ajudai também a nossa fraqueza, para que possamos viver firmes em nossa fé, como elas não hesitaram em morrer por vosso amor. Por Cristo nosso Senhor. Amém! Abraçaram-se então pela última vez. Felicidade recebeu o golpe de misericórdia impavidamente. Perpétua caiu nas mãos dum gladiador desastrado que falhou o golpe, “tendo-se visto ela própria na necessidade de dirigir contra o pescoço a mão trêmula do gladiador inexperiente”. Estes martírios deram-se na era de 203.
Santas Perpétua e Felicidade, rogai por nós!

 

Polícia Civil realiza uma das maiores apreensões de maconha cultivada em laboratório na Capital

A Polícia Civil, através da Divisão Especializada de Combate ao Narcotráfico (DENARC), da Diretoria Estadual de Investigações Criminais (Deic), apreendeu na manhã desta terça-feira, 7, uma das maiores plantações de maconha dos últimos anos na Capital. Um laboratório clandestino de produção de maconha, skank (super maconha, cultivada em laboratório) e haxixe (resina da maconha) foram descobertos no subsolo de uma residência, no Bairro Coqueiros, na área continental. Dois homens (de 32 e 38 anos), naturais de São Paulo, foram presos.

Foram apreendidos mais de cem pés da erva que estavam sendo cultivadas, R$ 40 mil em espécie e cerca de US$ 400. Outro suspeito, de 30 anos, foi preso quando fazia contato com os paulistas em sua residência no Bairro Campeche, no Sul da Ilha. No local, foram apreendidas cerca de dez pés de maconha, 300 gramas de skank prontas para o consumo e um revólver calibre 38 com dez munições. A Polícia Civil suspeita que os presos em Coqueiros estejam envolvidos com tráfico internacional de drogas, pela entrada com frequência na Europa, principalmente em países como Espanha, Portugal e Holanda.

De acordo com o delegado Pedro Henrique de Paula e Silva, foi um mês de investigação até chegar aos suspeitos, que não possuem antecedentes criminais. “Os paulistas trabalhavam com filmagens e eventos e alugaram a casa por R$ 4 mil desde agosto de 2015. Dentre os documentos apreendidos, os passaportes foram o que nos chamou a atenção pela frequência de entrada na Europa”, explica.

Os presos foram encaminhados para a sede da Deic para a elaboração do flagrante, no Bairro Estreito.

7 de março de 2017

JOGANDO PRA ELES MESMOS....

O SINDIFISCO ESTE É UM ANTRO ONDE ESTÃO OS MAIORES SALÁRIOS DO ESTADO. FAÇAM UMA INVESTIGAÇÃO E VEJAM O NOME DELES E QTO GANHAM. TEM UM JUIZ DE FUTEBOL, APOSENTADO, QUE GANHA UMA BANANA COMO FISCAL DA RECEITA ESTADUAL . PASSA O DIA CAMINHANDO NA RUA DA PRAIA.

 

de Itapuã

TORRO EM ITAPUA, FOI SAB ULTIMO, LÁ PELAS 4. MI MANDEI. TINHA TERMINADO A RPAIA.DE MANHA AINDA DEU LEGAL.

SAB PASSADO, DIA DE CHUVA. MAS DEU PRAIA NAS POMBAS.

 

Tirinha do Rekern

 

Mandado publicar

Enviada: 2017/03/06 08:19:09

Mandado publicar em rodapé na pg da coluna da R. Aparecida... ... pelo pessoal da Fazenda Estadual

 

Em vídeo, Dom Leomar Brustolin reflete sobre os encontros quaresmais

Os católicos vivem desde o último dia 1º de março um tempo especial: a Quaresma. Nesse período, os cristãos se preparam para a Páscoa, a festa da vida. O Regional Sul 3 da Conferência Nacional dos Bispo do Brasil (CNBB) preparou para todo o Rio Grande do Sul um material para que, na família, entre amigos ou na comunidade de fé, todos possam bem viver esse tempo.

Com o objetivo de ajudar a refletir melhor os encontros propostos no material da CNBB, a Arquidiocese preparou uma série de três vídeos com o bispo auxiliar de Porto Alegre Dom Leomar Brustolin, que participou da elaboração do kit. Os vídeos serão publicados sempre nas segundas-feiras, no site da Arquidiocese, na página do Facebook e no canal no Youtube.

 

Assembleia do Povo de Deus reúne cerca de mil lideranças

Um marco na histórica recente da Arquidiocese de Porto Alegre. Assim o arcebispo metropolitano, Dom Jaime Spengler, define a Assembleia do Povo de Deus, realizada no último sábado, dia 4. Cerca de mil pessoas, entre clero, religiosos(as) e leigos se reuniram no Instituto de Educação São Francisco, na Capital, para dar início ao Ano Pastoral 2017.

No encontro foram apresentadas a estrutura do Conselho de Pastoral e a dinâmica das Comissões Pastorais. De acordo com Dom Jaime, a Arquidiocese quer alinhar a linguagem e a ação pastoral da Igreja na região metropolitana de Porto Alegre. O arcebispo destacou a importância de crescer em torno das Diretrizes de Ação da Igreja no Brasil.


A ação pastoral da Arquidiocese foi o tema central da assembleia. Foto: Tiago Camargo

 

Encontro ufológico discute agroglifos

Palestra vai abordar as recentes descobertas na pesquisa sobre o surgimento, há alguns anos, dessas figuras misteriosas em plantações no Brasil e no mundo

O editor da Revista UfO e principal pesquisador do assunto, Ademar José Gevaerd, vai falar sobre os agroglifos – desenhos enigmáticos e grandiosos que surgem de repente em lavouras no mundo todo – em palestra que acontece na próxima quarta-feira, 8, às 19h15min, em Porto Alegre. O tema é considerado um dos mais importantes para os ufólogos, que acreditam que esse fenômeno possua uma ligação direta com os UFOs. Estamos recebendo mensagens de nossos irmãos cósmicos? questionam-se os pesquisadores da matéria.

No Brasil, essas figuras estão aparecendo desde 2008 em plantações próximas às regiões de Ipuaçu (SC) e, mais recentemente, em Prudentópolis (PR). “São desenhos cada vez mais complexos e desafiadores no que diz respeito aos seus intrigantes significados”, alerta Gevaerd.

Durante a palestra, serão apresentados depoimentos de especialistas em diversas áreas, que, a partir de análises científicas, concluíram tratar-se de um fenômeno de origem e natureza não terrestre e exibidos vídeos aéreos dos últimos surgimentos no Brasil.

De acordo com reportagem publicada na Revista UFO, os agroglifos vêm se manifestando em muitos países do Hemisfério Norte desde o final dos anos 70, deixando ufólogos, cientistas, autoridades e militares perplexos. A cada ano são dezenas de novos casos, com figuras impressionantes e desafiadoras, mas que têm um significado que precisa ser descoberto, pois tratam-se de mensagens de outras inteligências cósmicas aos seres humanos.

E parece que as mensagens estão para ser decifradas aqui, no Brasil, onde os agroglifos só passaram a se manifestar em 2008, tanto no oeste de Santa Catarina quanto no centro-sul do Paraná. As recentes pesquisas realizadas pela Revista UFO nos locais, resultaram em achados científicos de grande relevância, que deixaram os estudiosos surpresos.

Gevaerd vai aproveitar o evento para divulgar o XIX Congresso Brasileiro de Ufologia e I Encontro de Ufologia Avançada do Rio Grande do Sul, que ocorre nos dias 5 a 7 de maio, no Hotel Plaza São Rafael, em Porto Alegre. Mais informações no site http://www.ufologiabrasileira.com.br/rs/.

Curriculo de Ademar José Gevaerd: Conferencista e editor da Revista UFO, a mais antiga publicação sobre discos voadores no mundo. Fez palestras em todo o Brasil e em mais de 50 países mostrando que a casuística ufológica nacional é uma das mais ricas e diversificadas do globo. Presidente do Centro Brasileiro de Pesquisas de Discos Voadores (CBPDV. Promoveu o Fórum Mundial de Ufologia, em Foz do Iguaçu; o Fórum Mundial de Contatados e os Encontros de Ufologia Avançada, nas principais capitais brasileiras. Atualmente, dedica –se a pesquisas sobre o aparecimento de agroglifos no Brasil.

Serviço

Quando - 08 de março (quarta-feira)
Inicio - 19h15min
Término - 22h30min
Onde - Auditório do Edel Trade Center - avenida Loureiro da Silva, 2001
Ingresso - R$20,00 (venda no local a partir das 18h30min)

Realização - Gaidu – Grupo Aldebaran de Investigações e Debates Ufológicos

 

Fantasias e comidas típicas para comemorar o carnaval judaico

A celebração da festa tem início no entardecer do dia 11/03

Fantasiar-se, presentear amigos, fazer comidas típicas e ajudar pessoas carentes. Assim é o Purim, festividade judaica que, por sua alegria e diversão, é normalmente associada ao carnaval, mas recorda a milagrosa salvação dos judeus na Pérsia Antiga. É uma data que lembra a coragem de Esther e Mordechai ao enfrentar e vencer o ministro Haman, o malvado, que por antipatia e preconceito pretendia convencer o Rei Assuero a exterminar o povo judeu do seu reino. Em Porto Alegre, diversas entidades judaicas se reunirão para comemorar Purim em conjunto na Sinagoga da Sibra, no dia 11 de março, a partir das 19h, na sede localizada na Rua Mariante, 772.
Existem quatro preceitos (Mitzvot) que são respeitados no Purim: Ouvir a leitura do Livro de Esther (Meguilá), que conta toda a história da Pérsia sob o reinado do rei Assuero. É costume ouvir a história na véspera do Purim e na parte da manhã, fazendo muito barulho toda vez que é mencionado o nome do malvado Haman. Também é tradição enviar presentes aos amigos; fazer "Tzedaká", ajudando a pelo menos dois necessitados; e celebrar com uma grande festa o milagre que ocorreu com o Povo Judeu (Mishté). É comum as pessoas usarem fantasias, inclusive realizando concursos para mobilizar as crianças. Em Israel, as ruas são tomadas por pessoas fantasiadas, com bandas, djs e carros de som tocando em cada esquina, o que se assemelha com um carnaval de rua aqui do Brasil.

SIGNIFICADO DO PURIM - Origina-se da palavra "Pur", sorteio. Referente a data em que Haman sorteou e marcou para o aniquilamento de todo o povo judeu. Na verdade, transformou-se na data de sorte do povo judeu, quando então foi salvo e saiu-se vitorioso. Esta data marcou para sempre o dia em que comemora-se com grande alegria a festa de Purim.

 

Carnaval 2017 é aberto oficialmente em Porto Alegre


O Rei Momo, a Rainha e as Princesas receberam a Chave da Cidade do prefeito(Foto: Ederson Nunes/CMPA)

No final da tarde desta terça-feira (21/02), ocorreu a cerimônia de abertura oficial do Carnaval 2017 em Porto Alegre. Prestigiado pelo presidente da Câmara Municipal, vereador Cassio Trogildo (PTB), o evento foi realizado na sede da Prefeitura e contou com a presença de vereadores e diversas autoridades do município e membros de escolas de samba do Grupo Especial do Carnaval deste ano.

A solenidade foi aberta com a apresentação dos estandartes e dos sambas-enredo das agremiações, ao som de seus intérpretes e baterias. O primeiro a se pronunciar foi o secretário municipal da Cultura, Luciano Alabarse, que destacou o novo modelo de realização do Carnaval na cidade e enalteceu a tradição do evento. “É uma manifestação cultural de importância singular. Estamos trabalhando diariamente para viabilizar sua realização”, afirmou Alabarse.

Após receber do prefeito municipal o decreto que assegura a realização do Carnaval no Complexo Cultural do Porto Seco, o presidente da Liga Independente das Escolas de Samba de Porto Alegre (Liespa), Juarez Gutierres de Souza, ressaltou que o evento não tem um caráter meramente festivo. “Ele mobiliza uma grande estrutura e é a razão de ser de muitas comunidades”, atestou, acrescentando que a força-tarefa designada para coordená-lo “não está medindo esforços” para seu sucesso.

Dificuldades

“Carnaval é festa, é folia, mas é também uma atividade econômica, que está sendo afetada pela crise como todas as outras”, salientou o presidente da Câmara Municipal. Cassio Trogildo expôs que o momento é de se reinventar e de buscar novas formas de fazer Carnaval. “Com todo o esforço da força-tarefa, teremos um produto atrativo às pessoas”, declarou.

Na mesma linha, o prefeito Nelson Marchezan Júnior explicou que a festa popular deve ser viabilizada por recursos privados. “É na crise que as pessoas crescem e se superam, e eu agradeço às escolas por entenderem a situação da prefeitura e das contas públicas”, disse.

Depois de seu discurso, Marchezan entregou a Chave da Cidade ao Rei Momo Maurício Melo, que cumprimentou as escolas de samba e a força-tarefa designada para a coordenação do evento e declarou oficialmente aberta a edição de 2017 do Carnaval de Porto Alegre. A cerimônia foi encerrada com uma nova apresentação de membros das agremiações, desta vez ao som de Não deixe o samba morrer, da cantora Alcione.

Estiveram presentes também os vereadores Mônica Leal (PP), Matheus Ayres (PP), Clàudio Janta (SD) e Dr. Goulart (PTB) e o secretário municipal de Relações Institucionais, Kevin Krieger. Os desfiles do Carnaval 2017 estão previstos para acontecerem nos dias 23, 24 e 25 de março, no sambódromo do Porto Seco.

 

FOCUS EXCELÊNCIA ENVOLVE-SE NO PROJETO RESIDÊNCIA ARTISTICA POP CENTER E BUSCA APOIOS

Através do apoio da Focus Excelência, o centro popular de compras de Porto Alegre está buscando empresas de todos os portes e setores para se unir à iniciativa pioneira no país que prevê fomento à cidadania por meio de exposições artísticas

 

 

Ela já trabalhou com a ex-primeira dama do país, Ruth Cardoso, em que o mais importante era a transformação da vida das pessoas, por meio da tomada de consciência e mobilização da sociedade civil. Além disso, promoveu grandes eventos no centro do país sobre o mercado de luxo, através da Luxo Brasil. Agora, a socióloga, antropóloga e pesquisadora Marinez Pretto está em uma nova missão. À frente da Focus Excelência - entidade criada com o objetivo de disseminar a cultura da excelência através do 'saber fazer' (savoir faire), Marinez abraçou o projeto Residência Artística do PopCenter Porto Alegre, iniciativa inédita no país que prevê fomento à cidadania por meio de exposi&cce dil;ões artísticas no centro popular de compras e do intercâmbio de trabalhos de artistas brasileiros em museus e galerias do mundo, e cuja curadoria é do francês Frank Marlot, tutor das obras da família Picasso.
"Crescimento não depende só da economia, depende de cultura, formação, educação e a proposta do PopCenter segue exatamente essa lógica. Possui energias e talentos extraordinários e invejáveis, mas escondidos debaixo de cinzas e que devem ser reacendidas. Queremos unir universidades, empresas pequenas, médias e grandes, o mundo da cultura, munícipios, profissionais liberais e estudantes para juntos construir um desenvolvimento sustentável", diz Marinez sobre o que a motivou a entrar no projeto.
Ela vai atuar na busca de investidores para a causa Residência Artística, com o objetivo de viabilizar custos operacionais envolvidos, incluindo workshops gratuitos para o público e os artistas locais. "Queremos reunir o maior número possível de empresas e apoiadores. Promover um encontro entre aqueles que nunca se encontram, proporcionar diálogo entre aqueles que nunca dialogam e criar uma rica troca de aprendizados e experiências", acrescenta Marinez sobre a ideia central.
Para Marinez, associar a marca da empresa neste projeto significa investir na sustentabilidade de novos empreendedores e da cidade de Porto Alegre em si. "Fala-se tanto em sustentabilidade, mas não vemos que o primeiro passo a ser dado é em relação ao próprio ser humano. Esses pequenos lojistas não tinham segurança, não tinham endereço, não tinham nome. Tirar 800 famílias da rua, da informalidade não é para qualquer um. Hoje essas pessoas tem um endereço, segurança e, especialmente, estão se formando como microempresários. Estão fazendo cursos de atualização, de formação. Podem ser um exemplo em muitos aspectos. Esse projeto é arrojado e desafiador", estimula.
Quem deseja participar e apoiar o projeto pode entrar em contato com contato@focusexcelencia.com.br/ contato@popcenterportoalegre.com.br ou pelos fones 51 99988-2300/ 51 3072-7594.

 

Pesquisa de Emprego e Desemprego- RMPA – Especial Mulher e Trabalho

A Fundação de Economia e Estatística convida para a divulgação do informe especial A INSERÇÃO DA MULHER NO MERCADO DE TRABALHO DA REGIÃO METROPOLITANA DE PORTO ALEGRE nesta terça-feira, dia 07, às 10h, na Sala de Eventos FEE, Rua Duque de Caxias, 1691 – Centro.

Esse é o décimo boletim produzido pela FEE, DIEESE e FGTAS. O Informe faz uma análise de indicadores atualizados sobre a inserção feminina no mercado de trabalho da RMPA, com importantes elementos para subsidiar políticas públicas capazes de alterar a condição da mulher na sociedade.

Acompanhe, durante o evento, cobertura:

Twitter (twitter.com/fee_rs )

Facebook ( facebook.com/fundacao.rs)

Site da FEE (www.fee.rs.gov.br)

 

Exportações de frango e suínos para o Japão protegem a economia e os empregos em SC, afirma Colombo durante evento em Tóquio

Em sua 14ª missão de negócios desde o início do governo, em janeiro de 2011, o governador Raimundo Colombo participou, na manhã desta segunda-feira, 6, em Tóquio, do seminário Oportunidades de Negócios, Parcerias e Investimentos entre Santa Catarina, Brasil e Japão, realizado na sede da Embaixada do Brasil. O objetivo do encontro, que contou com a presença de mais de 25 empresários japoneses, foi ampliar as ações comerciais entre o Estado e o Japão.

O embaixador André Corrêa Aranha do Lago abriu o seminário e elogiou o êxito que já existe nas relações e as possibilidades que se abrem nos negócios entre o governo de SC e os japoneses. Aranha do Lago lembrou que essa é a quarta visita que o governador Raimundo Colombo faz ao Japão.

Integram a atual missão os secretários da Fazenda, Antonio Gavazzoni, de Assuntos Internacionais, Carlos Adauto Virmond Vieira, o deputado estadual Gelson Merisio, o presidente da Federação das Indústrias de SC, Glauco José Côrte, o vice-presidente da Fiesc, Gilberto Seleme, o diretor de Desenvolvimento Institucional da Fiesc, Carlos Henrique Ramos Fonseca, a coordenadora do Centro Internacional de Negócios da Fiesc, Tatiana Leal, e o diretor-executivo do Sindicato das Indústrias da Carne, Ricardo Gouvêa.

O governador Raimundo Colombo disse que as primeiras palavras para o Japão são de agradecimento, porque na história catarinense os japoneses sempre estiveram presentes, num forte espírito de colaboração. Lembrou que o Estado é recorrente em problemas de enchentes, principalmente na região do Vale do Itajaí, e a Jica, Agência de Cooperação Internacional do Japão, contribuiu de forma cooperativa com o governo no projeto de controle das cheias que está em execução, utilizando como modelo de prevenção o que foi realizado há mais de cem anos no rio que corta a capital Tóquio.

Colombo informou que o presidente Michel Temer estará em SC no próximo dia 17 para inaugurar a sobre-elevação e a construção dos canais extravasores das barragens de Ituporanga e Taió. “Essas obras deverão minimizar os efeitos das enchentes no Vale do Itajaí”, explicou o governador.

 

Colombo, os integrantes da comitiva e o embaixador André Corrêa Aranha do Lago

Na área de negócios, Colombo destacou que as relações entre Santa Catarina e o Japão estão consolidadas com a venda de carnes de frango e suínos, entre outros produtos. “As exportações têm conseguido proteger a economia brasileira, garantindo a geração de empregos e, no caso de SC, apresentar o menor índice de desemprego do Brasil”, observou.

O governador afirmou que as agroindústrias catarinenses ainda estão se adaptando às exigências dos japoneses que preferem a carne suína com maior volume de gordura. “Esse produto diferenciado está sendo feito e, por isso, SC está crescendo na escala comercial, mas a grande vantagem é que as exportações trouxeram estabilidade para o setor, que vive em ampla expansão, diferente do que era em 2011 e 2012”, disse Colombo, que prevê um crescimento ainda maior nas relações entre o Estado e o Japão.

O governador lembrou, ainda, que a província de Aomori, hoje Estado irmão de SC, foi fundamental no desenvolvimento da produção de maçã na Serra catarinense.

O presidente da Fiesc, Glauco José Côrte, agradeceu o apoio da embaixada na realização do seminário e salientou que relações entre o Santa Catarina e o Japão são antigas, mas intensificaram-se nos últimos anos com as negociações promovidas pelo governador para a venda de carne suína para o país a partir de 2011.

Para “vender” ainda mais Santa Catarina para os empresários japoneses, o secretario Carlos Adauto Virmond Vieira apresentou as potencialidades do Estado em todas as áreas. Considerou que o encontro foi excelente, porque a missão conseguiu passar para os japoneses uma imagem positiva de Santa Catarina, mesmo na atual conjuntura de crise econômica no Brasil, porque o Estado dispõe de um perfil diferenciado que se adequa muito à identidade japonesa na realização de negócios.

O diretor-executivo do Sindicato das Indústrias de Carnes de SC, Ricardo Gouvêa, apresentou aos empresários japonses todo o controle sanitário realizado pelo Governo do Estado, com o apoio das agroindústrias, nas divisas com o Paraná e o Rio Grande do Sul. “Sem um bom programa de sanidade animal, as agroindústrias não conseguem exportar para nenhum país”, salientou, ao lembrar que SC é o único Estado do país livre de febre aftosa.

À noite, o governador Raimundo Colombo e os integrantes da comitiva participaram de recepção na residência do embaixador André Corrêa Aranha do Lago.

Nesta terça-feira pela manhã, a missão catarinense participa da abertura da Foodex, a principal feira de alimentos e bebidas da Ásia. Esta será a 42ª edição da feira, que contará com fabricantes de alimentos ebebidas e empresas comerciais que representam cerca de 80 países entre os seus expositores. A expectativa da organização é de um público de mais de 70 mil compradores de serviços de alimentação, distribuição e empresas comerciais.

Coreia próxima de importar carne suína de SC

No fim de semana, ao chegar em Tóquio, o governador Raimundo Colombo recebeu a confirmação da Embaixada do Brasil na Coreia do Sul de que técnicos deste país farão a inspeção dos frigoríficos catarinenses entre os dias 31 de março e 3 de abril, na oitava e última etapa para a liberação das exportações de carne suína.

 

de serafina

BBRANCO JÁ RETORNOU DE VACACIONES. ESTÁ NA CITI.

2.

O ADVOGADO ROVILIO DE COSTA VOLTOU A MORAR EM SERAFINA. VIVIA EM PORTO ALEGRE.É FILHO DE JOSÉ BENJAMIN DE COSTA.TODA A FAMILIA É FORMADA DE INTELECTUAIS, OU RELIGIOSOS.
O VELHO ERA AMIGO DO MEU FALECIDO AVO JOSÉ. AOS DOMINGOS ELES SE REUNIAM PRA DISCUTIR A BIBLIA E A LER O CORREIO RIOGRANDENSE. TEM INUMERAS HISTÓRIAS DO VELHO NO MEU LIVRO COSI LA ZE STATA.

ADRIANA SABADIN, QUE CUIDOU - BEM - DA IMPRENSA NOS OITO ANOS DE GOVERNO DO BICO BRANCO, ESTÁ ABRINDO UM ESPAÇO DE ARTE E EVENTOS EM SERAFINA COM AULA DANÇA, BALLET, DANÇA DO VENTRE....

6 de março de 2017

de Itapuã

HJ SAB EM ITAPUA, NAS POMBAS PINTARAM LÁ 3 BRIGAIDANOS. NÃO HAVIA VIVA ALMA NA PRAIA. BAH, PORQUE NÃO VÃO NOC ENTRO DE POA....

O NEGO FELIX

INDO PRA ITAPUÃ NESTA MAD DE SABADO, NA PR PAROBOÉ DEI DE CARA COM O NEGO FELIX. ELE AINDA NÃO TINHA DORMIDO.AMANHECIA. ELE TINHA PASSADO A NOITE TODA PERAMBULANDO PELO COENTRO JUNTO DOS VERDUREIROS. O NGO FELIX PESAVA 200 KG AGORA TÁ MAIS MAGRO. ERA UM ESTAFETA DO GTERLERA ATÉ QUE UM DIA AS CAMARAS FRAGLARAM ELE METENDO A MÃO NUMA GRANA ENCIMA DA MESA NA ALRS E A SEGURANÇA PROIBIU ELE DE ENTRAR.

ME PERGUNTOU SE EU TINHA NA ASSEMBLEIA.
- NÃO O TERLERA MORREU DISSE A ELE.

ELE PEGOU O BUSUN PRA IR PRA ZONA NORTE, NUMA VILA ONDE MORA E EU FUI PRO TERMINAL DE ITAPUA. NÃO DEI UM TROCO PQ NÃO TINHA

 

da Ufrgs

' PARAIBA' E WILLIAM DO TIME DE GARÇÃOS DO ANTONIO LANCHES. ' PARAIBA' PASSOU 23 DIAS EM J.PESSOA DE FÉRIAS COMENDO CARANGUEJO E FOI DE AVIÃO. É A ERA LULA.AGORA VOLTOU PRA REALIDADE DELE NA MARIO QUINTANA. JÁ O WILLIAM FEZ 3 FILHOS, UMA DUPLA DE GEMEOS. A MÃE DELE É COZINHEIRA DO ANTONIO LANCHES.

 

GUERRINH A CHATA.

N SEI QUEM É MAIS MARRENTO. O PADEIRO DE BENTO OU O CASTELHANO ESTE QUE VEM PRA CÁ SI AXANDO DONO DO PEDAÇO.

 

do Centro

profis na frente da smed semana passada protestando.

 

CASA DA CARLOS VON KOSERETIZ

EFNIM, O CORREINHO FOI LÁ E FEZ A MATERIA DA CASA QUE ERA DO EXERCITO E QUE FOI VENDIDA. ESTÁ PRA SER ALUGADA.

APENAS CITOU QUE JANGO ESTEVE LÁ.MAS O SERENO CHAISE TÁ AI VIVO E PODERIAM TE-LO OUVIDO. ELE ESTEVE LÁ NA NOITE - NÃO FORAM 3 DIAS COMO DISSE O MAKRAEMER NA MATERIA - EM QUE JANGO PASSOU POR LÁ A CAMINHO DO EXDILIO. FOI LÁ QUE BRIZOLA SUGERIU A JANGO RESISITIR E QUE NO FIM DA MADRUGADA JANGO DISSE:

- POR IR ATR´SS DE TUAS OPINIÕES É QUE ME ENCONTRO NA SITUAÇÃO EM QUE ESTOU. ( QUE FRASE AMARGA...)

- VAI RENGO FILHO DA PUTA. TU NUNCA MAIS VAIS VOLTAAR VIVO A ESTE PAIS, RESPONDEU BRIZOALLA
O CORREIO PERDEU A CHANCE DE RECUPERAR ESTA PARTE. MAS MESMO ASSIM, FALARAM NO GEISEL E MEDDICI QUE MORARAM LÁ POR SUPUESTO.DOS MALES O MENORBENO

 

coleguinhas

caco barcellos completou neste domingo 67 anos.

CACO EM PORTO ALEGRE

AS OSEIS DA TARDE CACO BARCELOS CHEGOU A PORTO PRA COMEMORAR SEUS 67 ANOS COM A ANTONINHA,SUA VEIA MÃE. LEMBRO DE QDO FAZIAMOS O DLUCT, NA PUC DE MADRUGADA. DE MANHÃ A DONA ANTONINHA QUE MORAVA NA VIDAL DE NEGREIROS FAZIA UMA GALINHA AO MOLHO PARDO DE LAMBER O PRATO O RESTO DA HISTORIA DO REPORTER - DO PROFISSÃO REPORTER - MUITA GENTE CONHECE. ALÉM DO TALENTO, O CACO SE ESFORÇA UM BOCADO.caco deve voltar hj a sampa.

FIQUEI SABENDO QUE O DMAE NÃO TEM PAGO NEM AQUELES EDITAIS QUE VIVE PUBLICANDO POR ORDEM LEGAL NO JC.
O JORNAL DO TUMELERO TÁ MARCHANDO COM ISTO. ORDEM DO MARCHEZAN

GUAIBA TEM VERGONHA DA PROPRIA RELIGIÃO

NA NOVA PROGRAMAÇÃOD A GUAIBA, LIDA PELO NANDO GROSS, NÃO DIZ O QUE A RADIO FAZ DA MEIA NOITE AS 4 DA MATINA. É O TEMPO DA RELIGIÃO DA IURD, A VERDADEIRA DONA DA RADIA QUE FOI DDE BRENO CALDAS.

 

MEMORIA DA IMPRENSA

' CAMPANA' PRA SEGURAR A EX CUNHADA

E,ATÉ ISTO ACONTECE......QUANDO EDITH AULER, FILHA DE PAULO GERSON ANTUNES DE OLIVEIRA, O PAULINHO FUMAÇA E DE MARIONI AULER COMPLETOU 15 ANOS, O PAI AO INVÉS DE DAR PRESENTES, RESOLVEU PAGAR-LHE UMA VIAGEM DE CULTURA PRA ELA CONHECER A EUROPA....

A TIA DE EDITH, IRIA, TRABALHAVA NA SEC, ONDE POR SINAL TAMBÉM TRABALHAVA A ENTÃO SEGUNDA ESPOSA DE PAULO GERSON, CARMINHA ABRAHAM,IRMÃ DO FOTOGRAFO ' ESPANHOL'. SABE COMO É MULHER GOSTA DE ASSUNTAR. E IRIA COMENTOU COM UMA COLEGA, QUE ELA NÃO SABIA QUE SE DAVA COM CARMINHA O ASSUNTO. FOI UM ROLO EM FAMILIA, OU MELHOR,ENTRE AS ' DUAS FAMILIAS'. CARMINHA RECLAMOU EM CASA DA TAL PASSAGEM, DO TAL PRESENTE,PORQUE A COLEGA DE IRIA PRA QUEM ELA HAVIA COMENTADO O ASSUNTO FOI CORRENDO LEVAR A FOFOCA PRA SEGUNDA ESPOSA.

CLARO, PAULO GERSON HAVIA MANTIDO SIGILO EM CASA DO PRESENTE QUE DARIA PRA FILHA DO PRIMEIRO CASAMENTO...

AI, DEU FORODOBÓ.....IRIA FICOU PUTA DA VIDA COM A COLEGA E MANDOU RECADO QUE PARTIRIA PRA CIMA ATÉ DA ESPOSA DO SEU EX CUNHADO, COM QUEM POR SINAL SEMPRE SE DEU BEM, MESMO DEPOIS QUE ELE SE SEPAROU DA MANA.
E UM DIA ELA CHEGOU PRA TRABALHAR,DESPREOCUPADA, QUAL NÃO FOI SUA SURPRESA QUANDO VIU O EX CUNHADO DE BRAÇAS CRUZADOS, NUM CANTO DO PREDIO DA SEC. FOI FALAR COM ELE..
- O QUE FAZES AQUI?
- VIM TE ESPERAR..

- PORQUE O QUE HOUVE??

- UÉ, TU NÃO DISSE QUE IA DAR UM PAU NA CARMINHA. VIM DEFENDER ELA. E DEU UM LEVE SORRISO.

FICOU POR ISTO MEsmo.(OC)..

 

NOTA OFICIAL

pelo que entendi da nofa da aceg, A DIREÇÃO DO INTER FEZ OLHO BRANCO OU ATÉ INCENTIVOU AS AGRESSÕES(oc)

ACEG CONDENA AGRESSÕES À PROFISSIONAIS DA BAND TV

A ACEG – Associação dos Cronistas Esportivos Gaúchos, condena veementemente as agressões registradas nesta sexta-feira aos jornalistas Marcus Godói (repórter cinematográfico) e João Batista Filho (repórter), integrantes da equipe da TV Bandeirantes, que foram alvos de agressões covardes e descabidas praticadas por cerca de trinta “covardes” integrantes da torcida organizada Guarda Popular do Sport Club Internacional.
O atentado ocorreu quando os profissionais cumpriam sua missão de bem informar, acompanhando a chegada do jogador Victor Cuesta, recentemente contratado pelo Internacional, no aeroporto Salgado Filho.
O integrantes da torcida organizada Guarda Popular agrediram com chutes o repórter cinematográfico Marcus Godói e verbalmente o repórter João Batista Filho, no estacionamento do setor antigo do aeroporto.
Ato também condenável praticado por esses "vândalos", ao danificarem o veiculo da Rede Bandeirantes.
Não fosse a interferência de UM, sim UM, segurança do AEROPORTO poderia ter ocorrido algo pior.
A ACEG espera que a direção do Sporte Club Internacional, adote providências enérgicas em relação à dita torcida, que a exemplo de outras “organizadas” tem sucessivamente promovido atos de barbárie que não condizem com a grandeza de um dos maiores clubes brasileiros e de renome mundial.
Em defesa da paz e da garantia constitucional do exercício pleno da atividade jornalística, a ACEG denuncia o fato à sociedade gaúcha, e clama por justiça às autoridades competentes, e principalmente da direção do Sport Club Internacional, que deixou de adotar medidas de segurança cabíveis, que garantissem aos profissionais de imprensa a realização de sua atividade.

Edgar Vaz

Presidente ACEG
--
Associação dos Cronistas Esportivos Gaúchos - ACEG-RS

 

do Comunique-se

Jornalistas da Globo se envolvem em confusão com policiais durante o Carnaval


Segundo a TV Globo, Felipe Santana e Bruno Della Latta foram agredidos por policiais (Imagem: Twitter e Facebook)

Dois jornalistas da Globo se envolveram em confusão durante as festividades do Carnaval de Salvador. O caso contou com Bruno Della Latta, produtor do ‘Fantástico’, Felipe Santana, correspondente da emissora em Nova York que está de férias no Brasil, e policiais militares da Bahia. A briga, ocorrida no último domingo, 26 de fevereiro, foi noticiada em primeira mão pelo Notícias da TV, site editado por Daniel Castro e fez a direção do canal e a Secretaria de Segurança Pública (SSP) local se pronunciarem. A história envolve troca de acusações de desacato à autoridade e agressão física.

Em nota oficial, a SSP baiana informa que acompanha a investigação do caso, que está sob cuidados da Polícia Civil do estado. De acordo com a secretaria comandada por Maurício Teles Barbosa, que é delegado da Polícia Federal, Santana foi ouvido pelas autoridades responsáveis pelo caso minutos após a confusão ocorrida no circuito Osmar, na região central de Salvador. Della Latta, por sua vez, chegou a ser hospitalizado por causa de ferimento no supercílio, sendo liberado horas depois de ficar em observação. A pasta do governo da Bahia não explica a causa, mas a TV Globo garante que o seu produtor foi agredido, assim como o correspondente.

“Felipe sofreu escoriações leves e foi conduzido para a delegacia para prestar esclarecimentos e fazer corpo de delito. Já Bruno, que recebeu chutes e golpes com cassetete, foi levado ao hospital para fazer diversos exames e ser medicado, mas já recebeu alta hoje pela manhã e prestará depoimento em breve. Ambos passam bem”, posicionou-se a emissora de televisão, por meio de sua equipe de comunicação, ao responder contato da reportagem do Portal Comunique-se. Na nota, o veículo ressalta que está dando apoio aos seus dois funcionários e que aguarda “rigorosa apuração” do caso.

Apesar do posicionamento divulgado à imprensa, a assessoria da emissora não respondeu questionamentos feitos pela reportagem, como a decisão a ser tomada caso seja comprovado que a dupla de jornalistas da Globo desacatou policiais e a data prevista do retorno das atividades de Felipe Santana como correspondente nos Estados Unidos. O canal também não informou o que fará se for constatado que policiais militares agrediram o produtor e o correspondente internacional.

Por parte dos policiais envolvidos na confusão, a Secretaria de Segurança Pública da Bahia apenas relatou que eles alegam que foram desacatos pelos jornalistas da Globo e prestaram depoimentos posteriormente. Até o momento, o órgão não respondeu o contato feito pela reportagem do Portal Comunique-se. Em e-mail enviado na tarde de segunda-feira, 27, questiona-se a razão de os nomes – e o número – de policiais militares presentes na ação serem preservados até o momento e o teor do conteúdo do depoimento prestado pelo correspondente Felipe Santana.
Jornalistas da Globo X PMs da Bahia
Confira a íntegra da nota da TV Globo:

Felipe Santana e Bruno Della Latta, que estavam de férias em Salvador, se envolveram num incidente com a polícia militar durante um bloco de carnaval, ontem.

Felipe sofreu escoriações leves e foi conduzido para a delegacia para prestar esclarecimentos e fazer corpo de delito. Já Bruno, que recebeu chutes e golpes com cassetete, foi levado ao hospital para fazer diversos exames e ser medicado, mas já recebeu alta hoje pela manhã e prestará depoimento em breve. Ambos passam bem.

Estamos dando o suporte necessário aos jornalistas e aguardamos uma rigorosa apuração do caso.
Jornalistas da Globo X PMs da Bahia
Confira a íntegra da nota da SSP da Bahia:

SSP apura ação que envolveu guarnição da PM e jornalistas Apoio: O caso será investigado pela Polícia Civil, com o acompanhamento do Comando Geral da PM

A Secretaria da Segurança Pública determinou a apuração rigorosa de uma situação envolvendo uma patrulha da Polícia Militar e dois jornalistas. O caso aconteceu no circuito Osmar (Centro), na noite deste domingo (26). Informações preliminares dão conta de que jornalistas e policiais se desentenderam. O caso foi para a Central de Flagrantes do Passeio Público.

Os policiais alegam desacato e, a dupla, truculência policial. Um dos jornalistas, Bruno Aversa Della Latta, teve um ferimento no supercílio e foi encaminhado ao posto médico para atendimento e, em seguida, para o Hospital Aliança, onde permanece em observação. O outro jornalista, Felipe Tomaz Sant’ana, foi ouvido na Central de Flagrantes.

Os militares envolvidos também prestaram depoimentos. Todos os envolvidos serão encaminhados para fazer exame de corpo de delito, já que dois PMs também apresentaram ferimentos na boca e no braço.

 

NOTICIAS -RUINS - DE CAZIAS(ANTIGO CAMPO DOS BUGRES)

MARCOPOLO FARÁ FÉRIAS COLETIVAS DE 10 DIAS A PARTIR DE 13 DE MARÇO PRÓXIMO.SEGUNDA FEIRA QUE VEM.

COM CHANCE DE 23 E 24 DE MARÇO SER DE FLEXIBILIZAÇÃO. SE JUNTARIAM AS FERIAS COLETIVAS PRA SOMENTE VOLTAR DIA 27 DE MARÇO, UMA SEGUNDA.PRA FLEXIBILIZAÇÃO SE FAZ NECESSÁRIO A VOTAÇÃO DOS OPERÁRIOS O QUE ACONTECE DIA 7 DE MARÇO.
A MARCOPOLO AO ANUNCIAR A MEDIDA, NA 5 PASSADA, INFORMOU QUE O PROBLEMA NÃO É A FALTA DE PEDIDOS DE NOVOS ONIBUS E SIM DE FALTA DE CHASSIS.a PAUSA DE 10 DIAS AFETARÁ 6 MIL TRABALHADORES DA EMPRESA NA FABRICA DE ANA RECH.ALGUNS POUCOS SETORES NÃO SERÃO ATINGIDOS E A MEDIDA ATINGIRÁ 5,5 MIL EMPREGADOS

EXPLICAÇÕES DA MARCOPOLO:

1.

MONTADORAS BRASILEIRAS NÃO TEM ESTOQUE VENDERAM BASTANTE NO FINAL DO ANO E VEM PRODUZINDO NUM RITMO MENOR O NUMERO DE CHASSIS ATÉ POR CONTA DE FÉRIAS COLETIVAS E DE PARADA NO CARNAVAL.
2.

EMBORA O MERCADO BRASILEIRO NÃO TENHA DADO SINAIS DE MELHORA A MARCOPOLO EXPLICA QUE QUE TEM PEDIDOS DE CLIENTES NACIONAIS E DO EXTERIOR ACIMA DE 500 UNIDADES.ELES SERÃO FABRICADOS TÃO LOGO A ENTREGA DE CHASSIS SEJA REGULARIZADA O QUE DEVE ACONTECER EM ABRIL E MAIO VINDOUROS.

3.

NA UNIDADE DO BAIRRO PLANALTO, ONDE SE PRODUZ O VOLARE, A PRODUÇÃO SE MANTERÁ NORMAL.

4.

COMO SE SABE UM ONIBUS É UM ' SANDUICHE'. A MONTADORA ENTRA COM O CHASSIS E A ENCARROÇADORA COM A CARROCERIA.UMA PORTANTO, DEPENDE DA OUTRA.

( COM INFORMAÇÕES DO PIONEIRO DE 6,DA COLUNA CAIXA - FORTE, ASSINADA POR SILVANA TOAZZA)

 

PRAGA

RECONHECI NO FILME QUE VI HOJE, EU OLGA AQUELES COPÕES DE CERVEJA OU CHOPP QUE TOMEI MUITOS QDO ESTIVE EM PRAGA EM 86. O FILME RETRATA 1973. UMA HISTÓRIA MUITO TRISTE POR SINAL.

GOSTEI DO APARTAMENTO. VÃO VER.

 

Tirinha do Rekern

po rekern que maleza esta tua kkkk(OC)


Resultado do Grenal

 

GRE 2 X 2 SCI - ambiental

n fui no grenal. ouvi o marcão pela guaiba. não consigoachar a grenal aki no meu dial. ai ficou de guaiba mesmo e ouvi uma msg pro mar~cao da CLAUDINHA NOCHI que tb ouve a guaiba. bah, a claudinha nochi, quanto tyempo(OC)

by Laurinho da Venâncio

 

Madame Rosa no Grenal

madame pra ti, né lauro...que fique bem claro(OC)

Enviada: 2017/03/05 09:47:31

Madame Rosa foi ao Grenal de sábado. Concluiu que "é uma versão atualizada das arenas romanas: os gladiadores lá embaixo e a tuba nas arquibancadas vivoceando impérios". Mas, do jogo, gostou. Foi o primeiro Grenal dela. O filho ñ foi (era dia do níver da namorada) e a madame foi com o ingresso dele. Com chuva e tudo. (by Laurinho da Venâncio)

 

liberdade de expressão

a opção sexual do cara não dá direito ao outro de julga-lo moralmente,eticamente(OC)

Enviada: 2017/03/03 10:03:35

O objetivo de um artigo ou notícia é o interesse público, a liberdade de expressão encontra seu limite na fronteira do abuso



Reinaldo Azevedo, Veja e Jovem Pan são condenados a pagar R$ 100 mil de indenização a Laerte

Colunista chamou Laerte de “baranga moral”, “fraude de gênero”, entre outras ofensas, depois que ela publicou uma charge crítica ao golpe contra Dilma Rousseff

No ano passado, o colunista Reinaldo Azevedo publicou um texto na revista Veja atacando a cartunista Laerte Coutinho. Ela havia feito uma charge ironizando o golpe contra a presidenta Dilma Rousseff e foi chamada – entre outras ofensas – de “baranga moral”, “fraude de gênero” e “homem que se finge de mulher”.

Em razão disso, a artista processou Azevedo, a revista e também a Jovem Pan por danos morais, uma vez que os insultos foram repetidos na rádio. Na decisão assinada na última quinta-feira (15), o juiz Sang Duk Kim condenou os réus ao pagamento do valor de R$ 100.000,00 à Laerte.

“Há de se consignar que o objetivo de um artigo ou notícia é o interesse público e que a liberdade de expressão e comunicação encontra seu limite na fronteira do abuso. Assim sendo, o direito à liberdade de expressão não é absoluto”, afirmou o magistrado.

Fonte: http://www.revistaforum.com.br/2016/12/17/reinaldo-azevedo-veja-e-jovem-pan-sao-condenados-a-pagar-r-100-mil-de-indenizacao-a-laerte/

 

da Folha Popular de Teutônia

 

Santa Catarina foi o estado que mais gerou empregos em janeiro

Um saldo de 11.284 novos postos de trabalho em Santa Catarina, registrados pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED), aponta a diferença positiva entre admissões e desligamentos no estado no mês de janeiro. Foi o melhor resultado do país para o primeiro mês de 2017. O ano foi iniciado com 83.437 contratações contra 72.153 demissões de trabalhadores formais (com carteira assinada), o que representa uma variação de 0,58% sobre o estoque total de empregos. Depois de Santa Catarina, os estados que mais geraram empregos foram Mato Grosso e Rio Grande do Sul. O melhor saldo se deu no setor da indústria da transformação, que contou com 5.904 novos postos de trabalho, o que representa uma variação positiva de 1%. O segundo melhor saldo é do setor agropecuário, com a criação de 3.409 novos empregos, significando um acréscimo de 8% sobre o estoque de empregos no setor. No comércio, a situação é diferente. O setor teve a maior queda de empregos, com 2.659 postos a menos. o secretário de Estado da Assistência Social, Trabalho e Habitação, Valmir Comin, comemorou o resultado. “Os números mostram que Santa Catarina foi efetivamente um dos últimos estados a sentir a crise em função das medidas adotadas pelo governo. Isso se reflete na geração de empregos”, afirmou Comin. Fraiburgo, com a colheita da maçã, foi o município com a maior geração de empregos, com o registro de 1.537 vagas, sendo destas 1.466 geradas no setor agropecuário. Seguido de Joinville, que gerou 1.002 vagas, sendo 491 na indústria de transformação. A terceira cidade melhor colocada é Timbó, com a geração de 460 vagas.

 

Mais de cinco mil meninos já foram vacinados contra o HPV em Santa Catarina

Em Santa Catarina, 5.623 doses da vacina contra o HPV já foram aplicadas em meninos de 12 a 13 anos pela rede pública de saúde nesses primeiros meses de 2017. O número mostra o balanço parcial da vacinação realizada pelos municípios em janeiro e fevereiro. Esses adolescentes deverão receber a segunda dose no início do segundo semestre, pois o esquema vacinal para os meninos contra HPV é de duas doses, com seis meses de intervalo entre elas. Até o ano passado, este tipo de imunização era feita somente em meninas. A ampliação da vacinação contra o HPV para o sexo masculino é uma das novidades do Calendário de Vacinação 2017 da rede pública de saúde.

“Estamos muito satisfeitos com esse resultado nos primeiros meses de vacinação de meninos contra o HPV no país, considerando que era período de férias escolares”, afirma Vanessa Vieira da Silva, Gerente de Imunização da Diretoria de Vigilância Epidemiológica da Secretaria de Estado da Saúde. Segundo ela, 111 mil meninos devem ser vacinados este ano contra o HPV em Santa Catarina, ficando protegidos contra os cânceres de pênis, garganta e ânus e verrugas genitais, doenças que estão diretamente relacionadas ao HPV. A definição da faixa-etária para a vacinação visa proteger as crianças antes do início da vida sexual e, portanto, antes do contato com o vírus. A faixa etária será ampliada gradativamente at&eacute ; 2020, quando serão incluídos os meninos com 9 até 13 anos de idade.

A expectativa é que a procura seja intensificada a partir de março, quando o Ministério da Saúde lançará uma campanha publicitária específica para estimular a vacinação do HPV em meninos e meninas. “Os municípios também podem buscar parcerias locais com as escolas, por exemplo, para a ampliação dessa cobertura vacinal”, aconselha Vanessa.

O Ministério da Saúde decidiu incluir os meninos no programa nacional de vacinação contra o HPV no ano passado, e o Brasil tornou-se o sétimo país a adotar essa estratégia de saúde pública, igualmente utilizada nos Estados Unidos, na Austrália, na Áustria, em Israel, em Porto Rico e no Panamá. A decisão de ampliar a vacinação para o sexo masculino está de acordo com as recomendações das Sociedades Brasileiras de Pediatria, Imunologia, Obstetrícia e Ginecologia, além de DST/AIDS e do mais importante órgão consultivo de imunização dos Estados Unidos (Advisory Committee on Imunization Practices).

Novidades no calendário de vacinação

O Ministério da Saúde também ampliou a faixa etária de outras cinco vacinas: tríplice viral, tetra viral, dTpa adulto, Meningocócica C e hepatite A. As vacinas estão disponíveis nas unidades de saúde de todo o país durante o ano todo, e não somente em períodos de campanha.

HEPATITE A – A vacina hepatite A passa a ser disponibilizada para crianças até 5 anos de idade. Antes, a idade máxima era até 2 anos. Essa vacina é altamente eficaz, com taxas de soroconversão de 94% a 100%. Em países que adotaram o esquema de vacinação com uma dose, houve controle da incidência da doença, principalmente em creches e instituições semelhantes, proporcionando proteção de rebanho para a população geral. Além disso, estudos também têm demonstrado que, em cerca de 95% dos vacinados, há produção de anticorpos em níveis protetores, quatro semanas após a vacinação com uma dose.

TETRA VIRAL (sarampo, caxumba, rubéola e varicela) – Em 2017, para as crianças, há ampliação da oferta da vacina tetra viral, passando a ser administrada de 15 meses até quatro anos de idade. Antes era administrada somente na faixa etária de 15 meses a menor de dois anos de idade. O Programa Nacional de Imunizações (PNI) recomenda a vacinação das crianças com a tríplice viral (sarampo, caxumba e rubéola) aos 12 meses de idade (primeira dose) e aos 15 meses com a tetra viral (segunda dose com a varicela). Caso a criança perca a dose aos 15 meses essa pode ser administrada até os 4 anos. Vale reforçar que em países que adotaram esquema de uma dose contra varicela (semelhante ao do Brasil) houve queda acentuada do número total de ca sos da doença, de hospitalizações e de óbitos a ela relacionados.

MENINGOCÓCICA C – O Ministério da Saúde também passou a disponibilizar a vacina meningocócica C (conjugada) para adolescentes de 12 a 13 anos. A faixa etária será ampliada, gradativamente, até 2020, quando serão incluídos crianças e adolescentes com 9 anos até 13 anos. A meta é vacinar 80% do público-alvo, formado por 7,2 milhões de adolescentes. Em Santa Catarina, são 216.948 adolescentes. Além de proporcionar proteção aos adolescentes, a ampliação alcançará o efeito protetor da imunidade de rebanho; ou seja, a proteção indireta das pessoas não vacinadas. O esquema vacinal para esse público será de um reforço ou uma dose única, conforme a situaç& atilde;o vacinal.

“É importante ressaltar que, dos quatro subtipos, a meningite C é o mais frequente da doença em todo o país. Em Santa Catarina, representa cerca de 50% dos casos”, explica Vanessa Vieira da Silva.

dTpa ADULTO – A vacina adsorvida difteria, tétano e pertussis (acelular) tipo adulto passa a ser recomendada para as gestantes a partir da 20ª semana de gestação. As mulheres que perderam a oportunidade de serem vacinadas durante a gestação, devem receber uma dose de dTpa no puerpério, o mais precoce possível. Com essa medida, o Ministério da Saúde busca garantir que os bebês possam nascer protegidos contra a coqueluche, por conta dos anticorpos que são transferidos da mãe para o feto, evitando que eles contraiam a doença até que completem o esquema de vacinação com a vacina penta, o que só ocorre aos seis meses de idade.

“Apesar da vacina dTpa poder ser aplicada no puerpério, é importante ressaltar que esta estratégia só deve ser realizada como última opção, pois, ao se vacinar uma mulher após o parto, não haverá transferência de anticorpos para o feto. Consequentemente, há diminuição da possibilidade de proteção das crianças contra a coqueluche nos primeiros meses de vida”, explica Vanessa Vieira da Silva.

TRíPLICE VIRAL (sarampo, caxumba e rubéola) - Outra alteração se deu para a vacina tríplice viral, com a introdução da segunda dose para a população de 20 a 29 anos de idade. Anteriormente, a segunda dose era administrada até os 19 anos de idade. Com esta mudança, busca-se a correção da falha vacinal neste grupo e também considera a situação epidemiológica da caxumba nos últimos anos, cujos surtos têm acometido, principalmente, adolescentes e adultos jovens nesta faixa etária. A adoção do esquema de duas doses para esse grupo contribuirá na redução de casos da doença. Deste modo, duas doses contra sarampo, caxumba e rubéola passam a ser disponibilizadas para pessoas de 12 meses at& eacute; 29 anos de idade. Para os adultos de 30 a 49 anos, permanece a indicação de apenas uma dose de tríplice viral.

 

Prefeitura assina contrato emergencial do serviço de capina

A Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (Surb), por meio do Departamento Municipal de Limpeza Urbana (DMLU), assinou nesta sexta-feira, 3, o contrato com a empresa MG Terceirização de Serviços para a execução da capina nas vias públicas da Capital. Com validade de até 180 dias, o documento tem caráter emergencial e, por esse motivo, não poderá ser renovado.

O procedimento é necessário, porque a empresa anterior, Ecopav Construções e Soluções Urbanas, havia paralisado o serviço. O DMLU rescindiu o contrato e, para evitar prejuízos à limpeza urbana e transtornos à população, a secretaria decidiu pela contratação emergencial. A realização do serviço deverá começar em até 10 dias.

Licitação – Em 16 de fevereiro, a Surb publicou edital no Diário Oficial de Porto Alegre, informando sobre a abertura da seleção para as empresas interessadas em prestar o serviço de capina de forma emergencial. Das cinco empresas que apresentaram propostas, duas foram desclassificadas por entregarem orçamentos acima do limite previsto no projeto básico (valor unitário por quilômetro de meio-fio é de até R$ 797,40). A vencedora foi a MG, que ofereceu o valor de R$ 672,08 por quilômetro para a execução da atividade.

 

do Miron Neto

Carnaval teve marchinhas, bom chope e notas falsas

Algumas curiosidades do carnaval de 2017: 1 - As bandas foram orientadas a tocarem marchinhas e samba enredos. Nada de funk e outras excrescências; 2 - Prova de que o crime nunca tira férias, as bilheterias receberam R$ 700 em notas falsas; 3 - Os foliões se abasteceram de bebida da primeira: o chope artesanal das gramadenses Rasen, GramBier e Ambarina. As bebidas quentes foram abolidas das copas como forma de diminuir os casos de embriaguez.

 

Cresce o número de empresas gaúchas habilitadas ao Sisbi


21 estabelecimentos já podem comercializar produtos para fora do RS

A Secretaria da Agricultura, Pecuária e Irrigação (Seapi) tem trabalhado para aumentar o número de empresas gaúchas habilitadas a ingressar no Sistema Brasileiro de Inspeção de Produtos de Origem Animal (Sisbi-POA). O objetivo é que seus produtos possam ser comercializados em todo o território nacional. Nesta quarta-feira (11), o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) anunciou que mais seis estabelecimentos do Rio Grande do Sul podem ingressar no sistema, totalizando 21. Até então, eram 15 os habilitados.

"Esta é uma grande notícia que reconhece cada vez mais nossas ações em defesa da agropecuária, voltadas à sanidade alimentar e que fortalecem as indicações ao Sisbi. É importante destacar a expansão de atividades de nossa agroindústria, através das adesões ao Sistema. Isso permitirá maior desenvolvimento econômico e geração de mais emprego e renda aos produtores gaúchos", salienta o secretário Ernani Polo.

Quatro das empresas são do segmento de leite - BRQ, de Tenente Portela; Boavistense, de Nova Boa Vista; Laticínio Frizzo, de Planalto; e Bio, de Boa Vista do Sul - e duas do segmento de carnes - Nutrifrango, de Morro Reuter; e Aida, de Bento Gonçalves.

Para conseguirem a habilitação, as empresas precisam atender aos requisitos de padronização e harmonização dos procedimentos de inspeção de produtos de origem animal para garantir a inocuidade e a segurança alimentar.

 

Coreia do Sul a um passo de importar carne suína de SC

A Coreia do Sul deu mais um passo no processo de liberação da importação de carne suína de Santa Catarina, depois da missão liderada pelo governador Raimundo Colombo ao país em julho de 2016.

Graças aos contatos frequentes do embaixador do Brasil na Coreia, Luiz Fernando Serra, que acompanhou a visita no ano passado, o Ministério da Agricultura, Alimentos e Assuntos Rurais informou que abriu consulta pública da minuta de requisitos sanitários negociados com o Brasil para a abertura do mercado coreano à carne suína de Santa Catarina. Caso não tenha nenhum obstáculo, os requisitos serão promulgados oficialmente na Coreia, finalizando assim a sétima das oito etapas do processo de abertura.

Foto: Cidasc Xanxerê/Arquivo

O governador Raimundo Colombo comemorou a medida sul-coreana e lembrou que a oitava etapa prevê as inspeções “in loco” dos frigoríficos pelos técnicos da Agência de Quarentena Animal e de Plantas (QIA) para a habilitação das empresas para exportarem para a Coreia do Sul. “Estamos vibrando porque definitivamente a Coreia do Sul agora autorizou a missão de reconhecimento para SC poder exportar a carne suína para o país, que é um dos maiores importadores do mundo”, afirmou. “Os nossos frigoríficos estão habilitados para atender os sul-coreanos porque já exportam carne suína para o Japão e outros mercados", completou.

Colombo lembrou que a venda de carne suína para a Coreia possibilitará que Santa Catarina mantenha os excelentes indicadores de empregos, como o resultado de janeiro deste ano com a abertura de mais de dez mil vagas, o maior número do Brasil em termos absolutos.

A missão sul-coreana, integrada por funcionários da QIA e do Ministério da Agricultura, Alimentos e Assuntos Rurais, da Korea Pork (a associação sul-coreana de produtores de carne suína) e jornalistas, está prevista para ocorrer entre os dias 31 de março e 3 de abril.

O secretário Executivo de Assuntos Internacionais, Carlos Adauto Virmond Vieira, elogiou o trabalho de cobrança realizado pelo embaixador Luiz Fernando Serra junto ao governo da Coreia e destacou que o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento já foi informado das decisões sul-coreanas. “O trabalho do embaixador Serra foi fundamental para vencermos mais essa etapa”, destacou Carlos Adauto.

Missão de SC no Japão

O governador Raimundo Colombo abre, nesta segunda-feira, 6, a missão no Japão com a participação no seminário Oportunidades & Negócios, promovido em Tóquio, resultado de uma parceria da Embaixada do Brasil com a Federação das Indústrias de Santa Catarina (Fiesc). Também estão previstos encontros com órgãos empresariais e do governo japonês.

O governador e comitiva participam, ainda, da Foodex Japan 2017, a maior feira de alimentos e bebidas da Ásia.

A comitiva liderada por Raimundo Colombo conta com o secretário de Estado da Fazenda, Antonio Gavazzoni; o secretário de Assuntos Internacionais (SAI), Carlos Adauto Virmond Vieira; o diretor de economia da SAI, Guilherme Bez Marques; o deputado Gelson Merisio; o ajudante de ordens do governador, coronel Luiz Carlos Vitório; e o diretor de Imprensa da Secretaria da Comunicação (Secom), Claudio Thomas. Da Federação das Indústrias de SC, também participam o presidente Glauco José Corte; o diretor de relações institucionais e industriais, Carlos Henrique Ramos Fonseca; e a coordenadora do Centro Internacional de Negócios, Tatiani Leal. O presidente do Sindicato das Indústrias de Carnes, Ricardo Gouveia, também participa da missão.

Essa é a 14ª missão internacional realizada pelo governador Raimundo Colombo desde 2011, sendo a quarta no atual mandato.

 

Primeira parcela do IPTU vence na quarta-feira

O pagamento parcelado do IPTU 2017 têm primeiro vencimento nesta quarta-feira, 8. Os contribuintes que não quitaram com desconto receberam as guias na segunda quinzena de fevereiro. O documento também pode ser acessado no site www.portoalegre.rs.gov.br/iptu2017, informando a inscrição do imóvel ou o endereço. É importante que o contribuinte pague a primeira parcela na data para manter o benefício de parcelamento sem juros. O não pagamento no vencimento gera multa de até 10%, mais juros de no mínimo 1% ao mês, além da inscrição em dívida ativa.

A segunda via da guia de pagamento aos contribuintes também está disponível aos cidadãos na Loja de Atendimento da Secretaria Municipal da Fazenda (Trav. Mário Cinco Paus, s/nº), das 9h às 16h. Os pagamentos podem ser feitos nos bancos conveniados - Caixa Econômica Federal, Banrisul, Banco do Brasil, Bradesco, Itaú, Citibank, Santander e Sicredi - ou em casas lotéricas, até R$ 1 mil por guia.

Arrecadação – Do total dos valores arrecadados do IPTU, pelo menos 25% são destinados à educação e 15% aplicados em saúde, conforme a Constituição, e o restante é utilizado em serviços prestados pela prefeitura à população. O IPTU é a segunda maior receita própria do Município, e corresponde a 25% da arrecadação própria.

Outras informações podem ser obtidas pelo telefone 156 (opção 4) ou pelo e-mail atendimentofazenda@portoalegre.rs.gov.br. Para chamadas de outras cidades, o contato é (51) 3289-0156.

Cobrança de devedores – A prefeitura irá negativar o crédito de devedores do IPTU e do ISSQN. A licitação para contratação de empresa especializada em serviço de proteção ao crédito com abrangência nacional foi divulgada na sexta-feira, 3. O foco é avançar sobre débitos que permanecem sem negociação de pagamento. A empresa contratada fará a negativação de crédito dos devedores em cadastro nacional, e a contratação permitirá, ainda, consultas cadastrais pela Receita Municipal para localizar os contribuintes inadimplentes, fortalecendo o retorno das ações judiciais de cobrança.

 

Livro traz histórias de vítimas do ex-médico Roger Abdelmassih

São Paulo, SP 03/03/2017 – Lançamento da obra intitulada 'Cicatrizes' será em 7 de março, véspera do Dia Internacional da Mulher, na capital Paulista

Aproveitando a proximidade do Dia Internacional da Mulher – 8 de março – o lançamento do livro ‘Cicatrizes: Histórias de vítimas do ex-médico Roger Abdelmassih’ ocorrerá as 18h30 do dia 7 deste mês, na Livraria Martins Fontes (Av. Paulista, 509), em São Paulo. A obra, uma publicação da Editora Schoba, tem como autoras as jornalistas Caroline Leonardo, Sabrina Trizote, Tarla Prado e Victória Rodrigues, que estarão presentes no evento para autografar os livros.

Mais que um médico, muita gente considerava Roger Abdelmassih como um Deus, pois transformava o maior desejo de muitas mulheres em realidade: ser mãe. Porém, várias pacientes que entraram em sua clínica com um sonho, saíram de lá com um pesadelo. Em 2009, o então poderoso ‘Doutor Vida” ficou conhecido como monstro após ser denunciado por mais de 50 casos de estupro.

‘Cicatrizes – Histórias de vítimas do ex-médico Roger Abdelmassih’ vai além de um relato dos momentos terríveis que cinco mulheres passaram nas mãos do homem considerado o papa da fertilização. É também um testemunho de como elas lidaram com os episódios que mudaram suas vidas por completo.

Abdelmassih aproveitava-se da fragilidade de suas pacientes para cometer atos que vão contra a ética médica e a boa conduta moral. E tudo isso é relatado nesse livro, que nasceu como projeto de conclusão de curso de Jornalismo das autoras, na Faculdade Paulus de Tecnologia e Comunicação (Fapcom). Caroline, Sabrina, Tarla e Victória dedicam essa obra a todas as mulheres que já sofreram algum tipo de violência, seja ela física ou psicológica.

Website: http://editoraschoba.com.br.

 

do Boteco do Ilgo

Empate frustrante para a torcida gremista

Volto de uma folga/pausa de dez dias e me deparo com um Gre-Nal.

Perdi parte do primeiro tempo, mas vi o suficiente para ficar com aquele sentimento de frustração que vi estampado no rosto de cada gremista que foi à Arena DO GRÊMIO.

Era jogo para o Grêmio vencer. Os colorados sabem disso, tanto é que festejaram o empate por 2 a 2 como se fosse uma goleada na casa do adversário.

O Grêmio foi superior a maior parte do tempo. A exceção foi o apagão no início do segundo tempo. Nos dois gols o ataque colorado passeou na área da dupla Kanemann/Geromel. Mas não por culpa deles.

Sou da opinião que uma zaga sem volantes eficientes é como churrasco sem sal grosso.

O técnico Zago percebeu que deveria insistir pelo meio e voltou para o segundo tempo com um time mais ofensivo. A dupla Michel/Jailson se perdeu na movimentação de Nico e Roberson. Sobrou para os dois mega zagueiros do Grêmio, que viram os atacantes entrar de frente com a bola dominada.

Não, não estou crucificando Michel e Jailson. Falta-lhes hoje o entrosamento que faltou também a Wallace e Maicon no começo, o que levou muita gente boa a querer Maicon longe, que custava caro. Maicon por muito tempo foi uma das tantas ‘Genis’ do Grêmio.

Eles vão melhorar com o tempo, mas tenho pra mim que nunca chegarão ao nível da dupla anterior, desfeita com a saída de Wallace.

Mesmo com alguns desfalques, o Grêmio foi bastante superior.

Era claramente um time com postura de série B contra um dono da casa da série A. O Inter entrou para não perder e, evidentemente, especular a vitória, o que nunca é impossível em qualquer situação no futebol, independente das séries das equipes.

Agora, não houve o massacre descrito por Renato.

Tampouco o técnico Zago pode ficar aí achando que já tem um time pronto pra subir.

O Inter, com seu time em formação e com alguns bons jogadores, jogou uma copa do mundo, o que nem sempre se repetirá contra adversários de menor expressão, campos esburacados, iluminação deficiente e rivais determinados a tirar uma casquinha do clube grande.

LIBERTADORES

Mas o que importa é o Grêmio, que tem uma Libertadores pela frente.

O Gre-Nal serviu para avaliar alguns jogadores. Na lateral direita, acho que Edilson segue titular, apesar das atuações relativamente boas de Léo Moura.

Na esquerda, Marcelo Oliveira segue muito instável e inconfiável.

Maicon faz muita falta. Jailson ao seu lado rende mais.

O PGV, Ramiro, é muito titular.

Se Renato optar por dois volantes, sai o Jailson.

Na frente, gostei muito do Lucas Barrios. É um jogador inteligente acima de tudo. Coisa rara para um aipim. Joga centralizado, mas participa bem na armação de jogadas nas imediações da área. Será muito útil na Libertadores.

Pedro Rocha deu o passe para o gol de Bolanos – outra atuação de alto nível -, mas acho que será banco.

Luan, em princípio é titular absoluto, mas não pode repetir o desempenho desse jogo. Parecia distraído, mais preocupado em dar toques em cima dos vermelhos – o que sempre é legal quando dá certo. Mas é ruim quando arma contra-ataques.

GALINHO

O galinho garnizé encontrou um jeito de aparecer, já que sua atuação foi em engodo. Fingiu que armou, fingiu que marcou, fingiu que entrou na área adversário. O que ele fez de melhor foi participar de todas confusões em campo. No final, assumiu que o Inter tem um time de série B numa tentativa ridícula de provocar os gremistas e fortalecer sua imagem perante a torcida, que lhe paga um salário milionário não condizente com o futebol que vem jogando.

VUADEN

Foi pênalti do Paulão em Pedro Rocha. Foi um lance difícil. Vuaden, em cima, não marcou. Até o comentarista Batista viu pênalti.

Paulão foi malandro no lance. Mas vale pra ele o famoso “correu o risco” que usaram para o pênalti de Kannemann, que teve a bola desviando em seu braço involuntariamente. Mas ao se projetar “correu o risco” de ter a bola batendo no braço, dizem os especialistas, que mudam de opinião de acordo com a cor da camisa envolvida.

Nesse lance, não houve mão de Paulão, mas um carrinho que derrubou Pedro Rocha, tirando-lhe a oportunidade de concluir o lance.

Ao dar o carrinho, Paulão “correu o risco” de cometer falta.

Batista sacou a malandragem. Vuaden, não. Não?

3 de março de 2017

O ' LORO' BURRO....

VOLTAIRE PORTO VE A MAGDA NO OUTRO CANAL....É, PELOS COMENTÁRIOS DO REPORTER NO BOM DIA,ATÉ QUE FAZ SENTIDO.....

 

coleguinhas

otto bede e voltaire porto nãos e ' suportam' no bom dia.da guaiba

 

filme

não gostei do filme dos negros este que concorreu ao oscar. PURA PANFLETAGEM.eu não gostei e acho que muita gente ' gostou' sem ter entendido nada...é uma vitimização do negro nos states.
 

MISSA D AIMPOSIÇÃO DAS CINZAS.

TIVE QUE QUEBRAR UNS GAIOS AQUI DE TARDEZINHA - BUROCRATICOS - E ACABEI NÃO INDO A MISSA DA IMPOSIÇÃOD AS CINZAS. MAS GOSTO DESTA CERIMONIA DA 4 DECINZAS. NOS FAZ LEMBRAR O QUE REALMENTE SOMOS....apesar de toda nova santa vaidade....

 

Que tal?

Enviada: 2017/03/02 00:08:37

Que tal? Reflexão profunda ou bobagem superficial? Encontrei o texto abaixo por aí... Parece ser um retrato de quem tem seus 30, 30 e poucos anos, atualmente. Entendi como uma atualização do que os "magros" pensavam nos anos 60/70?

"O cenário é mais ou menos esse: amigo formado em comércio exterior que resolveu largar tudo para trabalhar num hostel em Morro de São Paulo, amigo com cargo fantástico em empresa multinacional que resolveu pedir as contas porque descobriu que só quer fazer hamburger, amiga advogada que jogou escritório, carrão e namoro longo pro alto para voltar a ser estudante, solteira e andar de metrô fora do Brasil, amiga executiva de um grande grupo de empresas que ficou radiante por ser mandada embora dizendo “finalmente vou aprender a surfar”.
Você pode me dizer “ah, mas quero ver quanto tempo eles vão aguentar sem ganhar bem, sem pedir dinheiro para os pais.”. Nada disso. A onda é outra. Venderam o carro, dividem apartamento com mais 3 amigos, abriram mão dos luxos, não ligam de viver com dinheiro contadinho. O que eles não podiam mais aguentar era a infelicidade.
Engraçado pensar que o modelo de sucesso da geração dos nossos avós era uma família bem estruturada. Um bom casamento, filhos bem criados, comida na mesa, lençóis limpinhos. Ainda não havia tanta guerra de ego no trabalho, tantas metas inatingíveis de dinheiro. Pessoa bem sucedida era aquela que tinha uma família que deu certo.
E assim nossos avós criaram os nossos pais: esperando que eles cumprissem essa grande meta de sucesso, que era formar uma família sólida. E claro, deu tudo errado. Nossos pais são a geração do divórcio, das famílias reconstruídas (que são lindas, como a minha, mas que não são nada do que nossos avós esperavam). O modelo de sucesso dos nossos avós não coube na vida dos nossos pais. E todo mundo ficou frustrado.
Então nossos pais encontraram outro modelo de sucesso: a carreira. Trabalharam duro, estudaram, abriram negócios, prestaram concurso, suaram a camisa. Nos deram o melhor que puderam. Consideram-se mais ou menos bem sucedidos por isso: há uma carreira sólida? Há imóveis quitados? Há aplicações no banco? Há reconhecimento no meio de trabalho? Pessoa bem sucedida é aquela que deu certo na carreira.
E assim nossos pais nos criaram: nos dando todos os instrumentos para a nossa formação, para garantir que alcancemos o sucesso profissional. Nos ensinaram a estudar, investir, planejar. Deram todas as ferramentas de estudo e nós obedecemos. Estudamos, passamos nos processos seletivos, ocupamos cargos. E agora? O que está acontecendo?
Uma crise nervosa. Executivos que acham que seriam mais felizes se fossem tenistas. Tenistas que acham que seriam mais felizes se fossem bartenders. Bartenders que acham que seriam mais felizes se fossem professores de futevolei.
Percebemos que o sucesso profissional não nos garante a sensação de missão cumprida. Nem sabemos se queremos sentir que a missão está cumprida. Nem sabemos qual é a missão. Nem sabemos se temos uma missão. Quem somos nós?
Nós valorizamos o amor e a família. Mas já estamos tranquilos quanto a isso. Se casar tudo bem, se separar tudo bem, se decidir não ter filhos tudo bem. O que importa é ser feliz. Nossos pais já quebraram essa para a gente, já romperam com essa imposição. Será que agora nós temos que romper com a imposição da carreira?
Não está na hora de aceitarmos que, se alguém quiser ser CEO de multinacional tudo bem, se quiser trabalhar num café tudo bem, se quiser ser professor de matemática tudo bem, se quiser ser um eterno estudante tudo bem, se quiser fazer brigadeiro para festas tudo bem!
Afinal, qual o modelo de sucesso da nossa geração?
Será que vamos continuar nos iludindo achando que nossa geração também consegue medir sucesso por conta bancária? Ou o sucesso, para nós, está naquela pessoa de rosto corado e de escolhas felizes? Será que sucesso é ter dinheiro sobrando e tempo faltando ou dinheiro curto e cerveja gelada? Apartamento fantástico e colesterol alto ou casinha alugada e horta na janela? Sucesso é filho voltando de transporte escolar da melhor escola da cidade ou é filho que você busca na escolinha do bairro e pára para tomar picolé de uva com ele na padaria?
Parece-me que precisamos aceitar que nosso modelo de sucesso é outro. Talvez uma geração carpe diem. Uma geração de hippies urbanos. Caso contrário não teríamos tanta inveja oculta dos amigos loucos que “jogaram diploma e carreira no lixo”. Talvez- mera hipótese- os loucos sejamos nós, que jogamos tanto tempo, tanta saúde e tanta vida, todo santo dia, na lata de lixo."
(Ruth Manus)

 

Programação do Clube de Cinema para o próximo final de semana

No próximo Sábado (dia 04/03/2017) as 10h15min na Sala Paulo Amorim assistiremos ao filme "Eu não sou seu negro" (I Am Not Your Negro - 2016). O escritor James Baldwin escreveu uma carta para o seu agente sobre o seu mais recente projeto: terminar o livro Remember This House, que relata a vida e morte de alguns dos amigos do escritor, como Medgar Evers, Malcolm X e Martin Luther King Junior. Com sua morte, em 1987, o manuscrito inacabado foi confiado ao diretor Raoul Peck. Baseado em um manuscrito inacabado.
Top 15-Ficou entre os 15 filmes incluídos na lista final do Oscar de melhor documentário em 2017. Foi considerado o melhor documentário pela Associação de Críticos de Cinema de Los Angeles e levou para casa o prêmio de escolha popular do Festival de Toronto 2016. O longa também ganhou um prêmio de reconhecimento criativo da International Documentary Association. A palavra "negro" foi mencionada 78 vezes no filme.

No próximo Domingo (dia 05/03/2017) as 10h15min na Sala Norberto Lubisco assistiremos ao filme "Eu, Olga Hepnarová" (Já, Olga Hepnarová - 2016). Olga Hepnarova é uma jovem, crescida em uma família que nunca a aceitou pelo fato da moça ser homossexual. Atacada e pressionada por todos os lados pela sociedade, Olga começa a isolar-se ainda mais em seu próprio mundo. Alienada e solitária, Olga fará escolhas trágicas que a levarão a cometer atos que marcaram a história. Baseado na história de Olga Hepnarová, que em 10 de julho de 1973 atropelou cerca de 25 pessoas com um caminhão alugado em Praga, Checoslováquia. As vítimas tinham entre 60 e 79 anos, e oito delas faleceram. Antes do assassinato, ela enviou uma carta a dois jornais explicando que realizaria tal ato como uma forma de se vingar do ódio que todos tinham por ela. Olga foi considerada sã e condenada à pena de morte, sendo executada em 12 de março de 1975 na prisão de Pankrác, em Praga. Ela foi a última mulher executada na Tchecoslováquia.

 

Programação da Cinemateca Paulo Amorim - 02 a 08/03/2017

SEGUNDA-FEIRA NÃO HÁ SESSÕES

SALA 1 / PAULO AMORIM

15h30 e 19h30 – EU NÃO SOU SEU NEGRO

(I Am Not Your Negro - EUA/França/Bélgica, 2016, 95min). Documentário de Raoul Peck, com Samuel Jackson. Imovision, 12 anos.

Sinopse: Indicado ao Oscar de melhor documentário, o filme parte de escritos deixados por James Baldwin para refletir sobre momentos cruciais do racismo e intolerância nos Estados Unidos, incluindo os assassinatos de Medgar Evers, Malcolm X e Martin Luther King Jr., os três principais líderes negros da década de 1960. O longa combina imagens jornalística da época e atuais, entrevistas de Baldwin e a narração de Samuel L. Jackson.

 

17h15 – BELOS SONHOS

(Fai Bei Sogni - Itália/França, 2016, 130min). Direção de Marco Bellocchio, com Valerio Mastandrea, Bérénice Bejo, Guido Caprino, Barbara Ronchi. Mares Filmes, 14 anos. Drama.

Sinopse: O filme segue quatro décadas na vida do jornalista Massimo - e também da história da Itália, cenário do longa-metragem. A trama acompanha o protagonista na sua infância, quando precisa conviver com a morte repentina da mãe, e na idade adulta, ao lidar com as alegrias e frustrações do cotidiano. Como em todos os filmes do italiano Marco Bellocchio, as questões religiosas e políticas também marcam esta história, baseada no romance autobiográfico homônimo de Massimo Gramellini.

 

 

 

SALA 2/ EDUARDO HIRTZ

15h – EU, DANIEL BLAKE

(I, Daniel Blake - Reino Unido-França-Bélgica, 100min, 2016). Direção de Ken Loach, com Dave Johns, Hayley Squires, Dylan McKiernan. Imovision, 12 anos. Drama.

Sinopse: O diretor Ken Loach ganhou a Palma de Ouro no Festival de Cannes com mais este drama social, um tema recorrente em sua trajetória. O filme acompanha a saga de um carpinteiro britânico de 59 anos que fica impossibilitado de trabalhar por causa de problemas no coração. Depois de um período afastado, Blake precisa seguir recebendo os benefícios do governo - mas tudo fica mais complicado pelo fato de ele não usar a internet. Durante seu péripl o para vencer as burocracias, ele conhece Katie, a mãe solteira de duas crianças que também não tem condições financeiras para se manter.

 

 

16h45 e 19h – O APARTAMENTO

(Forushande – Irã/França, 2017, 123min). Direção de Asghar Farhadi, com Shahab Hosseini e Rana Taraneh Alidoosti. Pandora Filmes, 14 anos. Drama.

 

Sinopse: Emad e Rana são casados e vivem em Teerã, onde participam de um grupo de teatro amador. Por conta de um problema estrutural no prédio onde moram, eles aceitam a oferta para viver no apartamento de um amigo – sem saber que, antes, a locatária era uma garota de programa. Ao mesmo tempo em que enfrentam os contratempos da nova vida, o casal ensaia a peça “A Morte do Caixeiro Viajante”, do norte-americano Arthur Miller. O longa foi um dos cinco indicados ao Oscar de melhor filme estrangeiro – o diretor Asghar Farhadi já conquistou este prêmio em 2012, com “A Separação”.

 

 

 

SALA 3 / NORBERTO LUBISCO

 

15h15 e 19h15 – EU, OLGA HEPNAROVÁ

( Já, Olga Hepnarová - República Tcheca/Polônia/ Eslováquia/França, 105min, 2016). Direção de Tomás Weinreb e Petr Kazda, com Michalina Olszanska, Martin Pechlat, Klara Meliskova. Supo Mungam Filmes, 16 anos. Drama.

 

Sinopse: A jovem Olga Hepnarová carrega uma marca dolorosa: ela foi a última mulher a ser executada na Tchecoslováquia, nos anos 1970. Sua condenação foi pelo atropelamento de oito pessoas, quando tinha apenas 22 anos. O filme, todo em preto e branco, se dedica a contar a história de Olga, que cresceu em uma família conservadora, era lésbica e jamais conseguiu se adequar ao meio em que vivia.

 

17h15 – REDEMOINHO

(Brasil, 2017, 100min). Direção de José Villamarim, com Irandhir Santos, Julio Andrade, Cássia Kiss, Dira Paes. Vitrine Filmes, 14 anos. Drama.

 

Sinopse: Luzimar e Gildo são amigos de infância que se reencontram depois de muitos anos. Eles cresceram juntos em Cataguases, interior de Minas Gerais, e Luzimar nunca saiu da cidade. Gildo foi morar em São Paulo e acredita que se tornou um homem mais bem sucedido. Neste reencontro, eles mergulham em boas lembranças mas precisam, também, acertar as contas com o passado.

 

Informativo do Perondi

Informativo do Perondi, edição de março de 2017, com um resumo das principais notícias e registros sobre a atuação do parlamentar no mês de fevereiro de 2017.

Clique aqui para ler: http://gabplus.com.br/link.php?M=2060953&N=742&L=563&F=H

Nesta edição:

- Governo comemora início de reformas que pareciam impossíveis;
- Previdência: cursos para deputados e workshop para jornalistas;
- Maurício Macri no Brasil;
- Presidente da Câmara, Rodrigo Maia, apoia reformas;
- Reforma da Previdência em imagens;
- Prefeitos gaúchos apresentam reivindicações em Brasília;
- Saques de contas inativas do FGTS;
- Santo Ângelo faz pedidos e convida Michel Temer para a Fenamilho;
- Chineses e ingleses dispostos a investir mais no Brasil;
- Certificação do aeroporto de Santo Ângelo avança;
- Sancionada reforma do Ensino Médio.

2 de março de 2017

DEMISSÕES...NA PMPA

NO CASO DE CCS DA PMPA, HÁ CASOS QUE SEGUNDO POLIBIO BRAGA ERAM CC HÁ 12 ANOS. ELE CITA O NOME. NÃO VOU CITAR. MAS RECLAMAR DESTA DEMISSÃO. A PESSOA ERA CU E CALÇA DO PROJETO ANTERIOR. PORQUE IRIA FICAR???NÃO ENTENDO A CRITICA DO COLEGA BLOGUEIRO POLIBIO ADOLFO CONTRA ESTAS DEMISSÕES. ASSIM ELE PERDE A CREDIBILDIADE.

 

TARDE EM ITAPUA

PASSEI A TARDE NO TAMBO DA MARIONI E DO ZÉ.TROUXE 3 LITRON DE LEITE RECEM TIRADO DOUBERE DA VACA. E AS VACAS CHAMAM O ZÉ DE NOITINHA PQ QUEREM SER ORDENHADAS. FAZIA CALORON. FOMOS TOMAR XIMAS NA PRAIA DO PASSARINHO. TRI LEGAL.


PRAIA DO PASSARINHO, ITAPUA, TERÇA DE CARNAVAL


O FIM DA TERÇA DE KARNAVAL NA PRAIA DO PASSARINHO, ITAPUA


O ALAMBIQUES, NA VARZINHA, ITAPUA


sab ultimo praia das pombas,itapua....viamão.


na tarde de itapuã, a hora DA MELANCIA....


as ' molher ' ficam tostando. tarde dde saba em itapua, praia das pombas.


na 3 de karnaval, o povo aguarda o busun no terminal leonardo truda.

 

Quarta-feira de cinzas

DEI UMA VOLTA PELO CENTRO NESTA 4 DEMANHÃ. TUDO FECHADO.URGS,CENTRO. SO FUNCIONOU MESMO A RODOVIÁRIA. E BEM.SEM ROLOS.

 

COLEGUINHAS

ROBERTO TAVARES, EX GUAIBA, PRECISA DE AUXILIO DE OXIGENIO PRA RESPIRAR.

 

Obituário

NUNCA OI HABLAR, PERO, QUIEM SOY YO???(oc)

Enviada: 2017/03/01 09:05:40

 

ameaças

sim lauro, ele me contou que em 2 x ele quase foi morto. e os MONTONEROS, OU GENTE DO ERP MANDOU UMA SEGURANÇA PRA ELE QUE ERA FODA. O CARA TINHA ASSALTADO BANCOS,SEQUESTRADO E TAVA TODO MUTILADO. MAS ERA DE UMA CORAGEM IMPRESSIOANTE. EESTE CARA MANDOU UM RECADO AOS POSSIVEIS MAL FEITORES DO JAIR QUE ELES SI MANDARAM(oc)

Enviada: 2017/03/01 07:55:55

Tu já me falou q ele havia sofrido outras ameaças tempos atrás, mas tinham outra origem

 

Tirinha do Rekern

 

JORNAL A RAZÃO

INFELIZMENTE JÁ TEVE.IA FAZER 83 ANOS.

De: EDUARDO LEITE LEAL
Data: 27/02/2017 04h26min08s UTC

Bom dia, Olides Canton.
O jornal A Razão, de Santa Maria, terá a circulação interrompida. A informação é de Claudemir Pereira.
Att.
EDUARDO L. LEAL _ P. ALEGRE/RS

 

do Miron Neto

Consumo de água em Gramado cresce 8% a cada ano

Os números do consumo de água em Gramado nos últimos anos indicam um crescimento em padrões chineses. Em média, o consumo cresce a uma taxa de 8% ao ano, o que explica - em parte, o problema da falta de água que iniciou em novembro do ano passado e persiste até hoje em alguns bairros da cidade. O problema só não é maior em função de crise econômica, que faz com que as famílias procurem economizar de todas as formas. Uma comparação entre dezembro de 2015 e dezembro de 2014 mostra que houve um decréscimo no consumo de água em Gramado.

 

da Folha Popular de Teutônia

 

Santos Romão e Lupicino - Irmãos peregrinos

Santos Romão e Lupiciano - Irmãos peregrinosSantos Romão e Lupicino, fundaram mosteiro baseado nas regras de São Pacômio, São Basílio e Cassiano
São Romão entrou para a vida religiosa com 35 anos, na França, onde nasceram os dois santos de hoje. Ele foi discernindo sua vocação, que o deixava inquieto, apesar de já estar na vida religiosa. Ao tomar as constituições de Cassiano e também o testemunho dos Padres do deserto, deixou o convento e foi peregrinar, procurando o lugar onde Deus o queria vivendo.
Indo para o Leste, encontrou uma natureza distante de todos e percebeu que Deus o queria ali.
Vivia os trabalhos manuais, a oração e a leitura, até o seu irmão Lupicino, então viúvo, se unir a ele. Fundaram então um novo Mosteiro, que se baseava nas regras de São Pacômio, São Basílio e Cassiano.
Romão tinha um temperamento e caminhada espiritual onde com facilidade era dado à misericórdia, à compreensão e tolerância. Lupicino era justiça e intolerância. Nas diferenças, os irmãos se completavam, e ajudavam aos irmãos da comunidade, que a santidade se dá nessa conjugação: amor, justiça, misericórdia, verdade, inspiração, transpiração, severidade, compreensão. Eles eram iguais na busca da santidade.
O Bispo Santo Hilário ordenou Romão, que faleceu em 463. E em 480 vai para a glória São Lupicino.
Santos Romão e Lupicino, rogai por nós!
São Serapião, Bispo e Mártir
Serapião foi um grande monge e bispo de Thmuis, no Egito. Temos poucas informações sobre ele, mas sabemos que estudou na escola catequética de Alexandria. Aí conheceu Santo Antão, de quem se fez discípulo e de quem herdou uma túnica de pelo. São Serapião também foi grande amigo de Atanásio e lutou contra o arianismo.
Quando recebeu a indicação para tornar-se bispo, São Serapião mostrou-se um pouco triste em ter que abandonar a vida monástica. Para ele a vida de perfeição cristã era a vida do monge.
O santo que hoje comemoramos escreveu muitos livros e cartas pastorais. Quando Atanásio foi preso, Serapião foi até o imperador Constâncio II interceder pelo amigo, mas o grupo dos defensores da heresia ariana conseguiram derrubar Serapião e martirizá-lo em 370 no Egito.
O historiador Eusébio de Cesaréia registra seu martírio, com as seguintes palavras: "Preso Serapião em sua casa, foram-lhe infligidas cruéis torturas. Desfizeram-lhe todas as juntas dos membros e o precipitaram do andar de cima da casa, de cabeça para baixo".
REFLEXÃO: O mártir é a testemunha mais genuína da verdade da existência. Ele sabe que, no seu encontro com Jesus Cristo, alcançou a verdade a respeito da sua vida, e nada nem ninguém poderá jamais arrancar-lhe esta certeza. Nem o sofrimento, nem a morte violenta poderão fazê-lo retroceder da adesão à verdade que descobriu no encontro com Cristo.
ORAÇÃO: Querido Deus, mais uma vez celebramos a vida de um mártir. Ajudai-nos a seguir o exemplo da vida de São Serapião e buscar em primeiro lugar a Verdade, que vem do seu Filho Jesus. Que nossa vida seja testemunha do amor que e vivamos a vocação de ser sal da terra e luz do mundo. Por Cristo nosso Senhor. Amém!
São Serapião, rogai por nós!

 

Sistema de Gestão de Obras garante maior transparência nas ações da SOP

A excelência na prestação de serviços, no acompanhamento e na fiscalização de obras públicas no estado do Rio Grande do Sul, tem sido uma das principais prioridades do Governo do Estado.

Diante da necessidade de implementar novas ferramentas de gestão pública, a Secretaria Estadual de Obras, Saneamento e Habitação vem desenvolvendo e aprimorando o Sistema de Gestão de Obras (SGO), uma importante ferramenta desenvolvida em parceria com a Companhia de Processamento de Dados do Rio Grande do Sul - PROCERGS.

O SGO tem como principal objetivo dinamizar as ações desenvolvidas pelas secretarias, na tramitação e acompanhamento dos projetos e obras no Estado, de forma ampla e rápida, diminuindo os trâmites e demandas que atualmente chegam à Secretaria, sem que estejam nas devidas condições de execução. As demandas inseridas no sistema devem apresentar as dotações orçamentárias e outras informações mínimas estabelecidas para a execução do projeto e obra. Desta forma, permitindo a otimização dos recursos human os da Secretaria de Obras alocados no atendimento das demandas que efetivamente tem condições de execução.

A partir do entendimento de sua importância, o governo definiu o sistema como um projeto estratégico e foi designado um Gerente, o arquiteto Odir Baccarin. No início de 2016, foi montada uma equipe de servidores da SOP focada exclusivamente no desenvolvimento e aprimoramento do sistema.

A partir de fevereiro de 2017, todas as demandas de Autonomia Financeira e de obras planejadas (não emergenciais) oriundas da Secretaria de Educação passam a ser gerenciadas pelo sistema, que já atendia suas obras emergenciais desde 2013.

O Secretário Estadual de Obras, Saneamento e Habitação, Gerson Burmann, destacou a importância do sistema para o desenvolvimento do estado. “O poder público tem a obrigação e a necessidade de buscar novas ferramentas para qualificar e tornar ágil os serviços desenvolvidos à sociedade. O SGO é um dos carros chefes dessa nova visão de eficiência do governo, um sistema que possibilita o acompanhamento das Obras Públicas no estado, maximizando as ações e oportunizando a troca de informações entre os órgãos da administração pública”, destacou o secretário.

O Gerente do Projeto SGO, arq. Odir Baccarin avalia a importância do sistema para a eficiência do serviço público. “O sistema foi desenvolvido para automatizar o processo de gerenciamento e acompanhamento dos serviços e projetos realizados pela secretaria. O surgimento de novas ferramentas na administração pública é essencial para a prestação de serviços de excelência. O Sistema de Gestão de Obras vem sendo aprimorado gradativamente, tornando-se uma importante ferramenta para o desenvolvimento das ações e controle da eficiência pública”, destacou o gerente.< /font>

Após a implementação do módulo de obras emergenciais do sistema notou-se uma significativa economia de recursos financeiros nos projetos e ações desenvolvidas pelo Governo do Estado, tornando o planejamento e a execução das ações eficientes e menos oneroso ao erário público.

O projeto SGO é desenvolvido em parceria com a PROCERGS, contando com o gerenciamento da Secretaria de Obras e a participação da Contadoria e Auditoria-Geral do Estado - CAGE e da Secretaria Estadual de Educação.

A coordenação do Grupo de Trabalho que acompanha o desenvolvimento e implantação do Sistema é da CAGE, através de seu servidor Vitor Grassi. O Projeto Estratégico da SOP tem como Gerente o arquiteto Odir Baccarin e como Consultor Técnico o Eng. Ricardo Todeschini. A Equipe de Desenvolvimento, Implantação e Manutenção do sistema é formada pelos arquitetos Felipe Reck, Paula de Moraes Lopes e Vinícius Piccini. A equipe é responsável pela interação com a PROCERGS, definindo e detalhando as regras de negócio e as funcionalidades que são implementadas no sistema, além de realizar capacitação dos servidores da SOP e permanente suporte aos usuários.

Em 2017, após o projeto-piloto na Secretaria de Educação, o sistema será adaptado para permitir a gradativa implantação nas Secretarias de Segurança Pública, Saúde e Agricultura, e posteriormente demais órgãos da Administração Direta.

 

de serafina



No facebook, o Bico Branco está bombando:

 

 
 
 
 

ARQUIVO
 
2007
           
 Set
 Out
2008
2009
2010
2011
2012
2013
2014

Abr01
Abr02

2015
Mar01
Mar02
Dez01
Dez
2016 Jan01
Jan02
Fev01
Fev02
Mar01
Mar02
Abr01
Abr02
Mai01
Mai02
Jun01
Jun02
Jul01
Jul02
Ago01
Ago02
Set Out01 Nov Dez
2017
Mar
Abr
Mai
Jun
Jul
Ago
Set
Out
Nov
Dez

 

 

 

 

 

 

 



OLIDES CANTON - JORNALISTA

Nascido em 16 de Janeiro de 1952 na cidade de Serafina Corrêa-RS, Olides Canton passou nesta cidade toda a sua infância. Mudando-se para Porto Alegre, cursou a Escola Julio de Castilhos, tornando-se Bacharel em Comunicação Social pela FABICO/UFRGS em 1982. Trabalha como Jornalista desde 1970. Trabalhou na Companhia Jornalística Caldas Júnior, Jornal Zero Hora. No Jornal do Brasil e Revista Carga e Transporte atuou como free-lancer. Editor do Jornal de Bordo e Revista Fitness. Possui 9 livros publicados. Ganhou quatro prêmios de Jornalismo, um do Badesul, dois do Setcergs e um da ARI. Registro no Sindicato dos Jornalistas RS: 2776 - Registro Jornalista - Mtb 4959.

Telefone: (51) 3330-6803
e-mail: contato@deolhoseouvidos.com.br

Autor de inúmeros livros, Olides Canton firmou-se como um
exímio contador de histórias contemporâneas.
Conheça agora as obras do autor © "de Olhos e Ouvidos"  -  Todos os direitos reservados
Os textos e imagens publicados neste site são de inteira responsabilidade de Olides Canton.


EDIÇÕES DO FITNESS

Edição 203 - março 2017
Edição 204 - fevereiro 2017
Edição 203 - janeiro 2017
Edição 202 - dezembro 2016
Edição 201 - novembro 2016
Edição 200 - outubro 2016
Edição 20 - agosto 2016
Edição 19 - julho 2016
Edição 187 - maio 2016
Edição 186 - abril 2016
Edição 185 - fevereiro 2016
Edição 184 - janeiro 2016
Edição 183 - outubro 2015
Edição 182 - setembro 2015
Edição 181 - agosto 2015
Edição 180 - julho 2015

Edição 179 - maio 2015
Edição 178 - março 2015
Edição 177 - feverero 2015

Edição 176 - janeiro 2015
Edição 175 - dezembro 2014
Edição 174 - novembro 2014
Edição 173 - outubro 2014
Edição 172 - agosto 2014
Edição 171 - junho 2014
Edição 170 - maio 2014
Edição 169 - março 2014
Edição 168 - janerio 2014
Edição 167
Edição 166
Edição 165
Edição 164
Edição 163
Edição 162
Edição 161
Edição 160
Edição 159
Edição 158
Edição 157
Edição 156
Edição 155
Edição 154
Edição 153
Edição 152
Edição 151
Edição 150
Edição 149

Edição148
Edição 147
Edição146
Edição145
Edição144
Edição143
Edição 142
Edição 141
Edição 140
Edição 139
Edição 138
Edição 137
Edição136
Edição135
Edição134
Edição 133
Edição132
Edição 131
Edição 130
Edição129
Edição128
Edição127
Edição 126
Edição125
Edição 124
Edição 123
Edição 122
Edição 121
Edição 120
Edição 119
Edição 118
Edição 117
Edição 116
Edição 115
Edição 114
Edição 113
Edição 112
Edição 111
Edição 110
Edição 109
Edição 108
Edição 107
Edição 106
Edição 105
Edição 104
Edição 103
Edição 102
Edição 101
Edição 100
Edição 99

ANUNCIE NO SITE

Entre em contato conosco

Edições Anteriores do Blog