' TU AVACALHAS AS PESSOAS' AFFONSO RITTER




5 de dezembro de 2016

BRASIL

OS AMARELINHOS VOLTARAM PRA RUA? O QUE QUEREM AGORA O PAPAI NOEL GORDO???

 

de sb

ele não

no calor da campanha passada, um ' mui amigo' queria botar o DEP LUIS CARLOS HEINZE ENCIMA DO CAMINHÃO DO BONOTTO QUE IA PRAS VILAS - ELE NÃO, ELE NÃO DISSERAM.

NA PAREDE DA CASA DO HEINZE TEM UM ENORME GRIFO. LAVA JATO

FOFOQUEIRAS

N EXISTE CIDADE MAIS FOFOQUEIRA QUE SÃOP BORJA. SO URUGUAIANA.DEVE SER O ISOLAMENTO. TODO MUNDO CUIDA DA VIDA DO OUTRO. SE O CARA DÁ UM PEIDO TODO MUNDO JÁ SABE

DECO ALMEIDA PEDIU AS CONTAS NA RADIO CULTURA E NA PREFA.VAI MANTER A COLUNA SOCIAL NA FSB

LANÇO AQUI O PRATO FINO PRA SEC DE IMPRENSA. É O MELHOR REPORTER DA FRONTEIRA OESTE.

MEMORIAL DO BRIZA VAI PRAS CALENDAS. BONOTTO NEM QUER OUVIR FALAR NESTE NOME

farelo mandou tudo a la cria. fez uma LIMPA NA PREFA.

MAS TINHA TANTO CC ASSIM LÁ QUE AGORA PARECE VAZIO!!!!!!!!!!!!!!!!111

Poema

Meu pranto pela Chapecoense!

por Adeli Sell

Para sinalizar a cidade onde me criei – Cunha Porã – apesar de ter
nascido em Palhoça, sempre digo “perto de Chapecó”.

Na primeira vez que fui a Chapecó era também a primeira vez que peguei
um ônibus na vida, e o que me inebriou foi sua Igreja-Catedral.

Apesar de desde Cunha Porã ser torcedor do Grêmio, lá os GreNais são
como aqui, ouvidos na época pela Rádio, hoje direto pela TV. Nem havia
a Chapecoense na época.

Como não sou mais fanático por futebol, digo brincando que sou da
Chapecoense, para lembrar que sou catarinense adotado por esta
magnífica Porto Alegre.

Doutras, digo que sou do Zequinha.

Hoje, vendo cedinho a TV não deu para segurar....Por isso, cheio de
atividades na política, na defesa de nossa Porto Alegre para as
pessoas, tendo que estudar para as provas de segunda e terça, não me
contive para desligar logo a TV e me virar.

E tenho que, antes de mais nada, escrever algumas linhas sobre este
triste fim de tantas pessoas, num momento grandioso de suas vidas.

Me lembrei de uma aula da Letras da UFRGS quando estudamos John Keats
e sua Ode a uma Urna Grega, onde Keats fala de tantas coisas a partir
de um desenho numa urna, onde o jovem nunca vai alcançar os lábios ou
o corpo de sua amada.

Lembrei-me dos jogadores que jamais pisarão o tapete do Estádio de
Medelin, de todos daquele avião, carregado com os significados do nome
LAMIA, que nunca vão pousar.

Mas as velas acesas naquele estádio na noite do jogo que nunca haverá
de ser jogado, vendo a solidariedade do povo colombiano, das falas de
tantos e tantos pelo mundo afora, me dei conta que o lindo canto de
Keats virou pranto para mim, mas um pranto libertador, um pranto de
chegada que os 71 mortos não tiveram e não terão, pois a vida continua
em mim, para beijar minha esposa, ligar para minha mãe e minha irmã em
Cascavel, para ter esse dia de dor de tantas famílias, mas um dia, sim
mais um dia para viver e fazer a cosia certa por aqui.

Choro pela Chapecoense, seus filhos, seus mortos, mas também pelas
que ficam com sua dor desmedida.

Afinal, um poema é apenas um poema. E uma vida é algo que não se sabe
descrever até hoje.

 

AARS ENTREGA TROFÉU HOMEM DO AÇO 2016

A Associação do Aço do Rio Grande do Sul – AARS – realizou nesta quinta-feira (1º/12/2016) a solenidade de entrega do troféu “Homem do Aço 2016” à empresa Brasilata Embalagens Metálicas S.A. O evento, que contou com a presença do governador José Ivo Sartori, foi realizado às 20h, no Salão de Convenções do Centro Empresarial do DNA do Aço – Av. Severo Dullius, 2125, em Porto Alegre. Representando a empresa, recebeu o troféu o seu diretor superintendente, Tiago Heleno Forte.
A Brasilata atua desde 1955 na fabricação de embalagens metálicas para aerossóis, alimentos, tintas, produtos químicos e rolhas metálicas. Com sede em São Paulo, também possui unidades industriais em Estrela (RS), Rio Verde (GO) e Recife (PE).
Segundo explicou o presidente da Associação do Aço, José Antonio Fernandes Martins a escolha foi feita por uma comissão especial integrada por representantes da Diretoria Executiva da entidade, indústrias, distribuidores e usinas associadas, bem como da área governamental e imprensa.
O troféu “Homem do Aço” vem sendo conferido anualmente desde 1975 pela AARS com o objetivo de destacar a contribuição de empresários e empresas para o fortalecimento da cadeia produtiva do setor metalmecânico e o desenvolvimento econômico e social gaúcho e do País.

 

ÉTICA E COMPLIANCE NA CONSTRUÇÃO CIVIL É TEMA DE SEMINÁRIO NO SINDUSCON-RS

O fortalecimento dos mecanismos de controle interno e a modernização dos marcos regulatórios de gestão para entidades e empresas da construção civil são temas centrais do seminário “Ética & Compliance para uma Gestão Eficaz”, que vai disseminar as ferramentas disponíveis para fortalecer mecanismos internos de controle, assim como indicar normas de conduta que tornem mais difícil a prática de desvios. Em Porto Alegre, com realização do Sindicato das Indústrias da Construção Civil do Rio Grande do Sul (Sinduscon-RS) e promoção da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC) e do Serviço Social da Indústria (Sesi Nacional), o evento será realizado no dia 6 de dezembro, na sede do Sindicato (Av. Augusto Meyer, 146), das 8h30min às 12h30min.
Durante o encontro no Sinduscon - RS, Gesner Oliveira, consultor da G.O Associados e Leonardo Barreto, cientista político, dois dos especialistas responsáveis pela formulação de parte dos documentos do Guia de Ética e Compliance para lnstituições e Empresas da Construção Civil apresentarão as linhas gerais do tema. O procurador-Geral de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul, Marcelo Lemos, é o convidado a abrir o seminário, cujo painel central intitula-se “Ética e Compliance na Construção”. O segundo palestrante é o diretor de Integridade, Acordos e Cooperação Internacional, da Secretaria de Transparência e Prevenção da Corrupção (STPC), do Ministério da Transpar& ecirc;ncia, Fiscalização e Controladoria Geral da União, Renato Capanema. O programa de Compliance desenvolvido pela Siemens AG é o estudo de caso exitoso que será apresentado pelo consultor da Siemens, Lino Sidney.

Guia de Ética & Compliance da Construção Civil

A CBIC também apresentará e distribuirá aos participantes do evento o Guia de Ética & Compliance da Construção Civil, formado por documentos que trazem as mais atuais premissas e ações de compliance, alinhadas a padrões internacionais, que servirão de referência e sugestão para as empresas atuantes no setor. Esse ferramental é inédito e inclui um guia referencial de ética; um guia de compliance e representação política – incluindo a Lei Anticorrupção comentada; um código de conduta concorrencial para a construção civil; e um manual de avaliação de risco de corrupção nas empresas. Outro documento aponta 12 ações consagradas no relacionament o com o poder público que podem estimular a prática de desvios e cuja correção tem sido defendida pelo setor. O guia está disponível também em meio digital.

 

Enfim um bom nome para comandar a Fiergs



A meu ver, o Petry já devia ter sido indicado há mais tempo. Mas preferiram um anodino. Agora a coisa vai! Em tempo, é primo do Porcello jornalista.(Laurinho da Venâncio)

 

de uruguaiana

dos médicos cubanos

De: Fernando Alves
Data: 02/12/2016 15h56min02s UTC

Só te aviso que, dos cubanos do Mais Médicos, o do Plano Alto foi embora. Parece que adoeceu feio. E uma das outras duas fugiu pra Miami - abandonando uma legião de apaixonados aqui. A outra, não sei, mas descubro, se vieres.

Abraço,

Fernando Alves.

 

dos leitores

De: "naira sanes"
Enviada: 2016/12/02 08:58:08



Teodora ns praça !

 

oi,olides: boteco

De: anneschne
Enviada: 2016/12/01 23:34:15

Oi,Olides. Nem vou perguntar se tudo bem pq a paulada da Chape foi forte e abalou a todos .Esse próximo domingo,(04/12) não vou tocar pq a gurizada do Dohms é que vai fazer o culto.Uma pena que decidiram isso pq já estava preparando músicas para a época.Enfim...tenho uma folga. Aqui vai o Boteco do Ilgo.
Abç,Anne.

Imagem do Inter cada vez mais enxovalhada

Por entender que não há mais clima para jogar futebol neste ano, o presidente Vitório Pifero junta-se ao vice-presidente com plenos poderes no futebol, Fernando Carvalho, para virar alvo da mídia nacional.

Não, não me venham com essa de grenalização. Até o jornal Olé publicou a infeliz declaração de FC, que ecoou em outros lugares do planeta. E não poderia ser de outra forma. A retratação veio, mas era tarde, o estrago na imagem do Inter não tem mais volta.

Alguém escreveu:

Há quatro coisas que não voltam atrás:
a pedra, depois de solta da mão;
a palavra, depois de proferida;
a ocasião, depois de perdida;
e o tempo, depois de passado.

Pois Píffero está tentando superar o companheiro. Essa de reunir os jogadores, levando-os perante a imprensa, e afirmar que não é possível continuar o campeonato depois da tragédia de Chapecó é de um oportunismo vergonhoso. Talvez só os colorados mais fanáticos não sintam vergonha de ter uma direção tão patética.

O comentarista PVC, logo após a coletiva infeliz do presidente colorado, disse que concorda com a ideia desde que a tabela de classificação fique como está, ou seja, com o Inter rebaixado. Ah, mas isso o dirigente não aceita.

Piffero quer moleza às custas da maior tragédia do futebol mundial.

Piffero não disse, mas está claro que a proposta tem em seu bojo o não rebaixamento de clube algum, uma tese nojenta que anda circulando na imprensa gaúcha, a única aliás que a todo instante levanta uma jogada para salvar o Inter do atoleiro, enquanto a imagem do clube afunda cada vez mais. Não por culpa de sua torcida, boa parte dela revoltada com os últimos movimentos de seus cartolas desesperados.

É profundamente lamentável e deplorável tentar tirar proveito da dor alheia.

Se o povo colombiano nos deu esperança de que a humanidade ainda tem salvação com a homenagem às vítimas do desastre, essa dupla indica que realmente o mundo está perdido.

Ser rebaixado numa competição é ruim, mas é do jogo. Todos estão sujeitos a isso, inclusive os ‘clubes grandes’.

Ser rebaixado não é bom. Agora, ser rebaixado atirando para tudo que é lado pisoteando a ética, a dignidade e violentando o fairplay esportivo, isso é revoltante.

Tudo isso que a dupla colorada está fazendo respinga no futebol gaúcho, no Rio Grande do Sul.

TAPETÃO

Como se não bastasse, o clube recorre ao tribunal. E é sobre um jogador ‘mal inscrito’ do Vitória. Coisa superada.

Mas confirma o que escrevi no dia 20 de novembro aqui sob o título “O medo jogador ‘mal inscrito”.

Como diz o nosso amigo RW, eles são previsíveis.

MAURÍCIO

Parabéns ao posicionamento de Maurício Saraiva, na rádio Gaúcha, após o pronunciamento de VF, que ele classificou de:

Oportunista. E repetiu a palavra mais duas vezes pelo menos.

IMPRENSA

Realmente, não há condições de jogo neste momento.

Agora, a vida continua.

Todos têm seus compromissos. com dor no peito, lágrimas que insistem em escorrer, saudade, tristeza tão profunda que machuca.

Tudo isso é muito triste.

Mas se o pessoal da imprensa está trabalhando desde o primeiro minuto, apesar das perdas de colegas e amigos, por que os jogadores não podem jogar dez ou doze dias depois?

 

do Miron Neto

SindTur faz campanha para arrecadar brinquedos

O SindTur, entidade que representa os empresários da hotelaria e do turismo, está realizando a primeira edição do Natal Solidário, que busca arrecadar brinquedos para crianças carentes de Canela. As doações poderão ser feitas por toda a comunidade na sede do sindicato, na avenida das Hortênsias, 5041, até dia 15 de Dezembro. O SindTur também se coloca à disposição para buscar os brinquedos em locais específicos, bastando agendar pelo fone 3286.1418.
As doações serão realizadas por um Papai Noel na Escola de Ensino Fundamental João Alfredo, Escola de Educação Infantil Diva Pedroso da Cunha, Escola de Educação Infantil Jardim das Hortênsias, Vila Boeira, Vila Irma, bairro São Lucas e bairro Chacrão.

 

Trem parado, locomotivas travadas em 2017

Difundiu-se a ideia de que, superada a crise política, a economia voltaria a crescer, devido à melhora no nível de confiança dos agentes econômicos. Esperava-se que a fada da confiança atuasse. Contudo, o trem da economia continua parado ou em marcha à ré. O motor das locomotivas permanece desligado e o freio-de-mão, puxado. Não há fada que mova o trem!

Já são seis trimestres em recessão e o terceiro e o quarto trimestre de 2016 também serão negativos, carregando muitos problemas para o ano que vem.

Quais são as locomotivas da economia? Para o empresariado produzir e investir, aumentando e melhorando a capacidade de produção, é necessário haver demanda, quer dizer, certeza de que o produto ou serviço encontrará comprador. A demanda tira a fada do mundo fantástico e a torna real e objetiva.

Quem garante a demanda? O mercado interno e/ou as exportações, ou seja, o mercado interno de outros países. E o mercado interno é formado pela capacidade de compra das famílias, em grande parte determinada pelo emprego, pelos salários e crédito. Há dois anos são destruídos em média 100 mil empregos por mês no Brasil e os salários vêm sendo arrochados. Já são mais de 12 milhões de desempregados ou quase 20 milhões, se incluído o desemprego pelo trabalho precário. O medo do desemprego reduz o consumo de quem ainda tem salário, os desempregados sofrem com o endividamento e os juros extorsivos. Ao travar o consumo das famílias, bloqueiam-se quase dois terços da demanda interna.

As empresas reduzem a produção e consomem menos insumos. Também deixam de investir para ampliar a capacidade de produção, não demandando novas máquinas, construção ou novas contratações. Sem giro dinâmico nas vendas, o lucro cai, os resultados se tornam negativos e a capacidade de sustentar os empregos e pagar empréstimos diminui. As empresas atrasam pagamentos, demitem e deixam de pagar os impostos e, como as famílias, são estorcidas pelos juros bancários.

Com queda da atividade econômica, geram-se menos impostos e quem deve não tem capacidade de pagá-los. A capacidade fiscal do Estado é comprometida. Os cortes de gastos e salários agravam a queda da demanda, pois o governo reduz o consumo, a renda dos servidores públicos e das famílias, além de diminuir a demanda para as empresas.

O mercado externo era o alento. A desvalorização cambial havia aberto a porta da exportação de manufaturados e dado melhores condições competitivas para as empresas nacionais concorrerem no país com os produtos importados. Vários setores industriais estavam lentamente ganhando tração. De maneira equivocada, a política macroeconômica novamente deixa o câmbio valorizar, fechando a pequena porta que se abria. Além disso, sobram vendedores em todos os países, à procura do mercado interno de outros, inclusive do nosso. Há poucos compradores.

Em 2016, o PIB deve cair em torno de -3,5%. Se em 2017 o crescimento for nulo, já será um resultado razoável. Desemprego aumentando em menor intensidade, salário em queda, empresas fechando e redução da receita fiscal. Nada que indique retomada da demanda interna, com a porta externa fechada.

A solução indicada pelo governo será: (a) colocar o país à venda - empresas privadas e públicas, ativos naturais e serviços públicos -, especialmente para o capital internacional, disposto a encontrar ativos baratos e com boa perspectiva de rentabilidade futura e; (b) fazer um brutal ajuste do tamanho do Estado.

Essa solução destruirá a capacidade do país de sustentar o desenvolvimento econômico soberano, condição para uma integração internacional virtuosa.

Tempos dificílimos nos esperam para 2017! Tempo ruim. Trem travado.

*Clemente Ganz Lúcio é Sociólogo, diretor técnico do DIEESE, membro do CDES – Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social e do Grupo Reindustrialização

 

Medidas para conter a crise do Estado são pauta de encontro da JPMDB-RS

Será neste sábado e domingo, dias 3 e 4 de dezembro, em Tramandaí, no Grêmio Esportivo Geraldo Santana (Rua Marquês do Herval, 1732), a 13ª edição do Acampamento da Juventude do PMDB-RS.

O núcleo – que há exatamente um ano entregou documento ao governador José Ivo Sartori pedindo a reestruturação do Estado –, terá como uma das principais pautas as medidas de modernização apresentadas recentemente pelo Piratini.

"Além de avaliarmos as medidas que serão votadas pela Assembleia Legislativa, iremos pedir aos nossos jovens que sejam portadores e esclarecedores destas informações para a sociedade gaúcha”, esclarece o presidente da JPMDB-RS, Beto Fantinel.

Também integram a pauta do 13ª Acampamento a avaliação das eleições municipais. A JPMDB elegeu 7 prefeitos, 7 vice-prefeitos e 193 vereadores no Rio Grande do Sul. Num comparativo com a juventude peemedebistas de outros estados do País, foi a que mais elegeu, proporcionalmente, representantes para o Executivo e Legislativo.

O 13º Acampamento contará com a participação de delegações da Juventude de todas as regiões do Rio Grande do Sul e com a presença de líderes do partido. O ato político está previsto para ocorrer às 11h. A programação do evento ainda prevê momentos de confraternização, como a realização de gincana esportiva.

 

Assinatura de cinema do JC

O Jornal do Comércio lançou nesta quinta-feira (1°) uma ação promocional de assinaturas que é um presente de final de ano aos leitores. Em parceria com o GNC Cinemas, o JC dá um combo especial os leitores que fizerem assinatura de 6 meses.

Na compra do plano semestral, o assinante ganha mais um mês de assinatura e mais um combo de dois ingressos e pipoca, válido para assistir um filme em qualquer dia e hora da semana. O custo da assinatura semestral é de 5x de R$ 59,40. O combo é válido até fevereiro de 2017 e pode ser utilizado em qualquer sala do GNC em âmbito nacional.

"Hoje começa o mês do Natal, um mês de presentear, e essa campanha é um presente que une informação e entretenimento aos leitores do JC", afirmou a gerente de Marketing do Jornal do Comércio, Beatriz Moraes.

Também no lançamento da campanha promocional, o diretor comercial Luiz Borges e o gerente de Circulação Cláudio Gajko destacaram o mote da campanha, que aposta no momento das festas de final de ano, propício às confraternizações. "Esta campanha encerra nossas ações para 2016 e se insere dentro do espirito natalino", afirmou Borges. "É uma campanha que fecha o ano com sucesso. Em tempos de recessão econômica, o leitor tem a vantagem de usufruir a um preço especial o conteúdo do JC e um momento de diversão, ou de ainda presentear alguém", destacou Gajko.

A promoção especial vai até o dia 30 de dezembro, e é válida enquanto durarem os estoques de ingresso. Para mais informações desta e outras modalidades de assinatura, acesse www.jornaldocomercio.com/assine ou ligue para 0800-0510133.

 

Arena Condá recebe multidão para missa e homenagens às vítimas do voo da Chapecoense

Uma multidão foi até a Arena Condá, em Chapecó, na noite desta quarta-feira, 30, para mais uma homenagem aos atletas, dirigentes e jornalistas que sofreram acidente aéreo na Colômbia. Outra celebração foi realizada simultaneamente em Medellín, no estádio onde seria realizado o primeiro jogo da decisão da Copa Sul-Americana.

Foto: Paulo Munauar/ADR Chapecó

Em Chapecó, um altar para a celebração religiosa foi montado no meio do campo. Familiares dos mortos receberam a solidariedade e o carinho de todos. Estiveram presentes o goleiro Marcelo Boeck - atualmente do Palmeiras, mas que já atuou na Chapecoense -, e jogadores que não foram convocados para a partida na Colômbia.

As torcidas organizadas cantaram e fizeram muitas homenagens. As vítimas da tragédia foram relembradas, em forma de escalação no telão do estádio, sob muitos aplausos e gritos de “campeão”.

Na Colômbia, a cerimônia foi realizada no Estádio Atanásio Girardot, local onde seria realiza a partida com o Atlético Nacional.

Velório na Arena

Na manhã desta quinta-feira, 1, a assessoria de comunicação da Chapecoense realizou uma nova entrevista coletiva com mais de 500 jornalistas. Foram apresentados os procedimentos e encaminhamentos para a despedida. São esperadas cerca de 100 mil pessoas no velório coletivo, na Arena Condá. A nova previsão é que o velório aconteça no sábado, 3.

Para agilizar a cerimônia fúnebre, os torcedores não terão acesso ao gramado, onde estarão os caixões. A este local terão acesso somente os familiares. A imprensa ficará no gramado, mas com certa distância. O assessor da Chapecoense, Andrey Copetty, informou que a segurança no aeroporto municipal deverá ser feita pelo Governo Federal. O governador do Estado de SC, Raimundo Colombo, acompanhará as homenagens, e é esperada a presença do presidente da República, Michel Temer.

Do aeroporto até a Arena Condá, os caixões serão transportadas em três caminhões abertos, e o trajeto terá as ruas bloqueadas. A duração total das cerimônias, deste o aeroporto até os atos de homenagens no estádio, deve durar em torno de quatro horas. No encerramento, serão feitas homenagens com honras militares, salvas de tiros e toque do silêncio. Depois disso, cada família decidirá qual o local e o procedimento para os funerais. Em Chapecó, deverão ser sepultados cerca de 16 corpos.

Em webprograma semanal, Raimundo Colombo fala sobre acidente com a delegação da Chapecoense na Colômbia

O webprograma Com a Palavra, o Governador dessa semana teve um único assunto: a tragédia que comoveu o mundo e deixou 71 mortos, em Medellín, na Colômbia. O avião que caiu levava a delegação da Chapecoense e jornalistas brasileiros para a primeira partida da final da Copa Sul-Americana contra o Atlético Nacional.

“Foi um impacto muito forte, tanto que o mundo inteiro parou para demonstrar a sua solidariedade e a sua dor. A Chapecoense vinha fazendo um trabalho extraordinário de engrandecimento do esporte no país. Um time de uma cidade do interior, com pouca tradição em nível nacional e internacional, que estava se destacando e tendo um excelente desempenho no Brasil e, pela primeira vez, disputando a Copa Sul-Americana...”, lamentou o governador.

Colombo destacou o trabalho realizado pelo Governo do Estado de SC e enalteceu o que foi feito pelo governo da Colômbia. “Deslocamos imediatamente uma equipe para Medellín, e lá foi feito um trabalho junto à embaixada brasileira e, sobretudo, com o governo colombiano, que foi muito prestativo e agilizou tudo. Impressionante como eles se dedicaram”, afirmou.

Em sua mensagem final, o governador disse que é uma hora difícil e as palavras perdem a força. “É um sentimento que não tem como não ser de dor e sofrimento. À todos que ajudaram e aos familiares, recebam a nossa solidariedade, nossa fé e nosso apoio", disse.

A entrevista, na íntegra, está disponível nos canais oficiais do Governo no Vimeo e no Youtube. A versão, apenas em áudio, pode ser acessada na Rádio Secom.

 

Governo do Estado, Secretaria dos Transportes e prefeitura de Santo Ângelo inauguram estrada de acesso ao Buriti, esperada há mais de 25 anos


Acesso foi inaugurado nesta sexta-feira (02). - Foto: Kika Rauber

Seguindo a busca por melhorias na malha rodoviária gaúcha, o governo do estado e a Secretaria dos Transportes entregaram mais uma obra nesta sexta-feira (02). Desta vez o município beneficiado é Santo Ângelo, que teve concluído os serviços de pavimentação e recapeamento asfáltico na estrada de Acesso ao Distrito Buriti, com extensão de 10.623,00 metros.

De acordo com o secretário Pedro Westphalen, a entrega da via é mais um passo importante dado pelo Rio Grande do Sul. “Esse acesso que entregamos é da mais alta importância, por ser o resgate de uma obra parada há muito tempo. O Buriti é uma comunidade próspera e que tinha dificuldades de se comunicar com Santo Ângelo devido a estrada não estar com seu asfalto concluído. Esse é um dos 13 convênios resgatados pelo nosso governo. Com isso, conseguimos entregar essa obra da mais alta qualidade, cumprindo mais uma obrigação”, destacou o titular da pasta dos Transportes.

Para o Diretor de Infraestrutura Rodoviária do Daer, Luciano Faustino,a autarquia irá manter o ritmo intenso das obras e dos investimentos nas rodovias do estado. “No caso dos convênios municipais com o financiamento do BNDES, foi possível desenvolver um ritmo muito bom nas obras, e o resultado disso é uma série de conclusões. Esse convênio do Buriti é um dos mais expressivos de valores e extensão, e irá promover um desenvolvimento na região”, disse.

O prefeito Andres, de Santo Ângelo, comemorou o novo acesso. “O distrito do Buriti é o principal de Santo Ângelo. Ele tem muita produção econômica e diversas agroindústrias de embutidos, linguiças e queijos. Esse asfalto entre a cidade e o distrito é um incremento importante para a região”. Andres ainda celebrou a inauguração após anos de espera. “Fazem mais de 25 anos que esperamos esse acesso. Fico muito orgulhoso de ser entregue agora para a nossa população”, concluiu.

O valor investido foi de R$ 5.743.355,92, sendo que o Estado, através do Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer), repassou R$ 4.594.649,70. Os recursos foram oriundos do Banco Nacional do Desenvolvimento (BNDES). A responsabilidade de fazer a obra foi do município, enquanto o Daer ficou encarregado com a fiscalização.

 

de Serafina

MÓDULO ESP LAURINDO CADORE - BAIRRO PLANALTO


2 de dezembro de 2016

DE SAO BORJA

40 ANOS SEM JANGO. SÃO BORJA NÃO VAI LEMBRAR DO PRESIDENTE FALECIDO

ESPECIAL, POR OLIDES CANTON, DE SÃO BORJA

NÃO HÁ NENHUMA HOMENAGEM PREPARADA PRA MORTE DO JANGO. FAZ 40ANOS QUE O EX PRESIDENTE MORREU NO EXILIO NA ARGENTINA. O PDT DAQUI LEVOU UM TAQUARAÇO DA ARENA ANTIGA, HOJE PP, E ESTÁ MAIS PRA BAIXO QUE RABO DE CAVALO. HAVERÁ APENAS A OBRIGATÓRIA SESSÃO DA CAMARA MUNICIPAL QUE POR LEI TEM QUE SER FEITA.

FAMILIARES DE JANGO TAMBÉM NÃO VIRÃO A SÃO BORJA. CRISTHOPHER GOULART , NETO DO EX-PRESIDENTE, ME DISSE QUE OPTOU POR FICAR EM PORTO ALEGRE.ELE É FUNCIONÁRIO HOJE DO GABINETE DO SENADOR LASIER MARTINS, DO PDT. E É SUPLENTE DO SENADOR.

JANGO MORREU NA SUA FAZENDA NA ARGENTINA. MUITOS DIZEM QUE FOI ENVENENADO. SEGUNDO CHITA, O FLORENCINHO, DONO DA LA BARCA. UM BOTECO NO CENTRO DA CIDADE,FILHO DO EX PREFEITO FLORENCIO AQUINO GUIMARÃES, DONA NEUSA GOULART NO VELÓRIO TERIA LIMPADO UMA BABA VERDE QUE SAÍA DA BOCA DO FALECIDO IRMÃO QUE ESTAVA SENDO VELADO.
- ELA BOTOU O LENÇO NA BOLSA E ESTE LENÇOU SUMIU, DISSE CHITA, QUE TEM CONVICÇÃO QUE JANGO FOI ENVENENADO. ATÉ HOJE NUNCA SE PROVOU NADA.JANGO ERA ALVO DA OPERAÇÃO CONDOR NAQUELES ANOS DE CHUMBO.

na prAÇA xv de novembro, NO CENTRO DA CIDADE, NÃO HÁ NENHUMA HOMENAGEM A JANGO.TEM 3 A GETULIO, UMA A BRIZOLA, UMA A APARICIO MARIENSE, MAS NADA A JANGO. DE JANGO APENAS UM BUSTO NA FRENTE DA PREFEITURA. BUSTO QUE O FALECIDO PREFEITO JUCA ALVAREZ CHAMAVA DE DOIS CABEÇÃO.PORQUE TEM UM DO GETULIO TAMBÉM.
SOB UM SOL DE 37 GRAUS ACOMPANHEI AGORA AS DUAS E MEIA A ESCOLA VICENTE GOULART NUM PROGRAMA DENTRO DA 31 FEIRA DOLIVRO. OS GURIS DE 4 A 5 ANOS APRENDERAM QUE TEM LÁ 3 LEMBRANÇAS DE GETULIO - 2 BUSTOS E UM MAUSOLEU, INAUGURADO EM 24.08.2004 ,UM BUSTO DE APARICIO MARIENSE - VULTO IMPORTANTE EM SB - UM BUSTO DE LEONEL BRIZOLA, A ESQUINA COLORADA, NADA DO GREMIO, ENTRE OUTRAS COISAS, COMO A PRAÇA DO JOÃO DA BALA E A BANCA DO JORNAL COM PROPAGANDA DO CORREIO DO POVO.AH, TAMBÉM OS GURIS APRENDERAM QUE O PALCO É PRAS AUTORIDADES NOS EVENTOS IMPORTANTES.
DE JANGO NADA. APENAS O BUSTO QUE FICA NA FRENTE DA PREFEITURA. SÃO BORJA DE CERTA FORMA NUNCA GOSTOU DE JANGO, APESAR DE TUDO O QUE SE DISSE AO CONTRÁRIO.JANGO É VISTO AQUI COMO UM FUJÃO, O QUE NÃO RESISTIU A DITADURA. O RESTO É CONVERSINHA MOLE PRA JORNAL.

CHITA ME DISSE HOJE QUE QUEM CARREGOU O CAIXÃO DO JANGO NO DIA DO ENTERRO FORAM OS JOGADORES DO SÃO BORJA QUE ENFRENTARAM OS MILICOS QUE NÃO QUERIAM MUITA MULTIDÃO NO CEMITERO COM MEDO DE TUMULTO.
- ERA UM DIA de muito tempo ruim, lembrou Chita. Ele tem 56 anos hoje.

aqui existe O MUSEU DO JANGO MUITO BEM ORGANIZADO...é mais visitado que o do getulio, que são os dois principais museus daqui.(olides canton, de são borja, sob um calorão de derreter miolos)

 

FOFOCAS SÃOBORJENSES

1.

DECO ALMEIDA ESTEVE NAS OROPAS. ELE NÃO É DE VIAJAR MUITO...É GERENTÃO DOS ANDREIS EM SB

2.


DECO ALMEIDA SEMPRE FOI DA ARENA ANTIGA.

NA DISCUSSÃO DE VERBA PUBLICA DA PREFEITURA NA CMSB NA 4 PASSADA, NÃO HÁVERBA PRA ELEVADOR DE 4 ANDARES DA SMEDUC. MAS TEM QUASE 200 MIL RESERVADOS PRA PROPAGANDA DA PREFA.


A FEIRA DO LIVRO SÓ SAIU PQ A DONA DA SUPERAÇÃO ENTESOU EM FAZER. O PREFA NÃO DEU UM PUTO.
OS BARRAQUEIROS SE REUNIRAM E FIZERAM COM AJUDA DO SESC E DAS FREIRAS. O PREFA SÓ FOI PRA INAUGURAR.
A DONA DA SUPERAÇÃO É FILHA DO IBRAHIM MAMUD, UM TURCO DONO DE LOJA AKI.

XEGO NA 4 DE TARDA NA SEDE DA FSB. PEÇO UM' JORNALIZINHO'. A ROSE QUE ATENDE ME DISSE

- AQUI SÓ TEM JORNAL, NÃO JORNALIZINHO. BEM SÃO BORJENSE.....

RAMAO AGUILAR COM ENORME SUCESSO NA FEIRA DO LIVRO DE SB O LIVRO ANDRÉS GUARURARAÍ Y AATIGAS, MAIS CONHECIDO NO BRASIL COMO O INDIO ANDREZITO.

NICO FAGUNDES SEMPRE DEFENDIA QUE A PONTE INTERNACIONAL SB -STHOME FOSSE COM O NOME DO ANDRECITO.

MAS ACABOU SENDO DA INGERAÇÃO

IBERE TEIXEIRA, QUE DIZEM SER O GARGANTA PROFUNDA DO JUREMIR MACHADO SOBRE ASSUNTOS DE JANGO E BRIZOLA, LANÇOU O LIVRO CRIMES DE SÃO BORJA NA FEIRA DO LIVRO. ESTA NA BANCA DO RODRIGUES NA FEIRA DO LIVRO. LIVRARIA CARMEL. PEDIDO PODE SER FEITO PELO CONTATO COM AUTOR advibere@bol.com.br
ibere escreve bem. proximod ele será LEONEL BRIZOLA, COMANDANTE DA LEGALIDADE.

EGOS NAS ALTURAS
IBERE TEIXEIRA SE ESTRANHOU COM O PREFA FARELO ALMEIDA, QUE ESTÁ EM BAIXA DEPOIS QUE TOMOU UM ' LAÇAÇO' NA ELEIÇÃO PASSADA.

ALO FERNANDO DE URUGUAIANA. ESTOU AKI EM SB. QDO SAIRÁ A VISITA AI???

QUANDO ANTIGAMENTE UM AVIÃO RASGAVA O CEU DE SÃO BORJA, OS CARAS DIZIAM. LÁ VAI O BRIZOLA, OU LÁ VEM O BRIZOLA. AGORA É O HOMEM DO ARROZ, OU CELSO RIGO.

A FSB BAIXOU BASTANTE SUA CIRCULAÇÃO COM A CRISE.MAS CONTINUA UM BOM JORNAL. A REPORTER GELCI SARAIVA QUE SE METEU A CANDIDATA A VEREADORA TRABALHAVA NA REDAÇÃO NA MANHA DE 4 PASSADA. PRA EDIÇÃO DE SAB. ELA É BOA NISTO QUE FAZ, NÃO COMO VEREADORA.

FEIRA DO LIVRO DE SB NÃO PAROU POR UM TRIS. GRAÇAS AO SESC NA PESSOA DO MAURO E NELI.

2.
ELA TEM 31 ANOS.

DECO ALMEIDA, CRONISTA SOCIAL MAIS IMPORTANTE DA CITI, PENDUROU AS CHUTEIRAS. SE APOSENTOU DA RÁDIO CULTURA. ESTEVE NA ITALIA. E PEDIU O BONÉ TAMBÉM DA PREFEITURA. ONDE ENTROU NO TEMPO DA ARENA.

PROFESSORA ADRIANA DUVAL, NÃO CONFUNDIR COM NADINE DUBAL , DÁ AULA NA UNIPAMPA AQUI.

*

UM ALUNO DO JONALISMO NA UNIPAMPA CUSTA A BAGATELA DE 400 MIL REAIS ATE SE FORMAR.A VIUVA PAGA.

 

Chapecó prepara-se para velório coletivo das vítimas de acidente aéreo

De luto, a cidade de Chapecó prepara-se para receber os corpos dos atletas e dirigentes da Chapecoense e dos jornalistas que fariam a cobertura da Copa Sul-Americana e estavam no avião que caiu na cidade colombiana de Medellín. A assessoria de comunicação da Associação Chapecoense de Futebol informa que o velório com as vítimas deverá ser coletivo, aberto ao público e realizado no gramado da Arena Condá. O aeroporto municipal também está sendo preparado para receber o avião que fará o traslado dos corpos.

Fotos: Paulo Munauar/ADR Chapecó

Os corpos devem chegar em Chapecó nesta sexta feira,2, ou no sábado, 3. Após a realização de uma cerimônia religiosa que deverá ser breve, cada família decidirá aonde o familiar será sepultado. Ainda não se sabe quantos corpos serão sepultados em Chapecó. Nesta quarta-feira à noite, no horário em que seria realizado o jogo em Medellín contro o Atlético Nacional, haverá uma grande missa na Arena Condá em homenagens às vítimas.

Cidade comovida

Há um silêncio de luto pelas ruas da cidade. Onde há conversa, o assunto é a tragédia com a Chapecoense. O clima é de tristeza e apoio aos familiares. Em solidariedade, os símbolos da cidade, bem como o comércio e indústria, demonstram seus sentimentos, colocando faixas em preto e verde e cartazes de apoio. Na Catedral Santo Antônio, enormes faixas pretas foram colocadas desde as torres até a entrada da igreja. O mumento Desbravador, símbolo de Chapecó, também recebeu está de luto.

No município, as aulas da rede estadual foram suspensas nesta terça, 29, e quarta-feira, 30. O mesmo procedimento ocorre nas escolas da rede municipal de ensino. As universidades também suspenderam as aulas por dois dias, e nesta quarta-feira o prefeito em exercício Elio Cela decretou ponto facultativo. A prefeitura decretou luto oficial de 30 dias e todos os eventos agendados foram suspensos.

 

Identificados 45 corpos das vítimas do acidente aéreo na Colômbia

O secretário executivo de Assuntos Internacionais, Carlos Adauto Virmond Vieira, informou, no final da tarde desta quarta-feira, 30, que 45 corpos das vítimas do acidente aéreo envolvendo a delegação da Chapecoense e um grupo de jornalistas estão formalmente identificados. Carlos Adauto está em Medellín, onde acompanha os trâmites para agilizar a liberação dos corpos das vítimas. “No Comitê de Desastres, montado no aeroporto de Medellín, o secretário de Segurança Pública de Medellín, Gustavo Villegas, informou que os 45 corpos começam a ser embalsamados nas próximas horas”, disse.

Há uma expectativa que todos os corpos estejam identificados e embalsamados até noite de quinta-feira, caso não ocorra nenhum problema técnico. Duas aeronaves da FAB, que farão o transporte dos corpos de Medellín até Chapecó, já estão posicionadas na Base Aérea de Manaus aguardando a conclusão dos trabalhos na capital colombiana para fazer o traslado.

Carlos Adauto disse ainda que a prefeitura de Medellín está organizando um ato de despedida às vítimas do acidente. “Estão sendo providenciados 70 carros funerários para levar os corpos até o aeroporto de Medellín, onde terá uma cerimônia com honras militares para os atletas e jornalistas que perderam a vida nesta tragédia aqui na Colômbia", afirmou.

O secretário também informou que os médicos catarinenses que integram a comitiva do Governo do Estado visitaram os hospitais nos quais os sobreviventes estão internados. “A impressão geral é que tratam-se de hospitais de altíssima qualidade e que todo o atendimento prestado às vítimas do acidente, desde os primeiros socorros até o atendimento em UTI, foram de um elevado nível técnico”, disse.

 

Banrisul reduz taxas de juros e aumenta percentuais de financiamento do crédito imobiliário

O Banrisul anuncia que, a partir desta quinta-feira (01.12), as linhas de crédito imobiliário estão operando com percentuais de financiamento maiores e taxas de juros reduzidas. As alterações ocorreram nas modalidades para aquisição e construção de imóveis residenciais e comerciais novos ou usados.

O limite máximo de avaliação para enquadramento no financiamento de imóveis pelo Sistema Financeiro da Habitação (SFH) também aumentou, passando para R$ 800 mil.

Os interessados podem procurar a agência do Banrisul na qual são correntistas para obter mais informações e realizarem a simulação do financiamento.

 

Programação do Clube de Cinema para o próximo final de semana

No próximo Sábado (dia 03/12/2016) as 10h15min na Sala Multiuso Santander assistiremos ao filme "Depois de horas" (After hours - 1985). É a história de uma noite na vida de Paul Hackett (Griffin Dunne), um operador de computador que trabalha no centro de Manhattan e odeia seu trabalho, como também não suporta sua solitária vida particular. Na noite em questão, cansado de ficar sozinho em casa, foi ler em um restaurante. Lá uma bela e encantadora jovem, que estava em outra mesa, puxa conversa dizendo que adora o livro que ele está lendo. Logo está na mesa dele e os dois conversam animadamente, parecendo compartilhar de alguns interesses comuns. Ela lhe diz que está indo para a casa de uma amiga, que é escultora e mora no Soho. Ela diz que sua amiga faz um tipo de trabalho que ela vende como peso para papel e pergunta se Paul quer comprar. Ele não tem o menor interesse, mas a mulher que está à sua frente lhe desperta muitas coisas, e assim diz que quer comprar. Como ela não sabe o preço dá o telefone de Kiki Bridges (Linda Fiorentino), a escultora, e vai embora. Já em casa, Paul liga para Kiki, usando como pretexto seu interesse por pesos para papel. Logo Kiki lhe diz que a jovem com quem falou chama-se Marcy, que vai ao telefone e sugere que ele a encontre no apartamento do Soho. Ele concorda prontamente, mas o que poderia ser uma noite agradável torna-se o início de uma noite conturbada. Os problemas já começam no caminho, quando Paul deixa voar pela janela do táxi sua única nota de vinte dólares. As ruas de Soho estão escuras e abandonadas, como um mau presságio. Marcy está passando alguns dias no apartamento de Kiki, que faz esculturas estranhas, tem gostos sexuais "excêntricos" e conversa estranhamente, ocultado ter sido queimada. No quarto de Marcy, Paul tem a conversa sucinta de um primeiro encontro e ela diz que seguramente eles terão grandes momentos. Entretanto tudo começa a dar e uma sucessão de eventos infernam a vida de Paul. Esta maré de má sorte vai em um crescendo, ao ponto de ser perseguido por uma turma que crê que Paul seja um bandido.

No próximo Domingo (dia 04/12/2016) as 10h15min na Sala Paulo Amorim assistiremos ao filme "Amnésia" (Amnesia- 2015). Martha (Marthe Keller) vive sozinha de frente para o mar em Ibiza e sua vida começa a mudar quando surge uma amizade inesperada entre ela e Jo (Max Riemelt), um músico de 20 anos que sonha em ser contratado como DJ na famosa boate berlinesa Amnesia. O filme foi apresentado nas Seções Especiais do Festival de Cannes 2015.


1º de dezembro de 2016

de sao borja

FARELO ALMEIDA FAZ LIMPA NA PREFA. MANDOU 30 CC HJ PRA RUA. O CAPINCHO JÁ SE FOI A LA CRIA AMAIS TEMPO.

A FEIRA DO LIVRO ABRIU AKI COM ALGUMAS BARRACAS.SEM A PREFA. VAI SER A MELHOR FERA DOS ULTIMOS TEMPOS.DEI ENTREVISTA NA RADIO A FERIA E ESCULHAMBEI TUDO.

 

CNPL lança Programa "Preparando para o futuro" para combater trabalho infanto-juvenil

A Confederação Nacional das Profissões Liberais (CNPL), presidida pelo gaúcho Carlos Alberto Schmitt de Azevedo, lançou em Brasília, o Programa “Preparando para o Futuro” para incentivar a contratação de adolescentes e jovens aprendizes em entidades sindicais. Além da inclusão social, por meio do primeiro emprego, o Programa prevê contribuir para o combate do trabalho infanto-juvenil.

O Programa “Preparando para o Futuro” foi inspirado no Programa Adolescente Aprendiz, instituído pelo Tribunal Superior do Trabalho (TST), em 2012 e, incentivará, em âmbito nacional, as entidades sindicais na contratação de adolescentes e jovens aprendizes.

Atualmente, cerca de 3,3 milhões de crianças e adolescentes entre 5 e 17 anos trabalham no Brasil, destes, mais de 2 milhões são jovens acima de 14 anos que poderiam estar inseridos em programas de aprendizagem em ambiente protegido. Além disso, é importante destacar que mais de 50% desses 2 milhões de jovens atuam em trabalhos irregulares e com riscos à sua saúde e desenvolvimento.

O Programa, criado de acordo com a Lei de Aprendizagem nº 10.097/2000, atenderá adolescentes e jovens entre 14 e 24 anos, com a duração do contrato de trabalho de até dois anos. Durante esse período, o jovem será capacitado na entidade, combinando formação teórica e prática. Antes de ingressar na entidade sindical, o aprendiz selecionado receberá treinamento específico para iniciar o trabalho.

 

Agência Central do Banrisul é premiada com Selo de Acessibilidade 2016

A Agência Central do Banrisul foi agraciada com o Selo de Acessibilidade Porto Alegre edição 2016. O reconhecimento foi concedido pela Secretaria Municipal de Acessibilidade e Inclusão Social. A distinção será entregue nesta quinta-feira (01.12), às 14h, no Centro de Eventos da Pontifícia Universidade Católica do RS (prédio 41), em Porto Alegre. O Banrisul é a primeira instituição financeira de Porto Alegre a receber esta distinção e atende, atualmente, aproximadamente 72% da rede de agências com os critérios de acessibilidade.

O Selo e o Certificado de Acessibilidade foram instituídos na Capital em publicação no Diário Oficial de Porto Alegre, no Decreto 15.752. O objetivo é incentivar que os espaços atendam a todas as pessoas, com diferentes necessidades, de forma autônoma, segura e confortável, contemplando elementos ou soluções que assegurem a acessibilidade.

 

Acampamento de Verão da JPMDB-RS será neste final de semana



Será neste sábado e domingo, dias 3 e 4 de dezembro, em Tramandaí, no Grêmio Esportivo Geraldo Santana (Rua Marquês do Herval, 1732), a 13ª edição do Acampamento da Juventude do PMDB-RS.

O núcleo – que há exatamente um ano entregou documento ao governador José Ivo Sartori pedindo a reestruturação do Estado –, terá como uma das principais pautas as medidas de modernização apresentadas recentemente pelo Piratini.

"Além de avaliarmos as medidas que serão votadas pela Assembleia Legislativa, iremos pedir aos nossos jovens que sejam portadores e esclarecedores destas informações para a sociedade gaúcha”, esclarece o presidente da JPMDB-RS, Beto Fantinel.

Também integram a pauta do 13ª Acampamento a avaliação das eleições municipais. A JPMDB elegeu 7 prefeitos, 7 vice-prefeitos e 193 vereadores no Rio Grande do Sul. Num comparativo com a juventude peemedebistas de outros estados do País, foi a que mais elegeu, proporcionalmente, representantes para o Executivo e Legislativo.

O 13º Acampamento contará com a participação de delegações da Juventude de todas as regiões do Rio Grande do Sul e com a presença de líderes do partido. A programação do evento ainda prevê momentos de confraternização, como a realização de gincana esportiva.

Programação

Dia 3 (Sábado)

8h - Recepção das delegações
8h30 - Credenciamento
10h30 - Ato de abetura
12h30 - Almoço
13h30 às 14h - Inscrições para a gincana
14h30 - Início da gincana
18h30 - Final da gincana
19h30 - Ato de premiação
20h - Jantar

Dia 4 (Domingo)

- Programação livre



ARQUIVO



OLIDES CANTON - JORNALISTA

Nascido em 16 de Janeiro de 1952 na cidade de Serafina Corrêa-RS, Olides Canton passou nesta cidade toda a sua infância. Mudando-se para Porto Alegre, cursou a Escola Julio de Castilhos, tornando-se Bacharel em Comunicação Social pela FABICO/UFRGS em 1982. Trabalha como Jornalista desde 1970. Trabalhou na Companhia Jornalística Caldas Júnior, Jornal Zero Hora. No Jornal do Brasil e Revista Carga e Transporte atuou como free-lancer. Editor do Jornal de Bordo e Revista Fitness. Possui 9 livros publicados. Ganhou quatro prêmios de Jornalismo, um do Badesul, dois do Setcergs e um da ARI. Registro no Sindicato dos Jornalistas RS: 2776 - Registro Jornalista - Mtb 4959.

Telefone: (51) 3330-6803
e-mail: contato@deolhoseouvidos.com.br

Autor de inúmeros livros, Olides Canton firmou-se como um
exímio contador de histórias contemporâneas.
Conheça agora as obras do autor
© "de Olhos e Ouvidos"  -  Todos os direitos reservados
Os textos e imagens publicados neste site são de inteira responsabilidade de Olides Canton.


EDIÇÕES DO FITNESS

Edição 201 - novembro 2016
Edição 200 - outubro 2016
Edição 20 - agosto 2016
Edição 19 - julho 2016
Edição 187 - maio 2016
Edição 186 - abril 2016
Edição 185 - fevereiro 2016
Edição 184 - janeiro 2016
Edição 183 - outubro 2015
Edição 182 - setembro 2015
Edição 181 - agosto 2015
Edição 180 - julho 2015
Edição 179 - maio 2015
Edição 178 - março 2015
Edição 177 - feverero 2015
Edição 176 - janeiro 2015
Edição 175 - dezembro 2014
Edição 174 - novembro 2014

Edição 173 - outubro 2014

Edição 172 - agosto 2014

Edição 171 - junho 2014

Edição 170 - maio 2014

Edição 169 - março 2014
Edição 168 - janerio 2014
Edição 167
Edição 166
Edição 165
Edição 164
Edição 163
Edição 162

Edição 161
Edição 160
Edição 159
Edição 158
Edição 157
Edição 156
Edição 155
Edição 154
Edição 153
Edição 152
Edição 151
Edição 150
Edição 149
Edição148
Edição 147
Edição146
Edição145
Edição144
Edição143
Edição 142

Edição 141
Edição 140
Edição 139
Edição 138
Edição 137
Edição136
Edição135
Edição134
Edição 133
Edição132
Edição 131
Edição 130
Edição129
Edição128
Edição127
Edição 126
Edição125
Edição 124

Edição 123
Edição 122
Edição 121
Edição 120
Edição 119
Edição 118
Edição 117
Edição 116
Edição 115
Edição 114
Edição 113
Edição 112
Edição 111
Edição 110
Edição 109
Edição 108
Edição 107
Edição 106
Edição 105
Edição 104
Edição 103
Edição 102
Edição 101
Edição 100
Edição 99

ANUNCIE NO SITE

Entre em contato conosco

Edições Anteriores do Blog